Sinopse - Com pais indiferentes, Iona Sheehan cresceu ansiando por carinho e aceitação. Com a avó materna, descobriu onde encontrar as duas coisas: numa terra de florestas exuberantes, lagos deslumbrantes e lendas centenárias – a Irlanda. Mais precisamente no Condado de Mayo, onde o sangue e a magia de seus ancestrais atravessam gerações – e onde seu destino a espera. Iona chega à Irlanda sem nada além das orientações da avó, um otimismo sem fim e um talento inato para lidar com cavalos. Perto do encantador castelo onde ficará hospedada por uma semana, encontra a casa de seus primos Branna e Connor O’Dwyer, que a recebem de braços abertos em sua vida e em seu lar. Quando arruma emprego nos estábulos locais, Iona conhece o dono do lugar, Boyle McGrath. Uma mistura de caubói, pirata e cavaleiro tribal, ele reúne três de suas maiores fantasias num único pacote. Iona logo percebe que ali pode construir seu lar e ter a vida que sempre quis, mesmo que isso implique se apaixonar perdidamente pelo chefe. Mas as coisas não são tão perfeitas quanto parecem. Um antigo demônio que há muitos séculos ronda a família de Iona precisa ser derrotado. Agora parentes e amigos vão brigar uns com os outros – e uns pelos outros – para manter viva a chama da esperança e do amor.


Quem acompanha o Acordei sabe que sou fã de carteirinha da Nora Roberts. Então quando ela lançou essa nova trilogia não perdi tempo e comecei a leitura de Bruxa da noite.
A história do primeiro livro vai se focar em Iona, uma jovem que vai buscar na Irlanda, respostas para sua vida e sua herança. Iona tem o dom de lidar muito bem com os cavalos e por isso consegue um emprego rapidinho nos estábulos de Boyle. Desde a primeira olhada os dois se sentem atraídos um pelo outro, mas evitam se entregar a esses sentimentos. Bom, pelo menos o Boyle.
Acontece que Iona, junto com seus primos Branna e Connor, são descendentes da Sorcha, uma poderosa Bruxa da Noite. E quando os três se juntam, uma grande profecia está para se realizar: a derrota de Cabhan (o bichinho malvado, viu?)
Entre a prática de seus dons e o trabalho no estábulo, Iona vai criando uma rotina e se sentindo confortável na Irlanda. Mas os perigos começam a aparecer. Então, além do cotidiano, ela precisa estar preparada para lidar com a magia.
Eu AMEI o livro! Achei a história bem interessante e fiquei bem empolgada com os personagens apresentados (não vejo a hora de ler a história da Branna e do Finn rs). A história tem um toque mágico e romance em um cenário lindo. Tudo bem que eu gostaria que tivesse tido um pouco mais de romance, mas entendo que esse não era o foco principal nesse livro.
A capa combina perfeitamente com a história (fiquei imaginando os primos morando nessa casa) e me apaixonei pelo cavalo ao lado. A capa está tão mágica quanto a história.
Bom pessoal, é isso.
Espero que tenham gostado da resenha e que comentem.








4 Comentários

  1. Ká!
    Também sou fã de carteirinha da Nora e o que mais gosto é a diversidade dos temas em seus livros e todos acabam em romances bem elaborados e que prendem o leitor.
    Ainda mais curiosa em ler essa série porque fala de bruxas que é um tema que muito me agrada.
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Sempre tive vontade de ler um livro dela e pelo jeito parece ser uma excelente escritora. Como é uma sequência vou ficar de olho nos futuros posts. Já li muitas resenhas dessa autora, mas ainda não li nenhum livro dela, ainda não tive oportunidade. Ela tem muitos livros né? Difícil escolher um para começar.

    ResponderExcluir
  3. Oi Ká!
    Eu estou curiosa sobre essa trilogia, mas entes quero ler O quarteto de noivas... Essa capa é mesmo linda, fico feliz por saber que combina com a história! Imaginava que o livro seria bem romântico, mas não vou me decepcionar por ele não focar tanto nessa parte.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Ainda não li nada da Nora Roberts mais quero ler já ouvi falar muito da escrita dela e essa parece uma boa serie pra começar gostei do tema abordado e gostei de o lugar da historia ser na Irlanda já que nunca li nada que se passa no pais !!!!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.