Sinopse - "O terceiro volume da série O caso Blackstone mostra um amor à beira do abismo e a luta para mantê-lo vivo. Uma perda arrasadora e uma nova esperança abrem os olhos de Ethan e Brynne para as coisas importantes da vida. Mas como eles podem deixar para trás toda a dor do passado e seguir em frente? Um inimigo ainda os espreita das sombras, planejando se aproveitar da confusão trazida pelos Jogos Olímpicos de 2012, em Londres. Brynne e Ethan vão se render aos obstáculos? Ou lutar até o fim para salvar um ao outro e alcançar o sonho — uma vida inteira juntos? Continuação de Nua e de Entrega total, Olhos nos olhos é a história de uma paixão avassaladora que mostra que o amor é capaz de superar qualquer adversidade."

RECOMENDADO PARA MAIORES DE 18 ANOS



Minha opinião - "Olhos nos olhos" é o terceiro livro da série O Caso Blackstone. Dessa vez, o prólogo é narrado pelo perseguidor, e os capítulos são narrados em primeira pessoa, alternando o ponto de vista de Ethan e Brynne.
A história começa exatamente onde termina o segundo livro: após o atentado e a ligação misteriosa que Ethan atende no velho celular da Brynne. 
O livro tem muitas cenas hots como os dois anteriores, mas também temos uma participação bem maior da família do Ethan. E é graças a essa participação que muitas das cenas se tornam leves e fofas, em particular graças a uma fofura de cinco anos de idade chamada Zara, que rouba as cenas em que aparece.
Em paralelo, temos três situações: a tentativa de se descobrir a identidade do perseguidor, o passado que Ethan tenta manter oculto e uma surpresa que mudará um pouco a dinâmica do relacionamento.
Quando discutimos a identidade do perseguidor, acabou sendo muito fácil desvendar esse mistério. Não houve um desenvolvimento muito complexo, até mesmo o motivo acabou sendo um pouco clichê.
O passado de Ethan foi mais interessante do que a parte do perseguidor. Mesmo sendo discutida de maneira breve, o contexto que explica seus pesadelos são intensos e provocam impacto.
A autora soube dosar as cenas hots com a interação dos protagonistas com os personagens secundários: a família de Ethan, os amigos de Brynne, Ben e Gaby e seu adorável pai, Tom. A mãe de Brynne faz uma nova breve participação, mas continua insuportável como sempre!

"- Eles estão olhando pra você, mas meus olhos só têm estado abertos mesmo desde que você surgiu na minha vida. Você me deu tudo. Você me fez querer enxergar o que havia ao meu redor, pela primeira vez na minha vida adulta." (p. 343)


Resenha de Nua - Livro 01 - clique aqui
Resenha de Entrega Total - Livro 02 - clique aqui

8 Comentários

  1. Comecei a ler Nua tempos atrás e ainda não sei pq não terminei rs vou continuar lendo para ver se continuo lendo os livros. Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jhey, mas você gostou do primeiro livro?
      Bjkas

      Excluir
  2. Olá, gostei da capa, mas não li a resenha pois ela é recomendada para +18.

    ResponderExcluir
  3. Carol!
    Interessante ter a medida certa entre as cenas hots e todo mistério que envolve o enredo.
    Não conhecia a série.
    Final de semana cheio de luz e paz!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy, eu gostei bastante desses 3 primeiros livros... a história tem um conteúdo, mesmo tendo várias cenas hots rs
      Bjkas

      Excluir
  4. Outra série que não conhecia mas que fui totalmente atraído por este destaque "RECOMENDADO PARA MAIORES DE 18 ANOS" kkkkkk Saraiva que me aguarde

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lissandro. Eu preciso colocar esse tipo de aviso né? rs
      Bjkas

      Excluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.