Sinopse - "Com uma promissora carreira pela frente, Brooke Stewart não é o tipo de pessoa que se envolve em relacionamentos, principalmente em seu trabalho. Entretanto, ao ser enviada para fechar um grande negócio na Itália, ela percebe que uma das peças-chave do seu novo projeto é o cara que ela havia abandonado dias antes em sua cama. Jett era um homem de negócios. E altamente atraente. Seu sorriso malicioso escondia seus verdadeiros intuitos e seus olhos verdes eram um convite permanente. Sexy e arrogante, um cretino e um estranho, disposto a conseguir tudo o que quer e, desta vez, ele desejava Brooke, não importando o preço a pagar. Então, quando eles percebem que essa relação pode afetar o mundo dos negócios, surge um contrato... Perigosamente arriscado. Altamente sexy. Uma relação que não aceitará um “não” como resposta".




Minha opinião - "Devoção" é o primeiro livro da trilogia da escritora J. C. Reed. É narrado em primeira pessoa pela Brooke Stewart, uma jovem de 23 anos que mora em Brooklyn Heights há 02 anos. Sua melhor amiga e colega de apartamento é Sylvie, uma personagem maluquinha e cativante.
Brooke é jovem, trabalhadora e não gosta de levar desaforo para casa. Tanto que ao ir representar a empresa em que trabalha em uma reunião com Mayfield, e Jeff Towensend aparece em seu lugar com seu sorriso arrebatador e seu olhar irresistível, ela deixa claro a sua opinião. 
A protagonista carrega seus demônios do passado no dia-a-dia, graças ao comportamento de sua mãe Tina, que a essa altura da história, poderia ser classificado como irremediável. Brooke ainda tem um pseudo-namorado, o Sean, que não faz muitas aparições nesse primeiro livro.
Acontece que Brooke recebe uma proposta de emprego (bom, não é exatamente uma proposta já que ela não tem opção) que a levará para a Itália onde irá trabalhar com o Jeff Towensend.
No quesito atração, a autora soube escrever muito bem. Desde o primeiro contato, tanto Brooke quanto Jett demonstram uma certa tensão sexual, seja pela troca de olhares, os sorrisos sarcásticos de Jeff ou a tentativa frustrada de Brooke em resistir a ele.
Jeff é o típico cara gostosão arrogante. Ele sabe que é bonito e em muitos momentos é prepotente, com o sorrisinho sarcástico e o jeito de deixar claro que terá o que quer.
O livro traz um cenário sensual e cenas hots de tirâr o fôlego, porém a trama central não é exatamente inédita. Se o leitor prestar atenção as "dicas" dadas no meio da história, é possível descobrir o grande segredo antes do final do livro.
Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um ótimo trabalho. A capa é linda, sexy e sensual, sem ser vulgar.
Uma história envolvente, com uma protagonista cativante e uma melhor amiga de destaque.

"Sorri diante de sua arrogância. Rapaz, ele estava mesmo confiante. Um dia eu iria recuperar minha própria belicosidade e daria um soco verbal que abriria um rombo na confiança insalubre daquele homem... Mas não agora, não neste momento, porque agora eu não conseguia pensar direito". (p. 82)

22 Comentários

  1. Olááa meninas, tudo bem?
    Estou organizando um sorteio através das fanpages de alguns blogs literários.
    Vocês têm interesse em participar?

    Se tiver, enviem-me um e-mail para mar-paschoal@hotmail.com ?
    Aguardo retorno :D

    Beijocas. Mar Paschoal
    www.LaGarota.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu amo trilogias , nelas a gente consegue conhecer mais a fundo os personagens o que torna a história bem mais interessante . A proposta da autora já está meio batidinha , tipo : mulher de 20 e poucos que por causa do trabalho acaba conhecendo um garanhão lindo e blá blá blá . Não sei , talvez até seja uma boa aposta porque a história pode e com certeza vai se aprofundar mais , mas .... sei lá .Uma coisa é certa a capa é incrivel :)

    Tácomminhoca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Ana Carolina, tudo bem?
    Pois é, o livro realmente contêm alguns elementos já conhecidos pelos leitores, como você citou no seu comentário, mas também tem outros interessantes como a descrição das paisagens maravilhosas e o fato de Brooke não ser tão chorona como a maioria das mocinhas.
    Obrigada pelo comentário ;)
    Bjkas

    ResponderExcluir
  4. Acho que pelo número enoooorme de chick-lits, romances de época e new adults que tão saindo, as histórias vão ficando meio batidas mesmo, mas é sempre bom quando o autor consegue fisgar-nos no enredo, mesmo já tendo ideia do que vai acontecer. Eu gostei. Vou conferir um dia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Grazi, tudo bem?
      Concordo com você! É sempre bom quando o autor dá um jeito de manter o interesse do leitor.
      Obrigada pelo comentário.
      Bjkas

      Excluir
  5. OI! Mesmo me atraindo muito por Hot não consegui gostar dessa trilogia. Acho que a trama não é bem trabalhada, parece ter muita mesmice. Me desanimei ainda mais ao saber que tudo é um pouco previsível, acho um suspense tão bom para trazer emoção ao enredo.

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Eu li esse livro no começo do mês a gostei bastante da história.
    Apesar de ser um pouco clichê, pois é parecido com alguns livros hot eu achei os personagens bem amadurecidos. Oura coisa que me chamou a atenção foi o final. Jamais imaginei que terminaria daquela forma.
    Beijinhos!
    www.eraumavezolivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi, amo literatura, pp esses livros q não conseguimos parar de ler. Gostaria de sugestões de livros nessa mesma linha do devoção. Alguém sabe qdo sai o terceiro livro? Obrigada. bjs

    ResponderExcluir
  8. Adoro narrativas em primeira pessoa. Já me ganhou.
    Por outro lado, detesto esses personagens "bad boys", prepotentes.
    Além disso, na minha opinião, a escrita de cenas/livros hots deve ser muito cuidadosa para não se tornar algo forçado e sem sentido.
    Enfim, o livro não faz muito meu estilo. Quem sabe, um dia, eu leia. kk'
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Gostei bastante de conhecer a história e os personagens através de sua resenha. Me deixou mais curiosa e ansiosa por saber mais. Você conseguiu me conquistar com esse lado do personagem, por ele ser um bad boy. Tem seu charme. rsrsrs Não que eu aprove um cara ser assim. Mas curto de montão nas histórias. Vou ver se consigo ler.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Nossa Amei o livro ,Percebir que tbm é bem apimentado ,tudo oque eu gosto r.s

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bom?
    Adorei a resenha, estou louca para ler o livro, mas infelizmente ainda não tive oportunidade, adoro o gênero, e espero que Devoção me agrade tanto quanto eu espero, estou na expectativa.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  12. Oie! Ainda não li nenhum livro dessa autora, mas estou doida para conhecê-los. Também vi muitas criticas positivas sobre a série...

    ResponderExcluir
  13. Oi Carol !
    Ah, esse é um livro que está no topo de minhas futuras compras, sempre gostei de romances hots, então imagine a minha vontade de conhecer a história da Brooke, confesso que li uma outra resenha em que perebi que talvez ela vá me irritar no decorrer da histórias, mas ainda assim acho que vale a pena :]
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Carol!
    Um livro bem escrito e com protagonista quem tem uma ótima química, é sempre gostoso de ler.
    Uma proposta de emprego que não pode recusar na Itália, bem é realmente impressionante e gostaria de acompanhar todo desenrolar da história.
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. O livro parece ser uma delícia! Esta estória parece ser bem envolvente e claro com um fundo romântico na Itália!! E o personagem é tudo de bom!!

    ResponderExcluir
  16. Oi! Tenho vontade de ler este livro. É cheio de clichês do gênero, como o personagem ser o típico cara gostosão arrogante, mas ainda assim parece ser uma ótima leitura. Este segredo me deixa muito curiosa. Adorei a resenha!
    Fernanda Silva
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Acho que a quantidade de livros com esse tipo de história vai ficando meio clichê mesmo, mas eu ainda continuo gostando de finais previsíveis, mas quando o autor consegue fisgar-nos no enredo, é muito bom, relaxante, ansiosa para ler.

    ResponderExcluir
  18. Adoro livros em que os personagens tenha mais de 16 anos, sério. É tantos livros que li com perfis tão diferentes do meu, encontrar uma personagem de quase a mesma faixa etária é quase um milagre. hahaha As personagens secundárias e engraçadas, sempre me cativam. Tenho certeza que vou gostar de ler. Uma boa resenha, pois explana o que gostou do livro. :D

    beijos,

    Amy - Macchiato

    ResponderExcluir
  19. Amei a resenha, não tinha ouvido falar desse livro, mas já estou com vontade de ler, parece ser uma história bastante envolvente, daqueles que não da vontade de largar. Este já está na minha lista ;)

    ResponderExcluir
  20. Nao consigo baixar
    sera que alguem pode me enviar os tres por email?
    Lecamelchior@hotmail.com
    obrigada

    ResponderExcluir
  21. Basicamente um Cinquenta Tons de Cinza, só que sem a parte do sadomasoquismo e a protagonista não leva desaforo pra casa......Quantas vezes veremos a mesma estória se repetir. ¬¬

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.