Sinopse - "Kasie Fitzgerald sabe quem deve ser. Responsável. Confiável. Previsível. Ela é uma ambiciosa workaholic, fiel ao homem com quem pretende se casar. Mas uma noite selvagem e impulsiva, em Las Vegas, vai despertá-la para novas experiências... Tentando a sorte em uma mesa de vinte e um, Kasie conhece ele. Intenso. Sensual. Perigoso. Ela aceita seu convite para um drinque... e depois para o quarto. Ela não sabe o nome dele. Mas nunca vai se esquecer do sexo. Forte. Excitante. Explosivo. Então, quando aquele homem misterioso aparece inesperadamente em sua empresa, ela se entrega ao domínio dele, tanto na cama quanto no trabalho. Não há como prever aonde o rico e poderoso Robert Dade vai levá-la. Mas também não há como resistir aos seus desejos. A única questão é quem Kasie será, quando a jornada chegar ao fim."

LIVRO RECOMENDADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.



Minha opinião - O primeiro livro da série Apenas uma noite é narrado em primeira pessoa pela protagonista Kasie.
Kasie é uma jovem que sempre foi considerada certinha, o tipo de garota que todos podem contar, que nunca fez algo errado, sempre seguiu as regras. 
Atualmente ela trabalha em uma das maiores multinacionais de consultoria do mundo. 
Sua melhor amiga Simone a encoraja a ter uma noite de risco em Las Vegas, conhecendo um estranho antes de se comprometer definitivamente com Dave Beasley, um advogado tributarista que ela está namorando há algum tempo.
Dave é um personagem que causa um certo calafrio. Desde o princípio percebe-se que tem algo de errado com ele e suas atitudes ao decorrer do livro só comprovam isso.
Kasie é um pouco insossa. O tipo de personagem que não desperta simpatia, não possui carisma. Sua amiga Simone tem uma personalidade mais forte e rouba as cenas em que aparece.
Após cumprir o desafio e passar a noite com um estranho, Kasie descobre que o estranho na verdade é Robert Dade, presidente da Maned Wolf Security Systems, um dos novos clientes da empresa em que ela trabalha e solicita especificamente por ela.
Robert é um homem decidido, direto ao ponto. Ele sabe que quer Kasie e deixa bem claro isso desde o início. Respeita as suas hesitações, mas ao mesmo tempo não deixa que ela minta sobre os seus sentimentos.
Para os fãs do gênero hot, vale a pena dar uma conferida na história. Porém, não há nada de inédito nela, a ponto de se tornar inesquecível.
É um livro de leitura rápida, com uma escrita fluida e personagens pouco marcantes. 
Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um ótimo trabalho, Encontrei apenas um errinho na página 27, mas nada que interferisse na leitura. A capa é simples, mas tem um ar sexy e possui elementos da trama.

"- Se eu tiver a melhor mão, saímos da mesa e você toma um drinque comigo.
- E se eu ganhar de você? ....
- Aí eu vou tomar um drinque com você." (p. 14)

15 Comentários

  1. Não sei porque, mas este romance não me convenceu. Foi maçante pra mim. Os personagens são fracos e sem graça algum. E já estou farta de romances assim: Hot. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beth, realmente estamos tendo um excesso desse gênero literário no mercado e se o livro não possui um diferencial, se torna extremamente cansativo mesmo.
      Bjkas

      Excluir
  2. o.o, sério? A capa não tem nada a ver com o livro '_'. Achei a personagem clichê, mas a história é diferente, bem sexy e o tipo de leitura que gosto, sem ser aquela coisa de 7 livros e sobrecarregado e arrastada a leitura.
    Adorei, meu tipo de leitura favorita ♥
    Beijos Carol, ThaynáQ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thayná, acho que a capa remete a ideia de ser um encontro em um quarto de hotel com um completo desconhecido. Ao ler a história você verá que tem alguns elementos nela que combinam com a trama ;)
      Bjkas

      Excluir
  3. Carol!
    Concordo que os romances hots tem saturado o mercado, mas acredito que logo passarão como todos os outros temas, acabam tornando-se cíclicos. Logo teremos outro tema em voga.
    Ainda assim, sou apaixonada pelos romances hots há muito tempo e gostaria de ler o livro.
    Domingo maravilhoso!!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy, tudo bem?
      Realmente é uma questão de tempo mesmo. Daqui a pouco outro gênero ganha destaque e os hots ficam um pouco de lado ;)
      Bjkas

      Excluir
  4. Os romances hot são meu gênero literário favorito... Já sei que muitos acabam caindo no clichê, mas até hoje isso não chegou a me incomodar em nenhum deles... No caso desse livro não gostei da personagem ser insossa, mas isso não chega a ser um impedimento para ler... Se possível darei sim uma chance à história... Quem sabe eu goste...
    Kisses =*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Loly, tudo bem?
      Espero que realize a leitura e venha nos contar a sua opinião.
      Bjkas

      Excluir
  5. Oi, Carol.

    Não gosto de mocinhas insossas, meu Deus. Elas me irritam demais. Essas meninas sem atitude também é complicado. Eu não curto muito livros hots e acho que esse não leria. Até achei a premissa do livro bacana. Isso de curtir antes de se casar, mas para por aí. >.<

    Visite: http://paradisebooksbr.blogspot.com.br/

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paula, tudo bem?
      Concordo com você. Não curto personagens sem atitudes. Prefiro um mau caráter que faça algo no livro, do que um personagem sem sal rs.
      Bjkas

      Excluir
  6. Oi!
    O livro não me chamou a atenção, me pareceu cansativo e enfadonho. A capa é até bonita, mas nada tão atraente. A história me deixou com a sensação de que já assistir muito essa fita. Percebi que a personagem é sem graça e que não tem algo marcante nela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nadja, tudo bem?
      Realmente não tem muita coisa inédita na história, mas se for fã do gênero, vale sempre a pena dar uma conferida.
      Bjkas

      Excluir
  7. Leio poucos livros hot's, mas até que fiquei interessada em O Estranho (Eu sei que é mais do mesmo haha mas eu fiquei interessada em ler, quem sabe mais pra frente).

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jhey, tudo bem?
      Espero que realize a leitura e venha nos contar o que achou.
      Bjkas

      Excluir
  8. Uma amiga minha veio me contar desse livro com tanta paixão que fiquei curiosa e decidi ver o que é que acontecia. Ao fim, não me senti muito atraída. Apesar de realmente não ter nada a ver com 50 Tons de Cinza, depois de ler a série, nada mais do gênero hot me parece original. Todos tem o bad boy conquistador, a mocinha fofinha e sem atitude e um enredo quase sempre parecido. Não sei o que achar ou não achar disso.
    Bom, vou procurar o PDF e ler um pouco. Mal não faz, né?
    Beijos!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.