Sinopse - "Uma linda história de amor e amizade entre um homem e seu cachorro. Neste livro, o escritor Walcyr Carrasco registra os momentos mais engraçados e comoventes vividos ao lado de Uno, um cão que, além de um simples companheiro, tornou-se um verdadeiro amigo, ensilhou-lhe a enxergar as pessoas de outra maneira e, sobretudo, devolver-lhe a alegria de viver. Entre mordidas e lambidas, você irá rir e se emocionar com as aventuras desse anjo de quatro patas que renovou a rotina e os sentimentos de seu dono".




Minha opinião"Anjo de quatro patas" escrito pelo autor Walcyr Carrasco e publicado pela editora Gente é um livro emocionante. Se o leitor ama animais, se torna impossível não se identificar com a narrativa do autor. Walcyr transmite através de suas páginas tanto amor pelo Uno, que chega a ser palpável. Os detalhes e curiosidades do Uno (o fato de mais parecer um gato com as suas escaladas, de entender o Walcyr como se fosse gente), fazem com o que o leitor pense nas peripécias do seu próprio animalzinho de estimação. Com uma escrita fluida e estórias apaixonantes, o livro traz a jornada de Uno, e o quanto sua existência modificou a vida do autor. Apaixonante, emocionante e delicado. É assim que descrevo "Anjo de quatro patas".
Vou deixar dois trechos que me conquistaram durante a leitura:


"Apesar de grandes, da aparência de lobo e do uivo assustador, huskies não servem como cão de guarda. São dóceis. Adoram crianças. E não se consegue adestrá-los. Alguns treinadores cometem o erro de dizer que são burros. Coisa nenhuma. Possuem uma inteligência peculiar, uma personalidade forte. Francamente, não estão nem aí para ficar guardando os pertences dos humanos. No fundo, não nos pertencem. Eles sim, são nossos legítimos donos!" (p.15)


"Muitas vez, a relação de posse é total, e ai do humano desobediente!Uma amiga, moradora do mesmo condomínio que eu, acreditava ingenuamente ser dona de uma fêmea de pastor alemão. Todos os dias ambas repetiam a mesma rotina. A humana chegava de tarde. A cachorra esperava no portão e delicadamente pegava as suas mãos com os dentes. Depois a conduzia através do jardim até a porta de entrada, quando de rabo abanando a canina soltava a humana. Certo dia, a moça voltou cheia de sacolas de compra. Quando a cachorra foi pegar suas mãos, esquivou-se:- Hoje não!A cadela rosnou, atacou. Aos gritos, a humana foi socorrida pelo marido.....Acabaram os três, em um psicólogo de animais, que foi taxativo:- É muito simples. A cachorra acha que é sua dona. Todos os dias a pega no portão do jardim e a leva com a boca até a porta. Ela se revoltou porque você não obedeceu!..." (p.42)

Espero que tenham gostado da resenha!
Aguardo comentários!
Beijos
Carol


Promoção 

Olha a promoção chegando ai pessoal, vamos participar???? As regras são básicas: seguir o blog no GFC, curtir pagina no face, pode divulgar frase no Twitter e tem que comentar na resenha, só que não queremos um comentário dizendo:" Ai que legal", "Nossa que livro legal", "Estou participando". Queremos comentários que estejam relacionados ao livro e a resenha  ok? Boa sorte a todos os participantes! 







12 Comentários

  1. Olá, tudo bom? Espero que sim!

    Gostei muito dos seus comentários. Quero ler o livro pra formar uma opinião.

    Abraços,

    Igor Gouveia
    http://www.diariodebordodeumleitor.com/

    ResponderExcluir
  2. Nunca tinha ouvido falar sobre esse livro. Eu realmente amo animais, mas nunca li nada envolvendo eles como personagens principais. Eu acho que isso do cachorro achar que é dono ou não do ser humano é relativo de como vc cuida e trata do animal, não digo maus tratos, mas que devemos por um limite para eles.

    ResponderExcluir
  3. É incrível a capacidade de amar de um animal,a dedicação e o companheirismo deles me surpreende as vezes.Eles não precisam de muito para agradar,dê um pouco de carinho e atenção e você tem um animal dedicado a você por toda vida.O amor deles é incondicional.

    ResponderExcluir
  4. Ótima resenha, amei a promoção, pelo que percebi esse livro é uma declaração de amor aos animais, livros como esse devem abrir o coração das pessoas para que possam reconhecer o verdadeiro valor de uma amizade, mesmo que elas cheguem acompanhadas por um latido.

    ResponderExcluir
  5. Tenho uma paixão por cachorros e gatos (Tenho 6 gatos e 1 cachorro) são a alegria daqui de casa :) Sempre fico feliz quando recebo indicações falando desse amor lindo que os animais tem, os quotes escolhidos são lindos e interessantes ^^ Fiquei curiosa para ler
    Beijos,
    Jhey
    www.passaporteliterario.com

    ResponderExcluir
  6. Não tem como não se encantar por histórias que trazem essas criaturas tão apaixonantes. Fiquei bem curioso pra ler, pois além de gostar de animais de estimação, quero conhecer esse lado autor de livros do Walcyr Carrasco, pois só conheço as novelas.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  7. Ainda não tive o prazer de ler este livroi,mas já vi comentários bem legais a respeito.
    Quem sabe eu ganho e vou poder ler.

    ResponderExcluir
  8. Acho linda essas história vividas entre um ser humano e um cachorro, já li marley e eu e assisti sempre ao seu lado e em ambos me desidratei de tanto que chorei, com certeza esse livro também é muito emocionante.

    ResponderExcluir
  9. Realmente deve ser uma linda história, com certeza irei me emocionar, ainda mais quando tem animais no enredo.

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia esse livro, mas gostei da resenha .

    Participando . . .

    Seguidora : Debby

    E-mail : deborapirovic@gmail.com

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.