Sinopse - "Ano de 2023. Lucas, um jovem policial, encontra evidências de um crime não solucionado, e que foi cometido em 1983. O caso contém ligações com seu pai, um policial aposentado que se culpa desde então por não ter impedido tal homicídio que o marcou para a vida toda. Disposto a desvendar o mistério e levar o assassino à Justiça, o jovem policial embarca em uma corrida contra o tempo, e, mesmo sofrendo ameaças, segue com a investigação obtendo também a ajuda de um misterioso informante. Paralelo a isso, ele acaba tendo acesso a uma poderosa descoberta científica: a invenção de uma máquina do tempo que pode estar sendo usada por uma empresa para fins ilícitos. Porém, envolver-se nesse intrincado caso pode resultar mudanças inimagináveis na vida de Lucas e na de todos ao seu redor".

Skoob: Clique aqui


Apresentação do livroA história tem início no ano de 1983, onde uma investigação policial comandada por André e Henrique resulta na morte do detetive André. O crime não é solucionado, apesar de ter sido encontrado no local do crime uma evidência que não leva a lugar nenhum. Uma pequena placa de metal totalmente lisa, sem nenhuma gravação e presa por uma pequena corrente.Tudo permanece assim, até que em 2023, o detetive Lucas, filho de Henrique, recebe informações surpreendentes sobre o caso do assassinato de André, antigo parceiro de seu pai. Novas tecnologias provam que essa placa encontrada na cena do crime em 1983, foi na verdade construída nesse ano... em 2023. A partir de então, Lucas se envolve em uma investigação onde não se sabe quem são aliados e quem são inimigos, além de receber a ajuda de um misterioso informante.





Apresentação do autorNascido em Piracicaba/SP, Rodrigo Cassano Mendes sempre foi apaixonado por leitura. Quando criança, o "prêmio" por ir ao dentista sem reclamações era passar em uma banca de jornais e comprar revistas em quadrinhos da Turma da Mônica. Essa paixão por leitura só cresceu, e já na idade adulta, com seu próprio sustento, sempre frequentou livrarias onde deixava boa parte do seu salário. Seus maiores ídolos no meio literário são Harlan Coben, Christopher Reich, Jô Soares e André Vianco. Hoje, aos 37 anos e morando em Indaiatuba, também em SP, casado e com um filho de 7 anos, Rodrigo decidiu que gostaria de contar histórias para entreter as pessoas, da mesma forma que ele foi e ainda é entretido. Fã assumido de histórias policiais, ele estreia no mundo literário com "Atemporal - E se o que você fizer no futuro afetar o passado?", um livro de ficção, que pode também ser definido como policial, ficção científica e até mesmo suspense. 

9 Comentários

  1. Ele gosta de Harlan Coben !!! Finalmente encontrei alguém que também fosse fã do autor . Pois bem , eu achei a sinopse do livro muito boa , e a ideia da história também é bem nova , ou seja , tem tudo pra dar certo, e a capa , o que dizer da capa ? Eu simplesmente amei :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Ana! Espero que o livro atenda (ou exceda) suas expectativas e que goste da leitura! E sinceramente, Harlan Coben é o cara! ;)

      Excluir
  2. Adorei a sinopse do livro! Mesmo. Eu andei caçando alguns romances policiais pra ler, já que sou meio que fechada por Agatha Christie e Allan Poe e só gostei de As Cavernas de Aço, do Isaac Asimov. Esse aqui meio que fisgou. Vou caçar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Grazi, tudo bem?
      Espero que venha nos contar o que achou do livro quando realizar a leitura ;)
      Obrigada pelo comentário!
      Bjkas

      Excluir
    2. Oi Grazi.
      Que bom que a sinopse te fisgou. Espero que goste da leitura. Vou adorar saber sua opinião!

      Excluir
  3. Oi Grazi.
    Que bom que a sinopse te fisgou. Espero que goste da leitura. Vou adorar saber sua opinião!

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Parabéns pela parceria e que venham muitas outras. A sinopse é atraente, parece ser algo inusitado e a capa tem tudo haver com a história. Acho que tem tudo para ser um grande sucesso.

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Parabéns pela parceria.
    Gostei de saber que ele tem ídolos literários e um deles nós temos em comum que é o André Vianco.
    Já li a resenha do livro dele e gostei.
    Beijinhos!
    www.eraumavezolivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suelen, tudo bem? Antes de mais nada, que bom que gostou da resenha. Obrigado!
      É difícil escolher poucos.. heheeh.. Gosto muito do André Vianco pela linguagem que ele usa, muito fácil de ler, de seguir. Gosto também do Harlan Coben, pelo estilo das histórias.. Mas é difícil não citar Jô Soares, Christopher Reich, Agatha Christie, Sidney Sheldon, J.R.R. Tolkien.. A lista começa ficar muito longa né.. ;-)

      Excluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.