Ser Feliz É Assim
A vida — assim como o amor — é cheia de conexões inesperadas e enganos oportunos. Uma ligeira mudança no curso pode gerar consequências surpreendentes. Afinal, às vezes, o desvio, o atalho é o verdadeiro caminho. A estrada que deveríamos ter escolhido desde sempre... Se pelo menos tivéssemos a coragem de fazer do coração nossa bússola. Graham Larkin e Ellie O'Neill não poderiam ser mais diferentes. O rapaz é um ídolo adolescente, um astro das telas de cinema; uma vida calcada na imagem. O cotidiano constantemente sob o escrutínio dos refletores. Agentes, produtores, RPs, assessores... Já Ellie passou a vida escondida nas sombras, fugindo de um escândalo do passado enterrado em sua árvore genealógica. Mas, mesmo sem aparentemente nada em comum, os dois acabam se conhecendo — ainda que virtualmente — quando Graham envia a Ellie, por engano, um e-mail falando sobre o porco de estimação Wilbur. Esse primeiro contato leva a uma correspondência virtual entre os dois, embora não saibam nem o nome um do outro. Os dois trocam detalhes sobre suas vidas, esperanças e medos. Então Graham agarra a chance de passar tempo filmando na pequena cidade onde Ellie mora, e o relacionamento virtual ganha contornos reais. Mas será que duas pessoas de mundos tão diferentes conseguirão ficar juntas? Será que o amor é capaz de vencer — mesmo — qualquer obstáculo? E mais importante... é possível separar ilusão de realidade quando o coração está em jogo?


Resenha: 


Gente, estou sumida por um motivo bom, acho que muitos já sabem. Esse ano de 2014 foi o melhor ano da minha vida, minha filha nasceu e com isso nasceu às despesas aushuah. Estou sem grana para comprar meus desejados e sem tempo para ler. Agora é que estou conseguindo conciliar agora a leitura com a vida de mamãe. Peço desculpas pela demora das resenhas, e prometo estar de volta com novidades.



A resenha de hoje é do livro "Ser Feliz assim" da Galera. Para quem nunca ouvir falar desse livro, a autora dele é a mesma do livro "A probabilidade estatística do amor a primeira vista", nossa que nome gigante. Confesso que devorei esse livro de tão boa que foi a leitura.



O livro conta a história de Graham Larkin e Ellie O’Neill, ele é um famoso astro do cinema com apenas 17 anos e ela é uma jovem que vive em uma cidade pacata e ajuda a sua mãe em uma loja de variedades. O destino decide unir esses dois de uma forma digamos diferente. Quem nunca digitou uma letrinha de um e-mail errado? É isso que acontece com os dois, que mantém o contato pelo e-mail. Só que o destino decide ajudar mais um pouquinho. Graham vai ter a oportunidade de gravar o seu novo filme na cidade de Ellie e assim os dois vão ter a oportunidade de se conhecer pessoalmente.



O livro é narrado em terceira pessoal, ora Ellie, ora Graham alternam os capítulos, confesso que achei o livro cansativo em algumas partes, pois nunca acontecia nada. Posso dizer que o livro tem lá seus clichês, mas qual história hoje em dia não tem clichê? Acho que todas tem.


Para quem gosta de livros rápidos, com histórias fofas eu recomendo que leiam esse livro, tenho certeza que vai conquistar cada leitor.

Beijos..

7 Comentários

  1. Esse justamente o livro que estou lendo!kkk Por ser meio lento, eu estou lendo esse mais devagar. Já estou perto na página 150. Até que estou gostando, mas não se compara com o primeiro publicado aqui. Eu amei aquele! Esse é bom, mas é bem parado, estou torcendo para que aconteça alguma coisa pra agitar essa história. Uma das coisas que estão me fazendo gostar do livro (apesar de tudo) é o ambiente onde se passa a história. Achei muito gostoso de se ler! Vamos ver o que me espera nas próximas páginas agora!

    Entendo você perfeitamente, porque, apesar de não ser oficialmente mãe, eu ajudo a criar dois bebês. E posso dizer que eles ocupam quase todo o nosso tempo. Eu só consigo ler bastante quando eles vão pra cama. Aí sim, posso dar total atenção para a leitura. Mas, com o tempo aprendemos a conciliar as duas coisa. Aí fica perfeito!

    ResponderExcluir
  2. Parece ser bem fofinho esse livrooo nunca li nenhum livro da Jennifer mais estou doida para ler A probabilidade estatística do amor a primeira vista todo mundo fala mto bem desse livroo e eu quero muitoo.

    ResponderExcluir
  3. Que pena que não gostou tanto , talvez meu lado adolescente esteja falando mais alto, mas eu gostei do enredo proposto. A história parece tão fofa e, por mais que você tenha dito ter clichês, eu gostei >< .
    Os personagens me pareceram muito carismáticos e eu sempre imagino " E se...", por isso achei curioso um livro que mostre isso. Também sou dessa era tecnológica, então é fácil transpor a barreira livro/real e me identificar com os personagens.
    Espero não achar a história tão parada a ponto de prejudicar a leitura. Vou ler, com certeza ^^ !!

    ResponderExcluir
  4. Oie,
    Sempre quis ler algim livro da Jennifer e quando soube que iriam lançar esse livro eu fiquei super entusiasmada para adquiri-lo. Porém chegou diversos livros desejados e acabei o deixando de lado. Sou fogo k
    Quem sabe em 2015 eu o leio.

    ResponderExcluir
  5. Oie,
    Sempre quis ler algim livro da Jennifer e quando soube que iriam lançar esse livro eu fiquei super entusiasmada para adquiri-lo. Porém chegou diversos livros desejados e acabei o deixando de lado. Sou fogo k
    Quem sabe em 2015 eu o leio.

    ResponderExcluir
  6. Oi Ká! Imagina, esquenta com o sumiço não, que a gente entende, fica tranquila. ;)

    Autor de A Página Certa
    www.laplacecavalcanti.com

    ResponderExcluir
  7. Olá Ká, entendemos o seu sumiço.. Jennifer parece ser sensacional!
    Vou procurar o outro livro dela o do titulo gigante para ler. Hahaha

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.