Biografia - Fátima Venceslau nasceu em 29 de junho de 1959, em Porto Lucena, Rio Grande do Sul. Formada em Odontologia, tem Especialização em Estomatologia e Mestrado em Tecnologia Educacional nas Ciências da Saúde. Exerce a função de professora de Odontologia. Reside no Rio de Janeiro com seu marido e sua filha. Leitora voraz desde a infância, sempre gostou de escrever nas horas vagas. Recentemente decidiu dedicar-se à escrita e faz parte do grupo "Ases da Literatura".

Onde comprar:

Direto com a autora: fatimavenceslau@yahoo.com.br

Site do Ases da Literatura: aqui

Na Livraria Nobel do Shopping Downtown – Rio de Janeiro

Uma curiosidade: O primeiro capítulo se passa nas ruínas de São Miguel, lugar que a autora visitava quando era criança e que visitei recentemente quando comecei a escrever o livro. A Cruz das Missões me inspirou a criar a Cruz do planeta Zeta.


Autora Fátima Venceslau nas ruínas de São Miguel, no RS e a Cruz das Missões em primeiro plano, que a inspirou a cruz do planeta Zeta.


Sinopse - Júlia, uma jovem de 17 anos, moradora da cidade do Rio de Janeiro, conhece um misterioso jovem chamado Marcos e apaixona-se por ele. O que ela nem imagina é que o rapaz é um alienígena. É do tipo nórdico: alto, loiro e de olhos azuis. Vive na Terra como um humano. Seu objetivo é cuidar de Júlia e protegê-la contra outro grupo de alienígenas: os reptilianos. Saulo é um tipo rebelde e irônico que gosta de se vestir no estilo gótico e, em princípio, persegue Júlia o tempo todo. Mas, por quê? O que ele quer com ela? Uma guerra pode começar a qualquer momento pela sobrevivência de duas espécies diferentes: os nórdicos e os reptilianos. E, para azar dos humanos, o planeta Terra será seu campo de batalha, pois ambos cobiçam seus recursos minerais e vegetais. Em meio a tudo isso, Júlia descobre que seu passado não é bem o que ela imagina, e agora não sabe mais o que esperar de seu futuro.

Minha opinião - Com 32 capítulos + epílogo e narrado em terceira pessoa, a história começa no ano de 2002 nas ruínas de São Miguel - RS, onde uma Júlia de apenas sete anos de idade e acompanhada pelos seus pais Paulo e Vitória tem uma experiência que muda a sua vida.
Dez anos se passam e a família está no Rio de Janeiro, lá na Barra da Tijuca. Júlia já tem 17 anos, está estudando para prestar ENEM e tem uma vida bem pacata. Sua melhor amiga é Mariana, que é a tagarela da dupla, pois Júlia é bem introspectiva na escola, apesar de criativa e possuir uma imaginação bem fértil (normal nas adolescentes do sexo feminino). 





Quando sua família decide passar um final de semana em Teresópolis, a jovem tem um encontro inesperado com um rapaz desconhecido e é salva por Marcos Broz, um biólogo de 23 anos, muito bonito que desperta o interesse de Júlia.
Eu não consigo imaginar como a autora Fátima Venceslau conseguiu mesclar nesse contexto alguns alienígenas, mas ela o fez!
O leitor irá conhecer a Ordem dos Cavaleiros Estelares, um Grupo de Resistência, seres do planeta Zeta e seres do planeta Rode. As características de cada povo são bem distintas e o leitor conhece os dois lados da história desse conflito que atravessa gerações.
A autora destacou alguns personagens em cada núcleo: dos terráqueos, temos Júlia, sua família e amigos, de Zeta, temos Zorb, Zig e Zara (amei todos os nomes com Z, trouxe uma musicalidade diferente na pronúncia) e de Rode, temos Ret, doutora Rana, Rino e outros.
Essas perspectivas diferentes trouxe uma maior profundidade à trama, pois permitiu que o leitor não ficasse "preso" apenas na Júlia e na importância dela na história.





Observamos que existem outros personagens que irão ganhar destaque nas continuação, principalmente após as duas grandes reviravoltas que ocorreram perto do final do livro.
Uma trama que consegue mesclar diversos temas sem se tornar confusa ou maçante. Um livro que fala um pouco da nossa história, mas que também tem um novo universo criado. 



Mais algumas fotos que a autora Fátima Venceslau enviou para apresentar os locais descritos no livro:

 Pedra da Gávea noutro ângulo. Dá para ver a cabeça da esfinge.

 A  foto não é minha, mas dá para ver a Pedra da Gávea ao fundo, com a cabeça do gigante deitado. 


 A foto é da árvore, nas ruínas, onde Zorb e Júlia conversam.
 A foto é da Serra dos Órgãos, em Teresópolis, com o Dedo de Deus, que é o símbolo da cidade.
 A  foto é da Serra dos Órgãos, em Teresópolis, com o Dedo de Deus, que é o símbolo da cidade.






Sinopse - Alguns segredos são trancados nos cofres da alma. Muitos deles estão escondidos no passado, assombram o presente, e são capazes de decidir o futuro de uma família. Segredos de Família é uma antologia recheada de contos misteriosos e descobertas assombrosas que mudarão o rumo de famílias que poderiam ser a sua. Alguns contos são baseados em fatos reais! Entre, descubra, surpreenda-se... Mas, por favor, não conte para mais ninguém...






Minha opinião : Conto "Esqueletos no Armário" - Ambientado na ditadura e narrado em primeira pessoa, esse conto fala de um jovem que tem um tio, chamado Victor, que segundo informou sua mãe, é esquizofrênico. Com o passar dos anos, o narrador percebe que citar o "Tio Victor" é proibido. Sua existência é um tabu. Sem entender o motivo de uma pessoa ser banida das conversas, a verdade vem à tona após muitos anos. 
A autora Fátima Venceslau aborda um tema forte e ao mesmo tempo tocante. A ignorância, o preconceito e a rejeição no seio familiar deixam o leitor aturdido ao final da leitura. 

"Quanto a mim, o que fazer? Embora ninguém saiba, sou mais parecido com o tio Victor do que eles imaginam." (p. 23)


58 Comentários

  1. Bom dia, Carol!
    Obrigada pela chance de poder mostrar um pouco do meu trabalho. Essa história vive dentro de mim desde a minha adolescência. Sempre tive uma relação de amor com a ficção científica, como Guerra nas estrelas e Star Trek, entre outros. Meu desejo era escrever algo que pudesse despertar o interesse pelo desconhecido e "estar em um lugar onde ninguém nunca esteve antes". Espero ter conseguido... Assim como espero chamar a atenção da juventude que curte o espaço, como eu. Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Fátima!! É uma honra conhecer o seu trabalho e ter a oportunidade de apresentá-lo aos leitores do blog.
      Bjkas

      Excluir
  2. Parabéns e sucesso para a autora Maria de Fátima!! Confesso que não sou muito chegada em ficção científica, mas através da resenha da Carol, me despertou um interesse em saber o que irá acontecer no decorrer do livro. Achei a capa muito legal e bonita. Vou colocar o livro na minha lista de compras, rsrsrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Suzana!
      Apesar do conteúdo de ficção científica, a história se desenvolve num ambiente normal, entre acontecimentos escolares e rotineiros. Procurei trabalhar também um pouco da nossa história, com cenários brasileiros, passeando entre o Sul do país e a cidade do Rio de Janeiro. Espero que goste da leitura. Depois me envie um feedback. Bjs

      Excluir
  3. Segredos de Família parece ser um livro muito interessante.
    *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida! Cada história nos revela um segredo, que foi escondido, às vezes durante anos, no mais normal seio familiar. O meu conto chama-se "Esqueletos no armário" e o segredo é surpreendente. Se decidir ler esse livro ficaria muito feliz com seus comentários.

      Excluir
  4. O livro da Fátima foi uma surpresa para mim, eu não imaginava que ela escrevia ficção científica também, quanto mais sobre buracos de minhoca e uma guerra entre extraterrestres. É bom ver autores nacionais desbravando essas águas, e ainda por cima valorizando nossa terra.

    Autor de A Página Certa
    www.laplacecavalcanti.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Laplace!
      Sim, ficção científica é meu assunto favorito. Espero poder contar mais histórias com esse tema. Bjs

      Excluir
    2. Eu espero que você escreva mais também sobre o gênero, Fátima. kkkkk

      Com certeza irei ler.

      Beijo!

      Excluir
  5. A autora Fátima é muito talentosa! Venho acompanhando seus trabalhos através das antologias da Ases da Literatura e sempre quis ler um livro escrito pela autora. Essa mistura e humanos e extraterrestres, com o amor como pano de fundo, é muito interessante. Estou doida para ler A cruz de Zeta. A capa é linda, um arraso! Parabéns, Maria de Fátima!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristiane, o time do Ases só tem talento né? Sucesso para todos vocês <3
      Bjkas

      Excluir
    2. Oh, Cris! Espero que goste da história. Bjs

      Excluir
  6. Oi Maria de Fatima, meus parabéns por essa conquista! Apenas quem tem a paixao pela escrita sabe o trabalho que da chegar em um ponto final. Espero que essa seja a primeira de muitas historias de sucesso que vou acompanhar com certeza! Um grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela força. Sim essa é apenas a primeira... Espero ainda escrever muitas outras. Bjs

      Excluir
  7. Olá pessoal,
    A resenha ficou ótima. Uma ficção científica que se passa no Rio, puxa, promete...
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elysanna, fico feliz em saber que gostou da resenha.
      Bjkas

      Excluir
    2. Sim, também amei a resenha. Olha que a Carol aproveitou todo o material que enviei. Adorei! Bjs

      Excluir
  8. Histórias de ficção são o meu preferido. E com certeza vou amar ler. Não vejo a hora de poder viajar por essas paginas e me maravilhar com a história escrita nela. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Beth, não sabia que o seu gênero favorito de leitura é a ficção. Espero que leia e venha nos dizer sua opinião sobre o livro.
      Bjkas

      Excluir
    2. Feliz em saber que gosta de ficção científica como eu. Espero que goste da história. Bjs

      Excluir
  9. Não curto muito esse gênero, mas o livro parece ser bem bacana. Parabéns pela resenha!

    Abraço,

    www.amantesporlivrosefilmes.blogspost.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Livros são sempre surpreendentes. Quantas histórias li, que não eram do meu gênero favorito, e que amei. Espero poder te surpreender! Bjs

      Excluir
  10. Parabéns pelo blog e pela resenha. É bom ter uma ideia antes de ler. anamcara.er@hotmal.com

    ResponderExcluir
  11. Agora eu quero saber como ela conseguiu mesclar alienígenas e todo esse enredo cheio de coisas boas, criatividade é o que há. Adorei as fotos sabe, dá pra ver que a autora realmente teve um cuidado grande ao escrever o livro. E esse livro Segredos de Família uiuiui bem interessante.

    Beijos
    Passaporte Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jhey, ela realmente conseguiu mesclar tudo isso e muito bem ;)
      Bjkas

      Excluir
    2. Sim, misturei muita coisa, rsrsrs. Mas acho que o interessante da ficção científica é poder misturar o que é normal do nosso cotidiano, com aquilo que pode nos surpreender. Espero que goste e se surpreenda. Bjs

      Excluir
  12. Oi Carol, tudo bem? Nossa, adorei sua resenha do livro "A Cruz de Zeta" e já quero ler, adoro quando criam um livro de romance, mas que não é só isso, e nossa, adorei a inserção de seres alienígenas na história, e de dois planetas :) aah, já quero... ainda mais se passando no meu Rio de Janeiro <3. Adorei os quotes, ótimos e as fotos também. O conto parece ser muito bom também, fiquei bem interessada.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rafaella, tudo ótimo e com você?
      Eu achei incrível a história se passar em um local que conhecemos e ter alienígenas!!
      Bjkas

      Excluir
    2. Que bom que gostou. Acredito que a história poderá te surpreender. Como você é do Rio posso te dizer que a Av das Américas e o elevado do Joá nunca mais serão os mesmos depois dessa leitura. Bjs

      Excluir
  13. Sensacional, alienígenas, paisagens deslumbrantes, teorias mirabolantes, novamente devo dizer sensacional. Acho edificante ao me deparar com ficção cientifica narrada por uma autora brasileira, pois, acredito nesse gênero, já me deparei com obras extravagantes e totalmente cativantes, a autora parece que conseguiu edificar bem sua obra e pela resenha percebo que se trata de algo sensacional (ainda não consegui pensar em outro adjetivo).
    O que também adorei é o dialogo dos autores nos comentários, nossa isso também é sensacional, pois, os coloca assim como nós humildes leitores.


    Julielton Souza - Dialética Proposital

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Julielton, tudo bem?
      Eu também fiquei pensando em como elogiar o livro sem repetir os adjetivos rsrs. Ter uma obra nacional com essa temática é fantástico e um incentivo para os demais autores investirem em mais livros sobre o assunto.
      Bjkas

      Excluir
    2. Obrigada! Leia o livro e depois me diga o que achou. Espero realmente ser merecedora de tais adjetivos. Bjs

      Excluir
  14. Não gosto muito desse tipo de história, mas a resenha é bem legal. Parabéns à autora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Laís, fico feliz em saber que gostou da resenha.
      Obrigada
      Bjkas

      Excluir
    2. A história se passa no nosso cotidiano, dentro de situações como uma escola normal. Entretanto, as coisa que acontecem poderiam ocorrer, sim, dentro do mundo em que vivemos. Creio que hoje em dia isso seria possível. Por que não?

      Excluir
  15. Oi! Estou indecisa a respeito do livro, não sei se gostou ou não! Uma coisa que é inegável é que a trama parece ser bem elaborada e até atraente em alguns aspectos, mas o que não gostei muito foi a parte da batalha dita na sinopse.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nadja, como é o primeiro livro, podemos esperar mais da série. Então se você gostou da premissa, vale a pena conferir.
      Bjkas

      Excluir
    2. Sim, Nadja a trama é bastante interessante e envolvente. Quanto à batalhas, elas podem ocorrer a qualquer momento, em qualquer lugar e em qualquer nível. Esse é o volume 1, onde as coisas começam a acontecer...

      Excluir
  16. Carol!
    Fico bem feliz em ver mais uma autora nacional com a mente fértil para escrever uma ficção ambientada aqui mesmo no Brasil. Fico bem orgulhosa.
    Adorei a capa e o enredo é bem interessante e como boa amante do gênero ficção, fiquei bem curiosa em poder ler.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy, eu também fico super orgulhosa dos nossos autores!!
      Bjkas

      Excluir
    2. Que bom! Se você gosta de ficção científica acredito que poderá amar a história. Aguardo tua opinião ansiosamente. Bjs

      Excluir
  17. Esta parte da resenha (Uma trama que consegue mesclar diversos temas sem se tornar confusa ou maçante. Um livro que fala um pouco da nossa história, mas que também tem um novo universo criado.) me fez querer ler o livro.
    Conseguir unir vários temas sem deixar o leitor confuso é um grande feito.
    E os nomes "comuns" me conquistaram kkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Khrys, fico feliz em saber que a resenha te conquistou, além desses nomes tão especiais criados pela Fátima rs
      Bjkas

      Excluir
    2. Que bom, Khrys! Espero que leia e goste da história. Depois me diga o que achou. Bjs

      Excluir
  18. EU QUERO EU QUERO EU QUERO EU QUERO...é só isso que consigo pensar a medida que ia lendo mais sobre esse livro... Amei a criatividade da autora... Esse livro tem tudo pra se tornar um dos meus preferidos.. Adorei....

    bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline, eu dou muitas risadas com os seus comentários em caps lock rsrs...
      Venha nos contar a sua opinião do livro quando terminar a leitura.
      Bjkas

      Excluir
    2. Que bom que queres o livro. Acredito que vai realmente gostar da história. Após ler o livro me digas o que achou. Espero tua opinião ansiosamente. Bjs

      Excluir
  19. O livro não me chamou muito a atenção =(
    Mas a autora parece ser ótima mesmo.... e bem criativa para criar os personagens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karolyne, a autora é criativa mesmo!
      Bjkas

      Excluir
    2. Karolyne, talvez a história te cative, sim. Dê uma chance àquilo que não costumas ler. Bjs

      Excluir
  20. Adoro o gênero, mas confesso que é difícil achar um bom livro, entretanto esse livro parece não deixar a desejar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas, livros bons desse gênero realmente são difíceis de se encontrar, mas o livro da Fátima vale a pena ler viu?
      Bjkas

      Excluir
    2. Se gostas de ficção, tente ler a história e depois me digas o que gostou e o que não gostou. Vale a pena conhecer um cenário diferente, porém dentro de um lugar conhecido. Bjs

      Excluir
  21. Tá, uma história que se passa nos dias atuais e envolve alienígenas, sem ser no contexto futurista, é incomum e exótico.
    Ao ler a resenha parece que é um enredo bem construído e que envolve núcleos de personagens bem distintos entre si. A primeira vista não se trata de algo caricato, sendo uma leitura leve.
    A autora conseguiu fazer uma viagem e tanto, ponto pra ela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jaqueline, um de meus objetivos é pensar no que pode acontecer dentro de nosso cotidiano. É surpreendente a "normalidade" do que ocorre nas ruas em que andamos diariamente. O Rio de Janeiro não será o mesmo depois dessa história... Bjs

      Excluir
  22. Queridas, Esqueletos no armário eu li! Forte, contundente e emocionante, como não poderia deixar de ser algo produzido por Maria de Fátima que é uma pessoa tão sensível. Estou com a Cruz de Zeta aqui comigo e logo o devorarei.Parabéns a Carol pelas resenhas e a Fátima pela doçura com o que escreve.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.