Paixão Sem LimitesSinopse  - Blaire Wynn não teve uma adolescência normal. Ela passou os últimos três anos cuidando da mãe doente. Após a sua morte, Blaire foi obrigada a vender a casa da família no Alabama para arcar com as despesas médicas. Agora, aos 19 anos, está sozinha e sem lugar para ficar. Então não tem outra escolha senão pedir ajuda ao pai que as abandonara. Ao chegar a Rosemary, na Flórida, ela se depara com uma mansão à beira-mar e um mundo de luxo completamente diferente do seu. Para piorar, o pai viajou com a nova esposa para Paris, deixando Blaire ali sozinha com o filho dela, que não parece nada satisfeito com a chegada da irmã postiça. Rush Finlay é filho da madrasta de Blaire com um famoso astro do rock. Ele tem 24 anos, é lindo, rico, charmoso e parece ter o mundo inteiro a seus pés. Extremamente sexy, orgulha-se de levar várias garotas para a cama e dispensá-las no dia seguinte. Blaire sabe que deve ficar longe dele, mas não consegue evitar a atração que sente, ainda mais quando ele começa a dar sinais de que sente a mesma coisa. Convivendo sob o mesmo teto, eles acabam se entregando a uma paixão proibida, sobre a qual não têm nenhum controle. Mas Rush guarda um segredo que Blaire não deve descobrir e que pode mudar para sempre as suas vidas.
Resenha 


Oi gente, tudo bem com vocês? Mais uma resenha e hoje é do livro Paixão sem limites, a algum tempo estava esperando esse livro chegar aqui em casa e quando chegou eu simplesmente devorei, agora é só aguardar o próximo.

O livro conta a história de Blaire que foi abandonada pelo pai, deixando a mãe e ela sozinha após a morte de sua irmã gêmea. Assim é ela e sua mãe, só que depois de três anos sofrendo com um câncer ela acaba falecendo e deixando Blaire sozinha.

Assim Blaire tem que vender tudo que tem de valor para pagar as dívidas médicas que teve com a mãe, sendo assim ela não vê alternativa tem que procurar seu pai, aquele que a abandonou para viver com outra família. Sem grana e com fome, Blaire aceite ir morar com o seu pai em Rosemay Beach, Flórida, o que ela não esperava era encontrar um rapaz folgado ao invés do seu pai.
Blaire não esperava encontrar uma mansão gigante em frente ao mar, e ainda havia uma festa lá dentro. Quando Blaire decide que o melhor é ir embora, só que alguém abre a porta de sua camionete e nesse momento ela saca a única coisa que tem bem material uma arma.

Quem abre a porta é Grant (gente eu amei esse menino, ele ótimo), ela acaba cedendo e falado para ele quem ela é, e Grant como é um amor de pessoa quer muito ajudar Blaire e a leva para dentro para ela fala com o dono da casa Rush, e que dono viu.

Rush Finley é o mais novo irmão de Blaire, só que ele é lindo, tem todas as garotas aos seus pés, é milionário e ainda usa as meninas que estão sempre aos sempre como se fossem lixos. Filho do famoso baterista de uma banda de rock, Rush
Sempre teve tudo que quis em suas mãos, só que ele não é bobo não gente, foi esperto o bastante para usar o dinheiro que seu pai lhe dava e aplicou, sendo assim ele não se preocupa gasta em festa e mais festa sempre.

No inicio Rush e Blaire são como gato e rato, sempre que se encontram há uma briguinha, mas em uma dessas brigas eles percebem a atração que há entre eles, só que Rush tem um segredo que pode acabar ainda mais com a vida de Blaire.

O que eu ainda não falei na resenha é que há outra irmã de Rush, essa é Nannete, mas conhecida como Nan, ela tem Rush como uma figura paterna, já que não teve um pai por perto quando pequena. Nan é uma VACA, gente que menina chata, teve momento que eu queria matar ela e o Rush, pois ele não percebia que ela estava chantageando ele

O livro é ótimo, o final então eu amei pessoal, logico que a clichês, mas qual livro hoje em dia não há? Abbi Glines sabe como prender o leitor, sua escrita envonvente demais. Não posso esquecer-me de contar, o livro é HOT, e põe hot nisso viu. Rush consegue superar alguns dos irmãos Sullivans...

Bem vamos esperar até Fevereiro, por que vai ter mais de Rush...


Beijos até mais.


11 Comentários

  1. Amei ler esse livro, super intenso, história perfeita.
    leituramagnifica.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Hahahahaha pelo visto você gostou bastante do Grant, eu também adoreeei ele! Ás vezes gostava até mais dele do que do próprio Rush.
    Eu também adorei o livro, achei muito bom, e mesmo tendo partes pesadas, consegue ser leve de se ler.

    xx Carol
    http://hangoverat16.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Parece ser uma história muito bonita, fiquei com muita vontade de ler.
    Se for a ganhadora a mulherada de Pratinha vai gostar bastante.

    ResponderExcluir
  4. A cada resenha que leio sobre esse livro, sinto mais vontade de conhecer mais a fundo essa história. Estou vendo que esse Rush seria uma das minhas quedinhas literárias, até porque ele parece ter uma personalidade forte, o que muito me atrai. Já a Blaire, realmente parece ser uma garota mais madura, tendo em vista todos os obstáculos que ela teve mesmo sendo tão nova. Esse tipo de dificuldade sempre faz com que as pessoas amadureçam, o que nem sempre é tão bom, né? A adolescência e a infância são momentos decisivos na nossa vida, não se pode pular etapas. Mas em suma, parece ser uma história interessante. A capa é linda, muito bem feita. Espero ter a oportunidade de lê-lo.

    ResponderExcluir
  5. Não é a primeira resenha elogiosa que leio sobre esse livro, eu não embarquei muito nessa onda hot mas li alguns, inclusive os da Bella Andre, até achei divertidos os romances dela mas prefiro histórias com mais substância, essa série parece ser bem mais intensa, vou prestar atenção aos futuros lançamentos.

    ResponderExcluir
  6. Oi, Ká.
    Eu amei esse livro.
    Gostei tanto que comprei todos os ebooks em inglês e li a série toda!! hehehe
    Agora vou reler tudo quando os livros forem sendo lançados aqui no Brasil!
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  7. Acho que todo mundo concorda que "Paixão Sem Limites" é um livro bem clichê, tudo o que ia acontecer eu já previa, porém a Abbi conseguiu em meio a isto colocar uma originalidade em tanto, além de que havia algo em sua escrita que me prendeu muito. A única coisa que me pegou de surpresa foi o segredo de Nan, eu não esperava.

    http://worldbehindmywall.fanzoom.net

    ResponderExcluir
  8. Eu não me perdoei por ainda não ter lido esse livro!Todo mundo fala tão bem! Mas, já está na minha lista de compras para março. E vou tentar lê-lo o quanto antes possível! :D
    A história parece ser tão boa *.*

    ResponderExcluir
  9. Paixão Sem Limites é aquele enredo batido, mas que agrada muito.

    ResponderExcluir
  10. Li um monte de resenhas sobre esse livro, e quase todas foram positivas. É inegável que essa trama está repleta de clichês, mas quando a autora sabe desenvolvê-los, a coisa fica agradável de se ler. Me parece que a Abbi Glines tem completo domínio de tudo. Enfim, mais um que quero ler em breve.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  11. Apesar da história clichê eu fiquei com vontade de ler pois todo mundo elogiou muito esse livro. Eu realmente nao curto muito esse tipo de literatura mas eu fiquei curiosa e com vontade de ler mesmo o enredo me parecendo muito 'teen'.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.