Sinopse - Enviados - Os Anjos Sentinelas #1 - Heather Terrell - "Ellie nunca foi particularmente boa para conversar com rapazes ou com alguém que não fosse sua melhor amiga Ruth. Então ela conheceu Michael. Michael é bonito, charmoso, doce e está totalmente a fim de Ellie. Não é à toa que ela se sente imediatamente atraída para ele. Mas Michael tem um segredo. E ele sabe que Ellie também está escondendo alguma coisa. Eles descobriram que ambos têm poderes que são de outro mundo. Os dois jovens estão determinados a descobrir o que são e como ficaram daquele jeito. . . juntos. Mas a verdade tem repercussões que eles não poderiam imaginar. E logo eles se encontram no centro de um antigo conflito que ameaça destruir tudo o que amam, de forma que nem ao menos fica claro se Ellie e Michael vão escolher o mesmo lado".



Minha opinião - Deixe-me pensar por onde começar essa resenha... Quando eu li a sinopse desse livro, achei maravilhoso. Pensei comigo: "Nossa, deve ser fantástico". É por isso que as vezes eu prefiro ler um livro sem muitas expectativas rs. Calma, não se assustem. O livro não é ruim, mas eu o classificaria apenas como bom. Eu achei a ideia muito boa, mas o desenvolvimento da história deixou a desejar. O livro ficou meio corrido, e alguns detalhes não foram muito trabalhados. 

Ellie é uma garota que se acha sem atrativos, o que a faz agir de modo introspectivo e tem amizade apenas com Ruth. Geralmente nessa situação, a melhor (e única) amiga das mocinhas são personagens alegres que conseguem roubar uma e outra cena para ajudar no andar da história. Bom, eu achei a Ruth chata rsrs. Michael é um personagem que em alguns momentos parece um príncipe no cavalo branco, e em outros... bom, em outros não é. Eu sei, eu sei, os personagens principais são adolescentes e a inconstância é a principal característica deles. Eu entendo isso.

Nesse primeiro livro nós temos: um romance avassalador, um segredo revelado, uma conspiração que envolve salvar o mundo, e tudo isso em menos de 300 páginas. 

Aí vocês vão ficar pensando: "poxa Carol, então o livro é ruim?". Não, o livro não é ruim, mas na minha opinião faltou algo para transformá-lo em um sucesso. O livro é uma leitura gostosa, porém, na minha opinião superficial. Em alguns momentos me peguei pensando: "mas como foi mesmo que isso aconteceu?". Realmente gostei das passagens dos sonhos sobre voos, adorei a sensação de liberdade que senti ao ler esses trechos. 

A história é boa, até mesmo o embasamento utilizado para formar a trama é bem interessante. Para aqueles leitores que intercalam uma leitura pesada com uma mais tranquila (geralmente é o meu caso) ou que procuram uma leitura leve, esse livro é uma boa pedida.

Espero que tenham gostado da resenha com sentimentos conflituosos que eu escrevi rs.
Beijos

6 Comentários

  1. O tema parece meio batido, mas não desinteressante.
    Acho que faltou um bom editor para adequá-lo ao público.

    ResponderExcluir
  2. A resenha esta ótima, vocês nos mostrou, os pontos fortes e negativos, mostrando que apesar de ser um livro bom, sua estória pode não ter tanto atrativos que nos prende. Não tenho certeza se leria, principalmente por se tratar de uma série, mas gostei de conhecer sobre o livro, quem sabe um dia =D

    Bjs

    Da Imaginação a Escrita

    ResponderExcluir
  3. Pensei que o livro era ruim, quando disse que melhor ler sem expectativas...hehe
    Ainda bem que você coloca os pontos negativos e positivos. Entendi perfeitamente o que disse, muitas vezes é assim.

    ResponderExcluir
  4. Oi Carol,
    Você não é a primeira a dizer que falta algo a esse livro e por isso vou deixar passar.
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  5. ká vc é super sincera em sus resenhas e eu adoro isso, pois vc sempre da boas dicas!

    ResponderExcluir
  6. Acho o livro muito lindo, adoro esse tema, acho bem interessante. Adoro leituras leves, por isso acho que vou me dar bem com esse livro

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.