Sinopse - "Cada vez mais fazemos uso da pesquisa científica para conquistar melhor qualidade de vida. Sabemos o que devemos ou não comer, conhecemos o tipo de exercício que devemos praticar e por quanto tempo devemos fazê-lo, aprendemos alternativas viáveis para conquistar o sono revigorante... No entanto, nossos relacionamentos amorosos, parte importante de nossa vida, não parecem tão avaliados e estudados. Geralmente temos a sensação de que essa coisa de amor é um assunto da sorte. Mas será possível que a ciência explique por que algumas relações são produtivas e enriquecedoras, enquanto outras nos deixam perturbados e alienados? Pode a ciência explicar como muitos criam vínculos amáveis sem esforço algum, enquanto outros têm que lutar tanto pelo amor? Para o psiquiatra Amir Levine e a psicóloga Rachel Heller, a resposta é um evidente “sim”. Em "Apegados" — livro baseado nas pesquisas da Teoria do Apego, de John Bowlby —, os autores revelam como compreender os mecanismos de afeição que se criam entre os adultos, o que certamente nos ajudará a encontrar e a manter o amor. Seja você do tipo “ansioso”, “seguro” ou “evitante”, Levine e Heller se encarregam de oferecer instrumentos suficientes para que você possa construir relações mais fortes e reparadoras com as pessoas que ama".
Minha opinião -  "Apegados" é um livro meio difícil de resenhar, pois é um livro que aborda de forma mais científica o tema do Apego. Através de exemplos, os autores demonstram situações que já ocorreram e como determinado desfecho foi concluído de acordo com o tipo de apego. É uma leitura interessante, com vários questionários, tabelas, inventários de relacionamento. Apesar de que a primeira vista tive a impressão de se tratar de um livro de autoajuda, após a leitura eu o classifico mais como um livro científico. Não é uma leitura que irá agradar a todos, mas para aqueles que precisam refletir sobre relacionamentos, vale muito a pena dar uma conferida.
Espero que tenham gostado da resenha.
Aguardo comentários.
Beijos
Carol

Um Comentário

  1. Nossa, que abordagem diferente! Parece interessante mesmo. Gosto de conhecer as coisas sobre um ponto de vista mais técnico, mas realmente para fazer resenha não é fácil!

    www.universodosleitores.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.