Sinopse - O Começo do Adeus - Aprendendo a se despedir... - Anne Tyler - "Anne Tyler nos leva a um romance sábio, assustador e profundamente tocante em que descreve um homem de meia-idade, desolado pela morte de sua esposa, que tem melhorado gradualmente pelas aparições frequentes da mulher — na casa deles, na estrada, no mercado. Com deficiência no braço e na perna direita, Aaron passou sua infância tentando se livrar de sua irmã, que queria mandar nele. Então, quando conhece Dorothy, uma jovem tímida e recatada, ele vê uma luz no fim do túnel. Eles se casam e têm uma vida relativamente modesta e feliz. Mas quando uma árvore cai em sua casa, Dorothy morre e Aaron começa a se sentir vazio. Apenas as aparições inesperadas de Dorothy o ajudam a sobreviver e encontrar certa paz. Aos poucos, durante seu trabalho na editora da família, ele descobre obras que presumem ser guias para iniciantes durante os caminhos da vida e que, talvez para esses iniciantes, há uma maneira de dizer adeus".

Minha opinião - Bom dia leitores do Acordei com Vontade de Ler, tudo bem com vocês? Hoje trago mais uma resenha. Dessa vez vou falar um pouco do que eu achei do livro "O começo do adeus" publicado pela editora novo conceito. Inicialmente, ao ler a sinopse, achei que o livro teria um leve toque sobrenatural. Mas não é exatamente isso que acontece. Sim, o Aaron começa a ver o espírito da esposa, mas a verdade é que não sabemos se é realmente um fantasma ou o fruto da imaginação do Aaron. Vou confessar que essa não foi uma das minhas leituras favoritas. Como explica a sinopse, Aaron perde sua esposa e depois disso começa a refletir sobre o seu relacionamento com Dorothy e a sua vida no geral. Dorothy era uma médica que não tem muita desenvoltura social (por falta de expressão melhor). Como Aaron foi mimado pela mãe e pela irmã a vida inteira devido a sua deficiência, logo que conhece Dorothy fica interessado nela, principalmente porque ela não o enche de cuidados. Infelizmente, um dia eles tem uma discussão boba (na verdade não chega nem a ser uma discussão) e uma árvore caí na casa, bem no local onde Dorothy foi após os dois discutirem. Aaron sente remorso e em muitos trechos fica pensando no famoso "E se..?" Achei o ritmo do livro um pouco lento demais, e o personagem principal meio sem graça. Não cheguei a simpatizar com o Aaron e nem ficar brava com ele, simplesmente não foi um personagem marcante. Ele passa muito tempo reclamando de tudo e de todos, e depois refletindo sobre o que poderia ter feito para mudar determinada situação. Eu gostei mais da história do seu empreiteiro (ficava o tempo todo torcendo para ele aparecer) do que do próprio Aaron. Acredito que se alguns trechos do livro fossem mais dinâmicos, o livro teria uma nova perspectiva. A história é boa, só precisava ser melhor trabalhada.
Espero que tenham gostado da resenha.
Beijos
Carol

6 Comentários

  1. Resumindo...Aaron é um banana, mulher gosta de homem que tem atitude, acho que não ia gostar de ler este livro não.

    ResponderExcluir
  2. Também tive essa sensação ao ler a sinopse, mas pelo que você falou acredito que seja mais o fruto do remorso mesmo...

    Achei que a capa não tem relação com a trama, :(

    Ganhei esse livro e um dia o lerei...

    Bjo.

    ResponderExcluir
  3. li o livro, mas o achei masi com uma cara de autoajuda e não achei que a capa combinou com a historia!

    ResponderExcluir
  4. Olha.... muita gente que conheço não curtiu esse livro. Não acho que vou lê-lo.

    Flor, te marquei num meme lá no blog: http://pribunnybooks.blogspot.com.br/2012/11/meme-laco-de-incentivo-leitura.html

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pela resenha Carolina! Estou ansiosa para ler O Começo do Adeus! Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  6. Gostei muito da sua resenha. Já vi algumas resenhas sobre esse livro, algumas positivas e outras negativas. Eu estava curiosa para ler este livro, mas acho que sua resenha me desanimou um pouco, não gosto de personagens que ficam se lamentando, muitas vezes a leitura fica chata e cansativa.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.