Bom dia Leitores do Acordei! Hoje no Divã temos a autora Lilia Uzêda que irá nos contar um pouquinho sobre ela mesma e sua obra.


Lilia Uzêda cresceu cercada por livros e histórias em quadrinhos e nunca abandonou o prazer de escrever. Por essa razão dedicou parte de seu tempo livre para dar vida ao mundo extraordinário do primeiro volume da saga fantástica: Etéreos.

Oi Lilia, tudo bem? Conte um pouquinho sobre você. Quem você é? O que faz? Quando foi que decidiu ser escritora?
Lilia – Tudo ótimo!!! Sou alguém completamente apaixonada por livros, passo horas dos meus dias livres lendo ou escrevendo. Vivi a minha infância e adolescência no interior. A tranqüilidade que a cidade pequena possuía permitiu que tivesse liberdade para brincar pelas praças, divertidos passeios de bicicleta, muita leitura de livros e revistas em quadrinho. Sempre gostei de escrever, desde cedo as minhas experiências acabavam virando histórias fantásticas. Escrevia com frequência peças, poesias, contos, mas não mostrava para ninguém, até que um dia criei coragem e decidi publicar. Amo demais ouvir música e reconheço que ela é fundamental para estimular o meu imaginário”.   

Quais são os seus autores favoritos?
Lilia – “Machado de Assis, José de Alencar, Érico Veríssimo, Marion Zimmer Bradley, Jane Austen, Ernest Hemingway, J. K. Rowling, C. Lewis...”

E os seus livros favoritos?
Lilia – São tantos livros favoritos, mas citarei os que mais me marcaram: Dom Casmurro e O Incêndio de Troia”.

Conte um pouco sobre o processo de publicação do seu livro. Fale-nos da sua experiência.
Lilia – Definiria como uma experiência extraordinariamente mágica. Experimentei a sensação de realização quando recebi a aprovação da editora. Claro que algumas dificuldades existem, mas posso afirmar sem medo que estou vivendo um dos momentos mais felizes da minha vida”. 

Como você vê o mercado literário nacional atualmente?
Lilia – Vejo o cenário literário nacional como um mercado bastante disputado por talentosos escritores descobertos a cada dia, mas muito aquecido por um avanço fabuloso no número de pessoas que estão se entregando ao prazer da leitura”.

Para um autor brasileiro, o que é mais difícil? Encontrar uma editora ou leitores? O que você acha dos leitores?
Lilia – A literatura nacional tem conquistado cada vez mais espaço nos corações dos leitores brasileiros. Quanto às editoras, acredito que deveriam existir mais projetos voltados para novos autores”.

Você tem alguma dica ou conselho para aqueles que querem publicar os seus livros?
Lilia – Diria para não desistirem de lutar por aquilo em que acreditam. É necessário ter coragem e força para alcançar determinados objetivos”.

Quando começou essa paixão pela literatura? Você tem alguma mania que sempre faz quando está escrevendo?
Lilia – Desde criança vejo a leitura como algo prazeroso e enriquecedor. Aproveitava aquele momento mágico com os livros para viajar por novos lugares, aprender com as experiências dos personagens e adquirir conhecimentos. Costumava pedir aos meus pais como presentes de aniversário as revistas em quadrinhos e livros. A minha irmã caçula e eu ainda mantemos o hábito de nos presentear com livros. Não sei bem se seria uma mania, mas sempre ouço música e tomo uma xícara de café antes de começar a escrever. J

O que os leitores podem esperar em “Etéreos – O Despertar”?
Lilia – A cada página os leitores vão se deliciar e se surpreender com as inúmeras aventuras antes da batalha final. O Despertar é o início de uma série de fantasia carregada por lindas histórias de amor, repleta de paixões arrebatadoras, valiosas demonstrações de lealdade e perseguições alucinantes numa atmosfera cercada por magia”. 
Qual foi sua inspiração para compor os personagens e a própria Lanóvia?
Lilia – A inspiração para criar esse território veio de muitas realidades que testemunhamos todos os dias. Queria que Lanóvia representasse qualquer lugar do mundo que mesmo depois do progresso ainda não conseguiu superar as situações de desigualdades. A cidade terá a chance de vencer grandes adversidades, tudo dependerá do entusiasmo e bom senso do seu povo, por isso os seus habitantes carregam valores como força, coragem, perseverança. Gente comum e gente com particularidades especiais que sustentam o desejo de buscar por algo capaz de mudar as suas vidas”.

A série “Etéreos” é composta de quantos livros? E já existe previsão de lançamento para os próximos volumes?
Lilia – Etéreos é uma série composta por quatro livros em processo de finalização. Preparem-se porque vem por aí muita emoção, romance, magia e aventura. A previsão de lançamento dos próximos livros será discutida com a editora”.

O que o futuro reserva para Lilia Uzêda? Já existe um novo projeto em andamento? Você pode falar um pouco dele?
Lilia – Outros projetos existem, mas atualmente estou me dedicando a finalizar a série Etéreos. Reconheço que o caminho a percorrer é longo, por enquanto desejo que as pessoas conheçam essa história mágica e se apaixonem por Etéreos”.

Bate – Rebate
Um livro: “O incêndio de Troia”.
Um sonho: “Menos desigualdades”.
Um autor: “Machado de Assis”.
Deus: “Tudo”.
Família: “Alicerce”.
Amigos: “Companheirismo”.
Escrever: “Realização”.
Sonhar: “Não ter limites”.

Lilia, muito obrigada por nos conceder a entrevista. Você gostaria de deixar uma mensagem para os leitores do blog Acordei com Vontade de Ler?
Lilia – Foi um prazer falar com vocês. Sinto que a leitura alimenta a alma. Os livros abordam através de suas metáforas diversas experiências humanas, retirem dessas histórias exemplos que sejam capazes de transformar as suas vidas”.

Onde encontrar:
Saraiva: Clique aqui
Siciliano: Clique aqui
Fan page: Clique aqui
Site: Clique aqui 

E então leitores do Acordei o que acharam da entrevista de hoje?
Aguardo comentários.
Beijos
Carol.

Um Comentário

  1. Também concordo que a literatura nacional tem avançado muito!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.