Sinopse - "Jai Pausch passou por um trauma: a perda do marido para um câncer de pâncreas. A enfermidade de Randy Pausch também destruiu as verdades e as certezas em que Jay acreditava. Pega de surpresa pela doença, que avançou rapidamente, Jay Pausch precisou inverter suas prioridades. Acostumada a cuidar da família, percebeu que aquele era, também, o momento de cuidar de si mesma, porque, do contrário — caso fraquejasse —, sua família não sobreviveria. E, apesar de todas as alterações pelas quais passou, foi capaz de registrar a maior parte de suas experiências, dúvidas e medos. Este registro acabou se constituindo num relato vigoroso sobre como a morte muda o relacionamento entre as pessoas e sobre como é possível sobreviver, passo a passo, a essas mudanças. Sonhe Mais é referência para todos os que estão vivendo uma fase de transição e é leitura obrigatória para aqueles que passaram, ou estão passando, por um momento de dor".


Minha opinião - Eu havia lido o livro do Randy Pausch anteriormente e fiquei emocionada. As cartas deixadas para os filhos, as palestras ministradas, o modo como ele encarou o final de sua vida. Sem sombra de dúvida foi uma grande lição.  Em "Sonhe mais"  é possível observar o ponto de vista da esposa de Randy, a Jai. Através dela, ficamos sabendo como eles se conheceram, como foi a vida antes da doença grave do marido e todo o processo que ela enfrentou durante a doença: as aflições, os medos, a dificuldade de se tornar um cuidador de alguém que se ama, mas também o carinho, o amor e o perdão. 
O livro é uma belíssima visão de uma situação horrível e no caminho, encontrar um jeito de lidar com isso do modo mais humano possível.
Durante a leitura, eu chorei muito, pois o livro é um relato das rico em emoções da Jai. É impossível não se emocionar com o livro. É uma estória verídica, com situações que diversas pessoas infelizmente acabam passando: a perda de um familiar para o câncer.
O livro também fala do recomeço da vida de Jai após o falecimento de Randy. A assustadora situação de ser viúva e mãe. As dificuldades encontradas, a solidão e a necessidade de encontrar uma força interior que nem a própria Jai sabia que existia. 


"Mas a tristeza é somente um dos desafios que encarei como viúva e mãe de três filhos. No ano seguinte, encontraria muitos outros demônios escondidos nas sombras,  à medida que começa a me ajustar com a nova situação". (p.168) 
Em relação a revisão, diagramação e layout a editora está de parabéns pelo trabalho.
Espero que tenham gostado da resenha.
Aguardo comentários.
Beijos
Carol

4 Comentários

  1. Oi Carol, o livro parece ser bom hein?!
    Não conhecia!!!

    Bjooooooos

    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Achei a capa linda.
    Quanto ao tema achei muito interessante, deu vontade de ler.

    ResponderExcluir
  3. Olá! O livro parece ser bem interessante e ter uma abordagem útil sobre a forma de enfrentar os momentos difíceis. Com certeza é uma leitura agradável para os que estão com dificuldade de superar os problemas!

    A capa é linda!

    Abraços, Isabela.

    www.universodosleitores.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. O livro parece ser realmente bom. Ainda não conhecia,mas vou dar uma olhada por aqui,para ver se tem. ;33

    Bjs
    Hayanne Deise Lins
    *Profissão Adolescente*
    As inscrições para o sorteio de um livro diretamente de Portugal ainda estão abertas. Clique aqui para participar. :))

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.