Sinopse 


Sofia vive em uma metrópole, está habituada com a modernidade e as facilidades que isto lhe proporciona. Ela é independente e tem pavor a menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são os que os livros lhe proporcionam. Mas tudo isso muda depois que ela se vê em uma complicada condição. Após comprar um novo aparelho celular, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século XIX, sem ter ideia de como ou se voltará. Ela é acolhida pela família Clarke, enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de voltar para casa. Com a ajuda de prestativo Ian, Sofia embarca numa procura as cegas e acaba encontrando algumas pistas que talvez possam leva-la de volta para casa. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos...

Minha opinião


Ahhhhhhhhhhhhhhhh, eu deveria ter começado essa resenha com a musiquinha “até que fim, até que fim”, gente demorei tanto para compra esse livro que estou até com vergonha, mas também o preço não ajudava muito e graças ao bom Deus ele estava barato na Bienal. Agradeço quem me avisou que o livro estava 20 reais, não me lembro quem foi =\ kkkkk

Olha me surpreendi com o modo que a autora escreve, meu esse livro deveria estar em uma editora gigante, sério mesmo. (nada contra a editora por qual o livro foi publicado)

Estava essa semana a procura do livro perfeito e achei, Carina Rissi me fez viajar nessa historia. Pense em um livro inesquecível, pensou??? Bem ele não será mais um livro inesquecível quando você ler esse. To frita no top 10 nacional desse ano, to vendo que vou ficar em duvida kkkkkkk

Nesse livre conhecemos Sofia, que assim como as pessoas da nossa geração é uma viciada por tecnologia. Você deve estar se perguntando, o que isso tem a ver Ká? Imagine que você ficar sem computador, sem celular, sem nada de tecnologia, e sem um banheiro kkkk ta tem um banheiro que se chama casinha, mais é nojento, que nem é melhor comentar aqui kkkkkkk
Sofia, vive uma vida equilibrada, trabalha e tem um chefe pé no saco, não se importa com amor, não quer se casar, está feliz sozinha e nem procura por um pretendente. Muitas vezes ela prefere ficar sozinha, a sair com os seus amigos, mas em uma noite ela sai com sua amiga, para comemorar uma novidade, só que o celular da Nina cai na privada, mortinho da silva pessoal, e ai começa a aventura srrs

Confesso que esse início é um pouquinho cansativo, você até pensa em desistir da leitura, mais depois que isso passa você engole o livros tão rápido que quando acaba da até vontade de chorar, ou de pedir para autora continuar kkkkkkk

Sem celular, Sofia vai comprar outro, ela quer um com a melhor tecnologia que existe e acaba tento uma surpresa. Na loja uma mulher estranha, mostra um celular lindo e raro, sem pensar muito ela compra esse celular e aventura começa. Em sua primeira ligação, ela acaba indo para o século XIX, onde Ian um cara lindo, a ajuda e leva para sua casa.

No inicio ela fica perdida sem saber o que está acontecendo, assim começa a receber mensagens no celular, e nelas estão escritas que Sofia tem uma missão para completar naquele lugar, e assim que completar irá para casa. Será que ela irá se acostumar com tudo? E a relação dela com Ian, será que algo a mais irá rolar ai? Perguntas rolaram em minha cabeça quando estava lendo, eu fiquei irritada em algumas partes, mais na maioria eu ri, olha eu ri bem alto mesmo. Ainda mais na parte da casinha kkkkk só lendo para vocês entenderem.

Adoro livros que relatam o passado e a forma como a Carina nos mostra aqui e muito bem descrito, parece que estamos lá. E o melhor disso tudo, que está escrito no final do livro, ela não mostrou os escravos. Parabéns a essa autora, que irá fazer muito sucesso mesmo na nossa literatura. O final desse livro me agradou muito, não esperava que fosse ser daquele jeito.

Um livro nacional perfeito, que com certeza irá te surpreender. A quero falar da capa, ela encaixa certinha em uma cena do livro, acho que quem vai ler irá ver isso ^^

Bjksss
E a té a próxima 
Ká Guimarães

7 Comentários

  1. OI, Ká!!

    Que delícia de resenha, lindona!! Amei demais!! Uma pena que nos desencontramos na Bienal =( Tomara que a gente se esbarre por aí, né?

    beijão,

    Carina

    ResponderExcluir
  2. Achei bem interessante, nunca tinha visto esse livro. . .vou procurar por ele

    http://depositoderascunhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Ká, tudo bem?
    Amei a sua resenha *-*.. também estou querendo ler "Perdida" já tem um bom tempo e agora o novo livro da autora (ai céus, não tenho fundos para isso rs). Tenho lido críticas super positivas sobre o talento da autora e ao ler a sua resenha só fiquei com mais expectativas..
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha Ká, senti que você realmente amou o livro. Ainda não tinha lido resenhas desse livro e vi que os nacionais estão com tudo, isso é tudo de bom.

    ResponderExcluir
  5. Adoro as resenhas do blog, estou me apaixonando pelo livros. Estou amando as resenhas nacionais e ficando perdida ao mesmo tempo. Esse livro é encantador, e já o amei de cara.
    Já tive problemas para iniciar leituras nacionais, mais depois que engatei, foi só felicidade.

    ResponderExcluir
  6. Esses autores nacionais estão cada vez melhores e isso é um orgulho, prova viva de que nos temos a capacidade sim de fazer coisas boas e de qualidade! tenho esse livro e posso dizer é delicioso de ler!!! Divertido, envolvente e o mais vc não larga enquanto não le a ultima palavra

    ResponderExcluir
  7. Ahhhhh esse livro tá a muito tempo na minha lista, quero muito ele, principalmente por causa da casa, que é linda. Mas a história também me chamou muita atenção

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.