Sinopse - "Quatro Vidas e um Coração. Partindo do cenário do interior paulistano na década de 80, os jovens adultos contam suas tragédias e vitórias, através de romances turbulentos. Quatro desconhecidos vivendo a juventude transviada na década perdida, que descobrem muito um sobre o outro; retratando a sexualidade, a paixão e a busca pelo autoconhecimento. "Somos a Juventude Transviada, a Década Perdida e os Gays não Assumidos"".


Minha opinião - A trama se passa em 1988 e o livro é composto por três partes: "Músicas de Bar", "Meios & Fins" e "Esqueça o meu coração" onde o leitor conhece os quatro protagonistas: Rodrigo, Diego, Henriques e Nicole. Os quatro narram suas dores, seus anseios, sonhos e medos durante o livro, mostrando a complicada ciranda que os relacionamentos compõem.
Rodrigo leva uma vida estável, tranquila e monótona. Seu relacionamento exclusivo com Nicole não o deixa mais tão animado, achando a neurose da namorada excessiva. Ele é jovem, tem 25 anos, trabalha no "Bar da Estrada", cursa faculdade... 
Diego é um jovem que sofreu muito com a incompreensão e o preconceito familiar. A perda da proximidade de sua melhor amiga Marinna, que agora começa a trilhar o seu próprio caminho, tirou-o do rumo. Um ônibus perdido.... um encontro inesperado... uma amizade que muda tudo.

"- Então arrume outro jeito de conviver consigo mesmo – respondi, então abri a porta. – E esqueça meu coração – disse antes de deixar a porta bater atrás de mim e disparar para o térreo". (p. 61)

Destino, acaso , coincidência.... não importa. O passado, presente e futuro desses jovens se entrelaçam e as escolhas precisam ser feitas.
Um livro que fala de relacionamentos, amores e desamores, mas principalmente sobre aceitar a si mesmo. 

"Mudar seu próprio destino tinha seus termos, e sobre eles, meus vícios ficariam junto a todas aquelas lembranças amorosas: no passado". (p. 06)

Uma trama envolvente que apresenta o ponto de vista de cada um dos protagonistas e discute seus medos. O livro lida com as imperfeições dos relacionamentos e amizades. Sobre os desvios que a vida faz e como precisamos compreender a nossa falta de controle nessas situações.
Personagens bem construídos, repletos de dúvidas e humanizados. Um enredo forte com uma escrita ritmada e algumas cenas adultas para apimentar. 
Em relação à revisão foram encontrados alguns errinhos de gramática mas nada que interferisse na leitura ou no entendimento. 

"Toda história de amor que tem seu fim selado por um dialeto inconsequente que se resume no maior clichê das frases sobre termino de relacionamentos que tiveram tudo para serem eternos, duradouros e se manterem intacto sobre um pedestal". (p. 37) 



Amazon:  Clique aqui

Deixe um comentário

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.