Começo essa matéria muito feliz por entrevistar Marcia Rios, Beta Reader, dona do blog Apaixonada por Livros, que foi super simpática me concedendo essa entrevista tri legal e muito interessante para nós, os novos escritores.


*Fale um pouquinho sobre você, onde mora, quantos anos...
Oi Neiva, primeiro quero agradecer o convite, passei de “entrevistadora” a entrevistada, adorei a ideia.
Moro em São Paulo, casada, contadora, tenho 48 anos.
*Márcia, você é Beta Reader e, aliás faz uma revisão como ninguém, que falhas os autores normalmente cometem?
Thanks rs, na realidade não considero falha. Quando escrevemos, geralmente não percebemos os próprios erros, de uma maneira geral, mas os autores, por estarem “empolgados” diante de tantas ideias, estão mais suscetíveis a eles. Desse modo, poderá ser mais fácil para alguém de fora perceber pequenos erros que possam vir a ocorrer.


*Em sua opinião, as editoras estão realmente muito exigentes ou está faltando algum ingrediente nos livros dos nossos escritores nacionais?
Pelo que acompanho “ingredientes” aos nossos autores não faltam, e a demanda cresce de forma surpreendente, porém a Editora é uma empresa e como tal visa lucro, logo acredito que apostará no que é de interesse do momento.
*Sei que você também gosta de livros de banca, eu sou completamente apaixonada. Já vi muitas pessoas criticarem esses livrinhos. É uma literatura de baixa categoria ou apenas uma questão de gosto?
É verdade, devo ter mais de 200 aqui em casa. Também leio muitas e respeito todas as opiniões, mas aquelas que dizem detestar algo sem ao menos conhecer fica difícil. Quando faço postagens sobre eles, recebo comentários dizendo que consegui deixá-los curiosos, o que já considero um bom sinal.
Posso afirmar que não são de baixa categoria, ao contrário há excelentes autoras de banca que muitos desconhecem e são consagradas em editoras renomadas. Então pergunto: isso fará com que os leitores mudem de opinião se vierem a se informar e descobrir tal detalhe?
*Em sua opinião as novas normas de gramática será um problema para os escritores, já que estamos tão acostumados ao nosso velho e bom hífen, trema, etc.?
Apesar de discordar de alguns pontos que motivaram a reforma ortográfica, tenho que concordar que algumas alterações vieram em bom tempo já que para mim nem deveriam estar na velha rs, e não acredito que se tornará um problema é só uma questão de readaptação.
Li um excelente artigo sobre o trema no site Escritores de Quinta.
A despedida do Trema¨
Estou indo embora. Não há mais lugar para mim.
Eu sou o trema.
Você pode nunca ter reparado em mim, mas eu estava sempre ali na Anhangüera, nos aqüíferos, nas lingüiças e seus trocadilhos por mais de quatrocentos e cinqüenta anos. Mas os tempos mudaram. Inventaram uma tal de reforma ortográfica e eu simplesmente tô fora. Fui expulso pra sempre do dicionário. Seus ingratos!
Isso é uma delinqüência de lingüistas grandiloqüentes!
O resto dos pontos e o alfabeto não me deram o menor apoio… A letra U se disse aliviada porque vou finalmente sair de cima dela. O dois-pontos disse que eu sou um preguiçoso que trabalha deitado enquanto ele fica em pé. Até o Cedilha foi a favor da minha expulsão, aquele C cagão que fica se passando por S e nunca tem coragem de iniciar uma palavra. E também aquele obeso do O e o anoréxico do I. Desesperado, tentei chamar o ponto final pra trabalharmos juntos fazendo um bico de reticências, mas ele negou, sempre encerrando logo todas as discussões. Será que se deixar um topete moicano posso me passar por aspas?
A verdade é que estou fora de moda. Quem está na moda são os estrangeiros, é o K, o W. “Kkk” pra cá, “www” pra lá. Até o jogo da velha, pra quem ninguém nunca ligou, virou celebridade nesse tal de Twitter, que, aliás, deveria se chamar TÜITER.
Chega de argüição, mas estejam certos seus moderninhos: haverá conseqüências! Chega de piadinhas dizendo que estou “tremendo” de medo.
Tudo bem, vou-me embora da língua portuguesa. Foi bom enquanto durou. Vou para o Alemão, lá eles adoram os tremas.
E um dia vocês sentirão saudades. E não vão agüentar.
Nos vemos nos livros antigos. Saio da língua para entrar na história.
Adeus…
Trema¨
O texto também foi noticiado no site da rádio USP, para quem quiser conferir é só acessar o link http://www.audiopapo.com.br/site/index.php?option=com_content&view=article&id=160:a-despedida-do-trema&catid=3:que-tal-o-seu-portugues&Itemid=11
*Os blogs literários tem o poder de engrandecer ou detonar um livro. É aceitável essa exposição da opinião do blogueiro ou existem regras a serem cumpridas?
Acompanho vários comentários e vejo que as críticas que deveriam ser construtivas ultrapassam a linha do bom senso. O que mais me incomoda é justamente em relação aos erros encontrados. Com certeza o autor se preocupa e quer saber, mas temos acesso a todos eles, então porque não informá-lo diretamente?
*Você prefere folhear um bom livro ou já se rendeu a onda de e-books?
Como sempre digo, não tenho preconceitos. Gosto de ler e não me importo em qual formato ele está disponibilizado. Aliás, se não gostasse não poderia ser Beta Reader rs.
*Deixe uma mensagem para nós, os novos escritores e uma dica para que possamos aprimorar nossa escrita a cada dia.
Jamais desista do seu sonho, aceite a crítica construtiva e apague a destrutiva.
Leiam, pesquisem sobre o assunto abordado, estudem e pratiquem a nova ortografia.
E não deixem de utilizar os serviços de um Beta Reader, estou à disposição rs.

*Blog ou Site:
Marcia, muito agradecida por você ter abrilhantado nosso blog com sua presença.

10 Comentários

  1. Ai que entrevista incrivel, amei conhecer mais da Marcinha, hummmm acho que vou precisar de seus serviços kkkkk

    Neiva cada dia melhor sua entrevista amiga.

    bjks
    Meninas vcs

    ResponderExcluir
  2. Own!! Se não é minha amiga linda chicletim, chatinha que eu amo!!!
    Puxa Neiva, arrasou na entrevista! Adorei conhecer mais da Marcinha, ela é uma fofa, alguém muito especial pra mim! Seu blog minha casa em SP!

    Haha adorei o texto do trema rs

    Linda a entrevista!
    bjks meninas

    ResponderExcluir
  3. Oi Neiva,
    Linda entrevista a Marcinha sempre om doce. Adorei a parte que ela comenta dos erros, realmente quando escrevemos no calor da emoção nos passam pequenos erros despercebidos.
    Ainda bem que contamos com anjos da guarda como ela.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  4. A Má é uma fofa, super simpática!
    Ela foi minha beta Reader, adorei seu trabalho!

    Neiva parabéns pela execelente entrevista!

    P/S: Sempre traga ótimas entrevistas como essa para nós!

    Beijokas

    ResponderExcluir
  5. Oi, to passando pra te dizer que tem um selinho pra você lá no meu blog (:

    http://oestranhomundodealineejuuh.blogspot.com/2011/06/selinho.html

    ResponderExcluir
  6. A Marcia é ótima e uma simpatia de pessoa! que entrevista legal, parabéns às duas!

    Beijo

    ResponderExcluir
  7. achei a entrevista mara, é bom conhecer um pouco mais das pessoas que estão por trás dos nossos livros maras.
    Beijos querida. ^^

    ResponderExcluir
  8. Esperei um pouquinho para comentar, vai que alguém não gostasse rs.

    Meninas, agradeço de S2 o carinho de vcs.

    Bjussssssss

    ResponderExcluir
  9. Só vc mesmo Márcia!! Para achar que alguém poderia não gostar !!ótima entrevista !! Parabéns Neiva a Márcia merece esse destaque, é a pessoa mais generosa que eu já conheci na net !!
    Amooo !!
    Mil bjks para vcs

    ResponderExcluir
  10. Adoro essa foto, Marcinha! rs
    Cara, mandou muito bem nas respostas e adorei o texto sobre o trema!

    Neiva, arrasou na entrevista.

    Beijo nas duas! ;)

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.