Sinopse - Considerada a meca do conhecimento, a Universidade atrai as mentes mais brilhantes que buscam desmistificar os mistérios das ciências iluminadas, como feitiçaria e alquimia. Porém, bem abaixo de seus lotados corredores existe um complexo de quartos abandonados e passagens antigas. No coração desse labirinto cavernoso encontra-se uma jovem mulher chamara Auri, que chama este local de lar. Ex-estudante da Universidade, Auri agora gasta seu tempo cuidando do mundo ao seu redor. Ela sabe que alguns mistérios devem permanecer selados. Agora que não se deixa enganar pela racionalidade cega que àqueles que vivem acima dela confiam, Auri vê além da superficialidade das coisas e enxerga os perigos sutis e os nomes escondidos das coisas.




Sinopse - Mesmo sendo uma família nada tradicional, quase todos os irmãos Hathaways se casaram, até mesmo Leo, que era o mais avesso a essa ideia. Mas para a caçula Beatrix, parece não haver mais esperança.  Dona de um espírito livre, apaixonada por animais e pela natureza, Beatrix se sente muito mais à vontade ao ar livre do que em salões de baile. E, embora já tenha frequentado as temporadas londrinas e até feito algum sucesso entre os rapazes, nunca foi seriamente cortejada, tampouco se encantou por nenhum deles.  Mas tudo isso pode mudar quando ela se oferece para ajudar uma amiga.  A superficial Prudence recebe uma carta de seu pretendente, o capitão Christopher Phelan, que está na frente de batalha. Mas parece que a guerra teve um forte efeito sobre ele, e seu espírito, antes muito vivaz, se tornou bastante denso e sombrio. Prudence não tem a menor intenção de responder, mas Beatrix acha que ele merece uma palavra de apoio – mesmo depois de tê-la chamado de estranha e dito que a jovem é mais adequada aos estábulos do que aos salões. Então começa a escrever para ele e assina com o nome da amiga. Beatrix só não imaginava o poder que as palavras trocadas teriam sobre eles.  De volta como um aclamado herói de guerra, Phelan está determinado a se casar com a mulher que ama. Mas antes disso vai ter que descobrir quem ela é. 






Sinopse - Woods teve sua vida traçada desde o berço. Cuidar dos negócios da família, casar com a mulher que os pais escolheram, fingir que riqueza e privilégios eram tudo de que ele necessitava. Então a doce e sensual Della apareceu e conquistou seu coração, abrindo seus olhos para um novo futuro. A vida do casal seguia para um final feliz, até acontecer um imprevisto: a morte do pai de Woods. Da noite para o dia, o rapaz herda o império Kerrington e, embora sempre tenha almejado essa posição, precisará de toda ajuda possível para provar que está à altura de tanta responsabilidade. Della está determinada a ser o apoio de que Woods necessita, mas os fantasmas do passado ainda estão presentes e mais intensos do que nunca. Pressionada pela ex-noiva e pela mãe de Woods, ela toma a decisão mais difícil de sua vida: abdicar da própria felicidade pelo homem que ama. Mas os dois terão a força necessária para seguir em frente um sem o outro? Concluindo a sedutora história de Woods e Della, Simples perfeição é o romance mais surpreendente de Abbi Glines e mostra que encontrar alguém pode ser um golpe do destino, mas descobrir a perfeição ao lado dessa pessoa requer aceitar a si mesmo e superar os piores obstáculos a dois.






Sinopse - Em meio às ruínas de um hospital militar soviético no norte da Hungria, Pitkin e Tamás procuram antigos suprimentos e armas que possam vender no mercado negro, até que acabam encontrando algo mais valioso do que poderiam imaginar.  Ali está a esperança dos meninos ciganos de deixar a pobreza, de quitar as dívidas da família, quem sabe de se livrar um pouco do preconceito que sofre o seu povo. Porém, suas boas intenções podem provocar a morte de um número alarmante de pessoas.




Sinopse - Ignatius Perrish sempre foi um homem bom. Tinha uma família unida e privilegiada, um irmão que era seu grande companheiro, um amigo inseparável e, muito cedo, conheceu Merrin, o amor de sua vida. Até que uma tragédia põe fim a toda essa felicidade: Merrin é estuprada e morta e ele passa a ser o principal suspeito. Embora não haja evidências que o incriminem, também não há nada que prove sua inocência. Todos na cidade acreditam que ele é um monstro. Um ano depois, Ig acorda de uma bebedeira com uma dor de cabeça infernal e chifres crescendo em suas têmporas. Além disso, descobre algo assustador: ao vê-lo, as pessoas não reagem com espanto e horror, como seria de esperar. Em vez disso, entram numa espécie de transe e revelam seus pecados mais inconfessáveis. Um médico, o padre, seus pais e até sua querida avó, ninguém está imune a Ig. E todos estão contra ele. Porém, a mais dolorosa das confissões é a de seu irmão, que sempre soube quem era o assassino de Merrin, mas não podia contar a verdade. Até agora.  Sozinho, sem ter aonde ir ou a quem recorrer, Ig vai descobrir que, quando as pessoas que você ama lhe viram as costas e sua vida se torna um inferno, ser o diabo não é tão mau assim. Joe Hill, autor de A estrada da noite e Nosferatu, já foi aclamado como um dos principais novos nomes da ficção fantástica. Em Amaldiçoado, o sobrenatural é pano de fundo para uma história de amor e tragédia, de traição e vingança. Um livro envolvente, emocionante e cheio de suspense que nos leva a refletir: em matéria de maldade, quem é pior, o homem ou o diabo? 


Sinopse - Victoria Jones sempre foi uma menina arredia, temperamental e carrancuda. Por causa de sua personalidade difícil, passou a vida sendo jogada de um abrigo para outro, de uma família para outra, até ser considerada inapta para adoção. Ainda criança, se apaixonou pelas flores e por suas mensagens secretas. Quem lhe ensinou tudo sobre o assunto foi Elizabeth, uma de suas mães adotivas, a única que a menina amou e com quem quis ficar... até pôr tudo a perder. Agora, aos 18 anos e emancipada, ela não tem para onde ir nem com quem contar. Sozinha, passa as noites numa praça pública, onde cultiva um pequeno jardim particular. Quando uma florista local lhe dá um emprego e descobre seu talento, a vida de Victoria parece prestes a entrar nos eixos. Mas então ela conhece um misterioso vendedor do mercado de flores e esse encontro a obriga a enfrentar os fantasmas que a assombram. Em seu livro de estreia, Vanessa Diffenbaugh cria uma heroína intensa e inesquecível. Misturando passado e presente num intricado quebra-cabeça, A linguagem das flores é essencialmente uma história de amor – entre mãe e filha, entre homem e mulher e, sobretudo, de amor-próprio. 




Sinopse - Um enorme shopping estava prestes a ser construído na cidade americana de Seattle, mas no meio do terreno havia a casinha de Edith Wilson Macefield, uma velhinha durona que estava decidida a não arredar pé dali. Quando o responsável pela obra, Barry Martin, foi conversar com ela, todos acreditaram que iria convencê-la a mudar de ideia. Mas estavam redondamente enganados. Nesta emocionante e singela história real — que serviu de inspiração para uma campanha de divulgação do filme Up: Altas aventuras —, Barry conta como nasceu a inusitada amizade entre ele e Edith, e as lições de vida que aprendeu com ela.





Sinopse - A violência verbal pode ser tão sutil que às vezes nem percebemos que somos alvo de um agressor. A tristeza, o incômodo e o mal-estar nos fazem sentir que há algo errado, mas acabamos achando que a culpa é nossa. As agressões podem se apresentar de diversas formas: menosprezo ou ataque de raiva, indiferença ou demonstração de superioridade, sarcasmo ou distanciamento, coerção manipulativa ou exigência irracional. Afirmações como “Você está gorda”, “Você nunca entende nada”, “Não pedi sua opinião” e “Você só fala besteira” são exemplos de utilização das palavras como armas – e, em geral, são bastante ouvidas pelas vítimas de abuso. O primeiro passo para se libertar dessa situação é se conscientizar de que você não merece ouvir isso. Portanto, atenção: se você se relaciona com alguém que costuma fazer comentários ofensivos a seu respeito, mas alega que está brincando, você está com um agressor. Se essa pessoa não se dispõe a escutar seus sentimentos e o trata como inferior, você está sendo vítima de agressão. Este livro foi o primeiro a descrever os relacionamentos com violência verbal, ainda na década de 1990. Desde então, milhares de pessoas que sofriam caladas puderam reconhecer que a angústia a que eram submetidas não era “normal”, e sim um reflexo de um comportamento abusivo que deve ser enfrentado e combatido. Apresentando histórias reais, estratégias objetivas e questionários de autoavaliação, Patricia Evans traz informações essenciais para ajudar você a enfrentar o agressor de forma segura e a proteger sua família dos efeitos negativos desses relacionamentos problemáticos.

13 Comentários

  1. tooos os lançamentoos mtoo bons A linguagem das flores e todooos os de Lisa ela e simplesmente perfeitaaa..Simples perfeiçao tbm parece ser mtoo fofo só nao gosto mto dos de terror kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Hellen, tudo bem?
      Eu adoro os livros da Lisa também!! E essa série da Abbi Glines está acabando com o meu emocional rs. Tem horas que eu quero dar uns tapas em alguns personagens!
      Bjkas

      Excluir
  2. Que mundo injusto!kkk Ainda tenho que completar a saga 'Rosemary Beach', que no momento só tenho dois. E quero, preciso compra a série da Lisa Kleypas. Mas só vou poder fazer as duas coisas em fevereiro! :( Se tudo der certo!

    Não gostei muito dos lançamentos da Sextante, não fazem o meu estilo. Infelizmente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, tudo bem?
      Pois é, essas continuações de séries estão acabando com o meu bolso. No final do ano pedi algumas continuações de presente de final de ano e agora já surgiram outras. Estou procurando no calendário alguma data comemorativa para pedir de presente!
      Bjkas

      Excluir
  3. A primeiro contato nenhuma dessas leituras me instigam. E eu sei que eles não têm nada haver, mas essas capas desses livros da Lisa Kleypas só me lembram A Seleção da Kiera Cass.

    Autor de A Página Certa
    www.laplacecavalcanti.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Laplace, tudo bem?
      Eu estou desesperada por esses lançamentos, pois a maioria deles são continuações (e eu li os anteriores rs).
      Eu gosto das capas dos livros da Lisa. Acho tão românticas e combinam muito bem com a trama.
      Bjkas

      Excluir
  4. Sou fascinada em todo tipo de leitura que faz referência a Segunda Guerra Mundial, aquilo foi tão brutal que ainda busco entender, por isso morte invisível já tem um espaço na minha estante.
    A linguagem das Flores foi outro livro que me deixou com gostinho de quero ler, gostei das características da personagem principal ,quero entender essa linguagem e desvendar esses segredos.
    Os lançamentos foram interessantes, mas só esses me cativaram >< .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joicy, tudo bem? Eu adoro livros que fazem referências a elementos históricos, porém dependendo do conteúdo eu preciso estar mais tranquila, pois se estou chateada ou triste, esses livros me deprimem. Ler sobre as barbaridades que causamos uns com os outros sempre me impacta.
      Bjkas

      Excluir
  5. Oie,
    Estou louca pela continuação de O Menino da Mala esse sim deve ser um livro pra lá de bom, estou ansiosa para comprar o livro Morte Invisivel. <3
    A música do silêncio me pareceu um livro cativante e instenso, mais com um leve toque de aventura.
    Uma casa no meio do caminho ao meu ver parece um livro fofinho, com uma história instigante por tras dos panos. (ou melhor dizer atras das folhas)
    Além de outros que foram citados no post, gostei de cada um desses lançamentos maravilhosos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sarah, tudo bem?
      Esses lançamentos são incríveis né? Eu comecei a anotar vários nomes para 2015 rs.
      Bjkas

      Excluir
  6. Uau!!! Otimos lançamentos!
    Gostei de "morte invisivel"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se for tão bom quanto o primeiro livro, vai valer muito a pena conferir ;)
      Bjkas

      Excluir
  7. Morte Invisível vai para a minha listinha de futuras compras :) Tenho A Linguagem das flores na antiga capa e também Amaldiçoado na antiga capa com o nome O Pacto rsrs

    Beijos
    Passaporte Literário

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.