Sinopse"Os Baltimore são uma típica família de uma pequena e pacata cidade norte-americana. Tudo muda para eles quando o filho mais velho, David, com 15 anos de idade, passa em primeiro lugar no Concurso nacional de Superinteligentes do Governo Americano. Reconhecido como o novo grande gênio da nação, ele é contratado pelo governo para uma carreira de cientista. Mas, em sua primeira missão, envolve-se em um misterioso acidente que o deixa entre a vida e a morte. Srta. Marshall, agente do governo, responsável pela missão, sente-se culpada pela tragédia. Max, o irmão mais novo de David, com a ajuda da Srta. Marshal, começa a investigar secretamente as circunstâncias daquele trágico e enigmático acontecimento. Na procura por respostas, eles se envolvem em aventuras perigosas, eletrizantes, e acabam descobrindo que, por trás de fatos aparentemente sem ligação, há uma trama cruel em curso. Como pano de fundo, ainda temos uma misteriosa lenda envolvendo um lago conhecido como Lago Dourado, que vai eleger nada menos do que o próprio Max para uma missão vital ao lhe transmitir o Poder da Luz: localizar e destruir o Agente Negro, que é o mentor intelectual desse complô maligno que está pronto para eclodir."

Minha opinião -  Os Baltimores vivem na cidade de Morangoville, onde desde o início demonstram ser uma família amorosa e "comum". O filho mais velho David, é o típico adolescente. Sua mãe Lisa ainda tem que dar os seus "gritos" para tirar o filho da cama diariamente. A normalidade é encerrada quando David é selecionado para o Concurso Anual de Superdotados do Governo Federal Americano (CASGFA). A partir desse instante, toda a família se vê mergulhada em um jogo de espionagem e o ganhador decide o rumo da humanidade! 
Em paralelo a isso, o livro fala de uma lenda, que fala de um determinado lago em Morangoville que concedia apenas aos escolhidos a capacidade de entrar em um mundo paralelo. Tal lenda envolve uma grande batalha entre o bem e o mal, onde Max, um jovem de 14 anos terá um papel fundamental. Aqui vale citar alguns detalhes interessantes do livro: em primeiro lugar, a criatividade do autor nos nomes das cidades, das agências e nos detalhes descritos na trama. 
"Dizia a lenda que dentro daquele lago havia uma caverna submersa, que dava passagem para outra dimensão do universo. Aquele que conseguisse achá-la entenderia o porquê da existência, desde os primeiros tempos até os nossos dias, de pessoas especiais ou portadores de grandes segredos e técnicas que as tornam diferentes, capazes de ajudar a escrever e mudar o curso da história da humanidade". (p. 13)

O enredo é muito denso, com muitas informações e situações, mas traz ao leitor um universo totalmente diferente. Um detalhe muito legal do livro é que o autor consegue mesclar lenda, com tecnologia e ação.
A construção dos personagens é bem elaborada, porém existem alguns pontos que deixaram a desejar. O grande "problema" foram as conversas entre os personagens, algumas vezes formais demais, principalmente no núcleo jovem. Em alguns momentos os diálogos eram extremamente maduros e longos, e a impressão de que a cena se tornava forçada era muito forte. Além disso, algumas situações não foram totalmente desenvolvidas, deixando o leitor com a necessidade de uma maior explicação.


Sem dúvida é uma trama intrigante, cheia de ação, mas também de amor, amor familiar, amor juvenil, amor fraternal. 

Um livro indicado para quem é fã de conspirações, aventuras e ficção. 
Em relação à revisão, diagramação e layout, a editora está de parabéns pelo trabalho. O que mais a atenção na capa é a escolha de cores fortes. 

Espero que tenham gostado da resenha.
Aguardo comentários.
Beijos
Carol

4 Comentários

  1. Oiiiii adorei a capa
    e gostei mt da sinopse tb!
    Vou anotar p ler mais na frente!


    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Já tinha lido algumas resenhas deste livro e confesso que estou louca para poder ler esta trama, pois gosto de livros de investigação, suspense e mistérios. Espero conferir em breve!!Gostei da resenha, e fico muito feliz em ver que nossos escritores estão trabalhando a todo vapor e criando estórias maravilhosas.

    ResponderExcluir
  3. Gostei de autor nacional se aventurar numa trama tão elaborada e internacional, meus parabéns.
    Mas, infelizmente, não é o tipo de livro que eu me arrisque, pois me pareceu fantasioso e exagerado demais - prefiro histórias que realmente podem acontecer.

    ResponderExcluir
  4. Primeiro vou falar dessa capa: Simplesmente linda. Sou fã das capas da Editora Dracaena, e essa está muito bonita, pois gosto bastante de capas com cores quentes.
    E em relação a história, gostei bastante também, pois me amarro em tramas com muita conspiração, ação, aventura e tudo o mais. Uma pena que rolaram esses probleminhas, mas pelo menos, não tirou a qualidade do livro.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.