Sinopse - Ignatius Perrish sempre foi um homem bom. Tinha uma família unida e privilegiada, um irmão que era seu grande companheiro, um amigo inseparável e, muito cedo, conheceu Merrin, o amor de sua vida. Até que uma tragédia põe fim a toda essa felicidade: Merrin é estuprada e morta e ele passa a ser o principal suspeito. Embora não haja evidências que o incriminem, também não há nada que prove sua inocência. Todos na cidade acreditam que ele é um monstro. Um ano depois, Ig acorda de uma bebedeira com uma dor de cabeça infernal e chifres crescendo em suas têmporas. Além disso, descobre algo assustador: ao vê-lo, as pessoas não reagem com espanto e horror, como seria de esperar. Em vez disso, entram numa espécie de transe e revelam seus pecados mais inconfessáveis. Um médico, o padre, seus pais e até sua querida avó, ninguém está imune a Ig. E todos estão contra ele. Porém, a mais dolorosa das confissões é a de seu irmão, que sempre soube quem era o assassino de Merrin, mas não podia contar a verdade. Até agora. Sozinho, sem ter aonde ir ou a quem recorrer, Ig vai descobrir que, quando as pessoas que você ama lhe viram as costas e sua vida se torna um inferno, ser o diabo não é tão mau assim. Joe Hill, autor de A estrada da noite e Nosferatu, já foi aclamado como um dos principais novos nomes da ficção fantástica. Em Amaldiçoado, o sobrenatural é pano de fundo para uma história de amor e tragédia, de traição e vingança. Um livro envolvente, emocionante e cheio de suspense que nos leva a refletir: em matéria de maldade, quem é pior, o homem ou o diabo? 


Minha opinião - Esse livro é simplesmente assustador!! Não leiam antes de dormir ou então terão pesadelos (conselho de quem fez isso rs).
A sinopse desse livro é longa e explica direitinho a história do livro. Ignatius ou Ig é um cara que tem uma vida boa: rodeado da família e com o amor da sua vida. Tudo está indo bem até que um dia, Merrin é assassinada de forma brutal e Ig se torna o principal suspeito. Todos acreditam que ele é culpado, inclusive aqueles que são próximos a ele. Sem provas para sua defesa, ele acaba se tornando amargo e vive bebendo. Um ano após os acontecimentos, ele acorda com uma ressaca fenomenal, do tipo que faz seu cérebro negar a própria existência. Até aí, não seria exatamente uma novidade muito grande para Ig, que passou todo esse tempo desde a morte de Merrin mais bêbado do que outra coisa. O que o surpreende é o aparecimento de chifres em sua face!! 
Como se isso não bastasse, as pessoas que cruzam o seu caminho começam a confessar naturalmente seus desejos e pecados. Pilares da comunidade como o padre, o médico e até mesmo seus familiares, contam em detalhes situações escabrosas de arrepiar os pelos da nuca de qualquer um. 
Acontece que a confissão que mais surpreende Ig é do seu próprio irmão, pois está relacionada com a morte de Merrin.
O livro é repleto de momentos tensos que deixam o leitor completamente assustado. Joe Hill sabe muito bem como surpreender o leitor e criar cenários impactantes.
A capa é a do filme, então não tenho muito o que falar dela a não ser que é meio assustadora rs. A revisão está ótima!


6 Comentários

  1. Oi!
    Esse não é meu estilo de leitura, sou muito medrosa para me encorajar a ler Amaldiçoado, mas a sinopse e sua resenha me deixaram curiosa. Não espero ler, mas ainda assim fiquei pensando sobre o que cada pessoa teria para confessar para Ig.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Carol!
    O livro está uma febre por causa do filme.
    Adoro terror e e imagino que esse seja no estilo de King, afinal, o DNA não nega a origem e como Hill é filho dele, deve ser muito bom.
    Já sei, não ler antes de dormir...
    Muita luz e paz! E um domingo esplendoroso!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Se tem um gênero que corro longe e de terror sou muito medrosa então não e uma leitura que goste de fazer mas a historia me pareceu bem interessante pra quem gosta parece um ótimo livro !!!

    ResponderExcluir
  4. Muito obrigada pelo conselho de não ler este livro antes de dormir. Acho que será muito útil para mim. Estou com esse livro em casa e na fila de espera... Rs. Consegui relacionar o nome do livro com a capa [pelos chifres] e achei a história bem misteriosa. Chamou mesmo a minha atenção. To curiosa para conhecer um pouco mais.

    abs

    ResponderExcluir
  5. Adoro livros de terro, mas esse não li nem quero ler, pois já vi o filme! Gostei bastante do filme, só que minha amiga falou que o livro tem mais nexo que o filme, tipo coisas que ficaram mto confusas lá, no livro é explicado (obvio que o livro é melhor)!

    ResponderExcluir
  6. Seria legal por na resenha que os chifres nascem um dia depois de ele chutar uma imagem católica e urinar nas velas né? Só pra deixar clara a causa é consequência :) acabei de ver o filme, logo que der vou ler o livro. Boa resenha!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.