Oi, gente!!!


Demorei para voltar, mas aqui estou e com a resenha de um super lançamento. Super polêmico e está dando o que falar. Eu já li a trilogia completa em inglês e agora a Intrínseca está publicando em português.
Essa é a mesma resenha que eu já publiquei no meu blog (Walking in Bookland). Espero que vocês gostem e que seja útil para vocês saberem o que esperar de Cinquenta tons de cinza. No meu próximo post, provavelmente, teremos a resenha do segundo volume da série.
Encontre-me: Facebook - Twitter - Walking in Bookland - E-mail 

Título: Fifty Shades of Grey (BRA: Cinquenta tons de cinza)
Autor: E.L. James
Editora: Random House (BRA: Intrínseca)
Gênero: Ficção, Erótico
Páginas: 528
Publicado em: 2011 (BRA: 01/08/2012)
Avaliação: 4 estrelas
Sinopse: Quando Anastasia Steele entrevista o jovem empresário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir à beleza discreta, à timidez e ao espírito independente de Ana, Grey admite que também a deseja - mas em seus próprios termos...


Fifty Shades of Grey, ou 50 tons de cinza, é um livro polêmico. Ainda nem foi lançado oficialmente aqui no Brasil e já está na capa da revista Época (lerei a matéria essa semana). Não tem um meio termo nesse livro: ou você ama, ou você odeia.
Eu? Eu amei. Claro que não é um primor da literatura com frases de efeito, bem estruturadas e com vocabulário rico, nem foi escrito com o objetivo de ser, mas ele entretém, principalmente, as mulheres.
Eu estava muito curiosa para lê-lo, mas vi muitas críticas negativas e fiquei com o pé atrás. Minha curiosidade venceu e eu me joguei, comprei os 3 kindle books de uma vez e não me arrependo. Essa é a prova de que gosto é gosto e não deve ser discutido!
Gente, o que precisa ser entendido aqui é o fato de que ela não é uma escritora, nem tem formação para tal (eu acho). E.L. James é mãe, produtora de TV e escreveu uma fanfiction que fez um sucesso estrondoso. Se o sucesso foi mais pela curiosidade do que pela qualidade, não vem ao caso, mas a série está no topo dos Kindle Books e Livros mais vendidos há 128 dias no Amazon.com. (Sim, sou dessas que defenderá Christian Grey e Anastasia Steele com unhas e dentes!)

A sinopse é simples e não diz muito sobre o que acontece de verdade, apenas o básico: garota encontra garoto e se apaixonam... É, não é bem assim que as coisas funcionam para o Mr. Grey. Ele tem um gosto peculiar em seus relacionamentos e cabe a Anastasia decidir se está pronta e se deseja participar desse mundo totalmente desconhecido para ela. O passado de Christian Grey o assombra e Anastasia quer conhecê-lo, mas ele não parece estar disposto a se abrir com ninguém, nem com ela. Não dessa maneira.
Só para variar um pouco, a Anastasia me irritou inúmeras vezes e, mesmo todo o cenário sendo um tanto improvável, eu me coloquei no lugar dela para pensar como eu reagiria a tudo isso. Dúvida cruel.

O livro tem uma temática adulta, erótica, com descrições bem calientes, do nível de Irmandade da Adaga Negra para mais. Arrisco dizer que metade do livro é de cenas de sexo e a outra metade é sobre as interações sociais e batalhas internas de Anastasia.
A leitura é viciante e eu não consegui parar de ler até chegar ao final do 3º livro. Sério. Uma coisa se prende a outra, você quer saber o que vai acontecer e quando percebe, acabou o primeiro e você necessita desesperadamente do próximo, porque as coisas não podem acabar daquele jeito!

Na minha opinião, não é um livro para menores de 16 anos. E isso faz com que eu pense no filme: o que vai ser desse filme? Muita coisa terá que ser mudada para ter uma censura para menores de 18 anos.

4 estrelas porque ele garante o que propõe: uma leitura para entreter, não apenas, mas principalmente a mulherada e dar uma apimentada na vida! Aposto que muitas mulheres mudaram seus “hábitos” na vida a dois depois da leitura.

ATENÇÃO: Essa foi a minha resenha, agora vou fazer uma relação dos personagens com Twilight (Crepúsculo), se você quer saber as semelhanças e diferenças, continue lendo...

Cenário: o estado de Washington, na costa oeste dos Estados Unidos.

Família Grey X Família Cullen: muito ricos, filhos adotivos, a mãe Grey é médica, como o pai Cullen, e o pai é advogado, mas não são vampiros, nem nada disso. Se dedicam a caridade e participam de muitos eventos sociais. A única filha mulher da família Grey, Mia, tem grande semelhança com Alice Cullen.

Christian Grey X Edward Cullen: Christian é tudo o que o Edward é, mas melhor! Ele não é vampiro, mas se acha uma pessoa ruim, indigna de ser amado. Adverte Anastasia diversas vezes para se manter longe dele, que ele não era certo para ela. Super protetor, preocupado com a segurança dela, Christian fica nervoso quando ela faz coisas estúpidas que colocam a sua vida em risco (Edward feelings?). É podre de rico e lindo, maravilhoso, plus super HOT! E para Mr. Grey... Virgem? Vamos resolver essa situação AGORA!

Anastasia Steele X Bella Swan: Anastasia é mais velha que Bella e já está se formando na faculdade, mas ainda é insegura, se acha sem graça, é um pouco irritante, nenhum cara nunca chamou a sua atenção de verdade, tem um melhor amigo, José, que é apaixonado por ela. As diferenças são: ela é irritante, mas não tanto quanto a Bella. Ela não ilude o amigo, Anastasia tem certeza de que não sente nada por ele. Seu pai morreu e o padrasto que ela considera como pai já se divorciou de sua mãe e mora sozinho em Washington. A mãe casou de novo e mora na Geórgia. Ah, o padrasto/pai é muito amigo do pai do José, assim como o pai da Bella e do Jacob.

José Rodriguez X Jacob Black: os dois são apaixonados pela melhor amiga, mas o José não é chato e insuportável que fica insistindo com a Anastasia. Ele não gosta do Christian, mas respeita a decisão de sua amiga.

Graças ao bom Deus não existe um triângulo amoroso como Edward x Bella x Jacob na história.

12 Comentários

  1. EStou curiosa com esse livro, claro. E estava esperando as resenhas para decidir se quero ler ou não. Fico pensando se o livro é realmente bom, ou o se o pessoal do marketing é que fez um otimo trabalho. Vou aguardar o lançamento e ler mais sobre o livro, mas parece que se não é excepcional, pelo menos é razoavel e cumpre seu papel. Bjkss

    ResponderExcluir
  2. Carolina Durãessábado, julho 28, 2012

    Oi Karina, tudo bem?
    Eu ainda estou indecisa se vou ler ou não o livro... provavelmente vou esperar lançar o livro três da trilogia para comprar. Meu receio não é pelas cenas hots rs, mas apenas porque eu não sei ainda se será um bom investimento. Adorei a resenha, parabéns!
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá,esse livro realmente é um sucesso.Mesmo sendo TÃO CALIENTE assim,rs...
    Amei de verdade sua resenha,parabéns!:D

    ResponderExcluir
  4. Bem até agora já li duas resenhas. Com opiniões bem distintas. E provavelmente eu vou ter que ler o livro pra saber, mais estou um pouco com o pé atrás (não gostei muito de Crepúsculo, não que seja ruim, só não senti nada, na verdade eu não tive nenhuma reação e o filme teria passado como bom, se não fosse o fato de vampiros 'brilharem', enfim). A única coisa que me deixou 'meio feliz' foi o fato de não ter um triangulo amoroso (são pouquíssimos os que eu gosto e o autor tem que saber trabalha-los muitíssimo bem). Ainda estou me decidindo sobre ler em inglês ou esperar sair em português (mais como eu sou muito preguiçosa, provavelmente vou esperar toda a saga sair em português)

    ResponderExcluir
  5. Engraçado que minha amiga me recomendou hoje para ler esse livro. Falou que é realmente muito bom. A capa é bem legal :D
    Adoro esses temas, são os mais legais, deixa a pessoa intravertida na leitura. Hihihi 6'

    ResponderExcluir
  6. Ai ai ai... sei não! Fiquei com vontade de ler; aí li resenhas negativas, me desencantei.... E agora, vem essa resenha! Não sei!

    ResponderExcluir
  7. Eu amei o livro *__*
    Quero muito ler os próximos, gostei muito da resenha, é a primeira que leio sobre ele.
    Adorei você escrever as semelhanças e diferenças, parabéns!

    @Agda01

    ResponderExcluir
  8. Gentee eu quero muito essa trilogia!!
    Espero ter dim dim pra comprar heheheh

    ResponderExcluir
  9. Ká,
    eu tbm li a trilogia em inglês e adorei.
    O primeiro livro é o meu preferido.
    Inevitável não estabelecer algumas comparações com Twilight,afinal a estória surgiu de uma fic de Edward/Bella

    bjs Nati

    ResponderExcluir
  10. Graças a Deus mesmo!!!
    Não gosto de Jacob, acho ele irritante, insistente e inconveniente!
    Quero muito ler este livro, embora seja meio hot demais...kkkk
    Adoooorei saber que existem semelhanças com twilight, pois sou mega fã!!!

    beijos

    ResponderExcluir
  11. Já havia lido a resenha no blog da Karina, mas li novamente. Mudei tanto de opinião a respeito desse livro em tão pouco tempo! Fiquei interessada, curiosa, gostei, não gostei, decidi não ler, achei melhor dar uma chance no final das contas... Até hoje, ainda não li. Não pretendo comprá-lo, pois há dezenas de livros que me interessam mais. Todavia, caso o ganhe numa promoção, pretendo lê-lo - afinal o primeiro capítulo captou minha atenção - e fazer uma resenha aberta, sem o máximo de influência de minha visão cristã.

    Fátima Menezes - @fatimamd

    ResponderExcluir
  12. Pelo que andei lendo sobre o livro tem que estar com o ar-concionado ligado no máximo para poder chegar ao final da história. Sabe o relacionamento Dominador e Dominada é esse o tema principal do livro.
    Esse nã vai para a minha lista...
    Não sou puritana mas gosto de sutileza para abordar o tema de sexo num livro.

    Um leve bater de asas para todos!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.