Retratos de respeito, amor-próprio, direitos e dignidade. Em 2014, a ilustradora Carol Rossetti começou a desenhar mulheres diversas para testar seus lápis de cor. Nunca poderia imaginar que suas criações despretensiosas ganhariam o mundo e iriam viralizar na internet a ponto de se tornarem matéria na CNN. Com um traço característico e frases inspiradoras, Carol quebrou tabus e espalhou uma mensagem que ecoou em mulheres do mundo todo: somos fortes, merecedoras de respeito e especiais do jeito que somos, independentemente de opiniões e julgamentos alheios. Agora, essa mensagem ganha o formato de livro e inclui textos sobre os temas centrais abordados em suas ilustrações, como corpo, estilo, identidade, relacionamentos e superação. Sobre a autora: Carol Rossetti decidiu ser ilustradora aos 4 anos, quando ganhou de seus pais uma caixa de lápis de cor. Mais tarde, resolveu que queria estudar design gráfico, área na qual se graduou em 2011. Ela mora em Belo Horizonte e concilia seus projetos autorais de ilustração com o estúdio Café com Chocolate Design, criado por ela e três amigos. Seu trabalho já foi traduzido para mais de 15 idiomas e suas ilustrações, divulgadas em veículos internacionais como CNN, Cosmopolitan e Huffington Post. Carol foi destacada pelo Facebook Stories como exemplo de mulher atuante. Até hoje, ela adora ganhar cadernos e se delicia com as infinitas possibilidades de um papel em branco.


Paul McKenna tem mais de 6 milhões de livros vendidos no mundo. Ao contrário do que se pensa, a felicidade não é determinada por fatores externos. Você pode ter muito dinheiro, uma família amorosa, uma carreira de sucesso, e ainda assim sentir um vazio por dentro. Isso acontece porque desenvolvemos hábitos e formas de pensar que nos colocam para baixo e os reforçamos dia a dia, fazendo com que nossa mente adote padrões nocivos que alteram o funcionamento do cérebro. A boa notícia é que a felicidade é uma escolha e está à disposição de todos nós. Você não precisa mais achar que só será feliz quando conseguir atingir algum objetivo — a hora de mudar e aprender a ser feliz é agora mesmo. Com um método simples e amplamente comprovado, o hipnotista Paul McKenna vai ensinar você a fazer as pazes com as suas emoções e a criar uma sensação duradoura de felicidade. Assim, a cada dia, você vai experimentar mais e mais episódios de alegria verdadeira, amor e gratidão.
Sobre o autor: Paul McKenna, renomado hipnotista inglês, é autor de vários livros sobre desenvolvimento pessoal e apresentador de programas de TV de sucesso, veiculados em 42 países. Com doutorado em Filosofia e especialização em Programação Neurolinguística, McKenna é um dos autores britânicos de não ficção mais vendidos no mundo.


100 atitudes simples que podemos tomar para tornar nosso cérebro mais resistente e protegido contra as doenças neurodegenerativas associadas à idade. Muitas pessoas acreditam que não há nada que se possa fazer para prevenir o Alzheimer. Mas os cientistas estão provando que isso não é verdade. Estudos recentes mostram que, com o estímulo certo, as chances de demência se reduzem de forma drástica. A cura ainda não existe, mas a ciência vem mostrando que a prevenção pode evitar o aparecimento dos sintomas. Ao descobrir que carrega o gene que aumenta as chances de desenvolver a doença, a jornalista americana Jean Carper passou a buscar formas de neutralizar essa ameaça. Assim, descobriu que atitudes surpreendentemente simples podem reduzir de forma considerável a probabilidade de desenvolver o Alzheimer, a perda de memória associada à idade e outras formas de demência. Neste livro, a autora apresenta 100 dicas de como você pode se proteger desde já de uma das doenças que mais intrigam a medicina.
Sobre a autora: Jean Carper é uma premiada jornalista americana que há décadas escreve sobre nutrição. É membro da Associação Americana de Envelhecimento. Mora em Washington, D.C., e na Flórida. Seguindo muitas das ações que propõe no livro e já com mais de 80 anos, Jean não apresenta sinais de Alzheimer, apesar de sua predisposição genética.

Em 2004, o marido de Janis Heaphy Durham, Max Besler, morreu de câncer de esôfago aos 56 anos. Durante o processo de luto, ela começou a testemunhar fenômenos diferentes de tudo o que já havia visto até então: luzes piscando, portas se abrindo e fechando sozinhas, relógios parando no horário exato em que o marido falecera. Mas então aconteceu um evento específico que mudou sua vida para sempre. No aniversário de um ano da morte de Max, uma marca de mão feita de um pó desconhecido surgiu no espelho do banheiro. No ano seguinte, uma imagem semelhante surgiu no mesmo local. No outro ano também. Estava claro que aquilo não podia ter uma explicação simples. Parecia ser algo de outro mundo. Tudo isso levou a cética e descrente executiva a empreender uma jornada de autoconhecimento que transformou sua visão da espiritualidade. Empreendendo encontros e entrevistas com cientistas, médiuns e líderes espirituais, ela deparou com a fragilidade do véu que separa este mundo do outro e descobriu que só o amor é capaz de construir uma ponte entre a vida e a morte.
Sobre a autora: Janis Heaphy Durham é mestre pela Universidade de Miami e trabalhou anos no prestigiado Los Angeles Times, onde chegou à vice-presidência de publicidade. Enquanto era editora geral do Sacramento Bee, o jornal recebeu dois prêmios Pulitzer. A mão no espelho é o seu primeiro livro.

Com 25 milhões de livros vendidos sobre temas como crescimento pessoal, inteligência e qualidade de vida, o psiquiatra Augusto Cury debruça-se aqui sobre nossa capacidade de sonhar e quanto ela é fundamental na realização de nossos projetos de vida. Os sonhos são como uma bússola, indicando os caminhos que seguiremos e as metas que queremos alcançar. São eles que nos impulsionam, nos fortalecem e nos permitem crescer. Se os sonhos são pequenos, nossas possibilidades de sucesso também serão limitadas. Desistir dos sonhos é abrir mão da felicidade, porque quem não persegue seus objetivos está condenado a fracassar 100% das vezes. Analisando a trajetória vitoriosa de grandes sonhadores, como Jesus Cristo, Abraham Lincoln e Martin Luther King, Cury nos faz repensar nossa vida e nos inspira a não deixar nossos sonhos morrerem.
Sobre o autor: Augusto Cury é psiquiatra, cientista, pesquisador e escritor. Publicado em mais de 60 países, já vendeu, só no Brasil, 25 milhões de exemplares de seus livros, sendo considerado o autor brasileiro mais lido na atualidade. É autor da Teoria da Inteligência Multifocal, que trata do complexo processo de construção de pensamentos, dos papéis da memória e da formação do Eu.



O despertar do príncipe é o primeiro volume da aguardada série Deuses do Egito, uma aventura fascinante que vai nos transportar para cenários extraordinários e nos apresentar a criaturas fantásticas da rica mitologia egípcia. Colleen Houck é autora de A maldição do tigre, série que já vendeu mais de 500 mil exemplares no Brasil.

Liliana Young tem uma vida aparentemente invejável. Ela mora em um luxuoso hotel de Nova York com os pais ricos e bem-sucedidos, recebe uma generosa mesada e tem liberdade para explorar a cidade. Um dia, na seção egípcia do Metropolitan Museum of Art, Lily está pensando numa maneira de convencer os pais a deixá-la escolher a própria carreira, quando uma figura espantosa cruza o seu caminho: uma múmia — na verdade, um príncipe egípcio com poderes divinos que acaba de despertar de um sono de mil anos. A partir daí, a vida solitária e super-regrada de Lily sofre uma reviravolta. Uma força irresistível a leva a seguir o príncipe Amon até o lendário Vale dos Reis, no Egito, para salvar a humanidade do maligno deus Seth.

Sobre a autora: Colleen Houck é uma leitora voraz que adora títulos de ação, aventura, temas paranormais, ficção científica e romance. Ela entrou para a lista de livros mais vendidos do The New York Times com a sua primeira série, A maldição do tigre, que já vendeu mais de 500 mil exemplares no Brasil. A obra teve os direitos adquiridos pela Paramount Pictures e deve chegar ao cinema em breve. Colleen estudou na Universidade do Arizona e trabalhou como intérprete de língua de sinais durante 17 anos. Ela mora em Salem, no Oregon, com o marido e uma imensa coleção de tigres

O conde enfeitiçado é sexto livro da série Os Bridgertons.
Depois de anos colecionando conquistas amorosas sem nunca entregar seu coração, o libertino mais famoso de Londres, Michael Stirling, enfim se apaixonou. Infelizmente, conheceu a mulher de seus sonhos no jantar de ensaio do casamento dela. Em 36 horas, Francesca Bridgerton se tornaria esposa do primo dele. Quatro anos depois, Francesca está livre, embora só pense em Michael como amigo e confidente. E ele não ousa falar com ela sobre seus sentimentos – a culpa por amar a viúva de John, praticamente um irmão para ele, não permite. Em um encontro inesperado, porém, Francesca começa a ver Michael de outro modo. Quando ela cai nos braços dele, a paixão e o desejo provam ser mais fortes do que a culpa.
No sexto livro da série Os Bridgertons, Julia Quinn mostra, em sua já consagrada escrita cheia de delicadezas, que a vida sempre nos reserva um final feliz. Basta que estejamos atentos para enxergá-lo.

Sobre a autora: Julia Quinn é formada pelas universidades Harvard e Radcliffe. Seus romances já entraram na lista de mais vendidos do The New York Times e foram traduzidos para 29 idiomas. Julia foi a autora mais jovem a entrar para o Romance Writers of America’s Hall of Fame, a Galeria da Fama dos Escritores Românticos dos Estados Unidos, e atualmente mora com a família no Noroeste Pacífico.

Bree Prescott quer deixar para trás seu passado de sofrimentos e precisa de um lugar para recomeçar. Quando chega à pequena Pelion, no estado do Maine, ela se encanta pela cidade e decide ficar. Logo seu caminho se cruza com o de Archer Hale, um rapaz mudo, de olhos profundos e músculos bem definidos, que se esconde atrás de uma aparência selvagem e parece invisível para todos do lugar. Intrigada pelo jovem, Bree se empenha em romper seu mundo de silêncio para descobrir quem ele é e que mistérios esconde. Alternando o ponto de vista dos dois personagens, Mia Sheridan fala de um amor que incendeia e transforma vidas. De um lado, a história de uma mulher presa à lembrança de uma noite terrível. Do outro, a trajetória de um homem que convive silenciosamente com uma ferida profunda. Archer pode ser a chave para a libertação de Bree e ela, a mulher que o ajudará a encontrar a própria voz. Juntos, os dois lutam para esquecer as marcas da violência e compreender muito mais do que as palavras poderiam expressar.
Sobre a autora: Mia Sheridan começou a escrever na tentativa de superar a dor da perda da filha. Publicou seu primeiro livro on-line e, em cerca de uma semana, ele chegou à lista de mais vendidos. Desde então, ela não parou de escrever e se tornou uma autora apaixonada por tecer histórias de amor sobre pessoas destinadas a ficarem juntas. Suas narrativas verdadeiras conquistaram o público e a levaram ao topo das listas dos prestigiosos USA Today, The Wall Street Journal e The New York Times.


A rede de televisão americana CBS adaptou Zoo para uma série de superprodução, com direitos adquiridos pela Netflix. 
Algo está acontecendo na natureza. Uma misteriosa doença começa a se espalhar pelo mundo. Inexplicavelmente, animais passam a caçar humanos e a matá-los de forma brutal. A princípio, parece ser algo que se dissemina apenas entre as criaturas selvagens, mas logo os bichos de estimação também mostram suas garras e as vítimas se multiplicam. A humanidade é presa fácil. Apavorado, o jovem biólogo Jackson Oz assiste à escalada dos acontecimentos. Ele já prevê esse cenário alarmante há anos, mas sempre foi desacreditado por todos. Depois de quase morrer em uma implausível emboscada de leões em Botsuana, a gravidade da situação se mostra terrivelmente clara. O fim da civilização está próximo. Com a ajuda da ecologista Chloe Tousignant, Oz inicia uma corrida contra o tempo para alertar os principais líderes mundiais, sem saber se as autoridades acreditarão em um fenômeno tão surreal. Mas, acima de tudo, é necessário descobrir o que está causando todos esses ataques, pois eles se tornam cada vez mais ferozes e orquestrados. Em breve não restará nenhum esconderijo para os humanos...
Sobre o autor: Com mais de 300 milhões de livros vendidos em mais de 100 países, James Patterson é um dos maiores escritores do mundo, recordista de presença na lista de mais vendidos do The New York Times.

Chris Pavone é autor de Os impostores, vencedor do prêmios Edgar Allan Poe e Anthony na categoria Melhor Romance de Estreia. Não existe no mundo uma única pessoa que possa comprovar tudo o que está nestas páginas. Mas há uma pessoa que pode chegar perto disso. Há outras pessoas que poderiam, se devidamente motivadas, confirmar certos fatos. Talvez este livro seja a motivação para essas testemunhas, um impulso para revelarem suas verdades, para comprovarem esta história. Mas o autor não é uma dessas possíveis testemunhas. Porque, se o que você está lendo for um livro concluído, impresso, encadernado e distribuído para o mundo, é quase certo que eu já esteja morto.
Sobre o autor: Chris Pavone cresceu em Nova York, estudou no Brooklyn e se formou na Universidade Cornell. Depois de trabalhar como editor por quase vinte anos, seu primeiro romance, Os impostores, chegou às listas de mais vendidos, conseguindo os prêmios Edgar Allan Poe e Anthony na categoria Melhor Romance de Estreia. Chris é casado e pai de gêmeos. A família divide seu tempo entre Greenwich Village, no coração da cidade de Nova York, e a área rural do estado.






Raymond E. Feist é um dos autores convidados da Bienal do livro do Rio de Janeiro, no dia 6/9, às 17h. A serva do império é a sequência de A filha do império. Raymond E. Feist é autor da Saga do Mago, best-seller do The New York Times. Mara, a Senhora dos Acoma, conhece melhor que ninguém os segredos do Jogo do Conselho. Por meio de sangrentas manobras políticas, ela se tornou uma poderosa força no Império. Mas, rodeada de rivais impiedosos, terá que ser a melhor se quiser sobreviver. Como se isso não bastasse, a jovem precisa lutar em duas frentes. Na corte dos Tsurani, intrigas e traições desestabilizam o poder. Em seu coração, a paixão por um bárbaro do mundo inimigo de Midkemia a leva a questionar os princípios que sempre nortearam sua existência. Com seu filho em perigo e a continuidade de sua Casa ameaçada, Mara usa de todos os meios para tentar controlar a crueldade dos seus inimigos.
Sobre os autores: Raymond E. Feist é um dos nomes mais importantes da história da literatura fantástica. Nasceu no Sul da Califórnia e, atualmente, vive em San Diego. Traduzido em mais de trinta países, Mago foi o seu primeiro livro e serve de base para uma vasta obra que tem conquistado, ao longo dos anos, as listas de best-sellers dos jornais The New York Times e The Times of London.
Janny Wurts é autora de vários romances de sucesso, entre os quais The Wars of Light and Shadow, a trilogia Cycle of Fire e várias coletâneas de contos. É também conhecida por seus trabalhos de ilustração e pintura na área da fantasia e ficção científica. Vive na Flórida com o marido, o artista Don Maitz.

Segunda parte do terceiro livro da série Outlander. Claire Randall finalmente conseguiu voltar no tempo e reencontrar Jamie Fraser na Escócia do século XVIII, mas sua história está longe do final feliz. O casal terá que superar muitos obstáculos, de fantasmas a perseguições marítimas, mas o principal deles são os vinte anos que se passaram em suas respectivas épocas desde a última vez que se viram. Se a intensa paixão e o desejo entre eles não parecem ter diminuído nem um pouco, o mesmo não se pode dizer sobre a confiança. Jamie agora é um homem endurecido pelo que aconteceu após a Batalha de Culloden. Claire, por sua vez, precisa lidar com o segundo casamento de seu amado e suportar a saudade de Brianna, que ficou sozinha no ano de 1968. A união dos dois será posta à prova quando o sobrinho de Jamie for sequestrado. Juntos, eles precisarão singrar pelos mares e cruzar as Índias Ocidentais para resgatá-lo, provando mais uma vez que nada é capaz de deter uma história de amor que vence as fronteiras do tempo e do espaço.
Sobre o autora: Diana Gabaldon cresceu no Arizona, Estados Unidos, e é de ascendência mexicano-americana e inglesa. Tem formação em Zoologia, Biologia Marinha e Ecologia. Foi professora universitária durante mais de doze anos antes de se dedicar à escrita em tempo integral. Sua série Outlander se transformou em um enorme sucesso mundial e foi adaptada para a TV em 2014. Atualmente Diana mora em Scottsdale, no Arizona.







12 Comentários

  1. Só livro bom! Dos livros apresentados quero muito "A voz do Arqueiro", "O conde Enfeitiçado" E Outlander O resgate no mar"

    ResponderExcluir
  2. Olá, Blz?
    eu gostei muito dos lançamentos da Arqueiro e da Saída de Emergência, já os da Sextante não fui muito com a cara deles, kkk, espero poder comprar ZOO, eu adoro os livros do James
    Bjks

    ResponderExcluir
  3. Bem legais os lançamentos!
    Quero ler Nunca Desista dos Seus Sonhos e O Conde Enfeitiçado, adorei as sinopses, os demais não me chamaram a atenção.

    ResponderExcluir
  4. to doida pelo sexto livro da serie Os Bridgertons e apesar de já ter lido todos agora to comprando pra coleçao.

    ResponderExcluir
  5. Só livros top, como sempre!! Quero ler todos!! =P
    Todos estão com a premissa incrível, mas é claro que alguns chamam mais atenção pra mim, especialmente Mulheres, Zoo e O Manuscrito. Vou aguardar as resenhas, para conhecer melhor as histórias.
    Bjs Carol!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Querida!
    Eu amo os livros do Augusto Cury,mas ultimamente não tenho lido mais.
    Os lançamentos da Arqueiro estão divinos!!! Eu AMO a Colleen, estou louca por este livro.
    E eu ainda não li nada da Julian, mas quero muito, porque só vejo comentários positivos a respeito.
    Outlander eu tenho muita curiosidade de ler, principalmente por causa de todo mundo só elogiar.
    Beijos!!!
    umlugarparaleresonhar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Preciso de 100 dicas simples para prevenir Alzheimer.
    Quero: Outlander, Julia Quinn e Zoo.
    Uma semaninha mais que abençoada!
    “Esquecer é uma necessidade. A vida é uma lousa, em que o destino, para escrever um novo caso, precisa de apagar o caso escrito.”(Machado de Assis)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  8. Da sextante nenhum me interessou.
    Da arqueiro eu quero le O despertar do principe e Zoo.
    Da saida de emergencia eu quero ler os dois lançamentos.
    Os outros eu vou esperar sair resenhas antes de decidir.

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Só lançamento bom! Faz tempo que conhecia as ilustrações da Carol Rosseti, mas não sabia do lançamento do livro, fiquei curiosa... O que mais quero ler é O despertar do príncipe, sou fã da autora e de mitologia egípcia!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Noouuuusssaaaa quantos lançamentos legais hein. e que capas são essas meu Deus. O despertar do príncipe, o conde enfeitiçado e a voz do arqueiro são os que mais quero. E você? Já tem algum desses?

    ResponderExcluir
  11. Oie
    Gostei mais dos lançamentos da Arqueiro já que acompanho os Bridgertons e A voz do arqueiro é um ótimo livro,agora só falta o dinheiro pra poder comprá-los.

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Gostei muito dos lançamentos os que mais me interessaram foram A voz do arqueiro li uma resenha e gostei muito da historia, O despertar do príncipe, Outlander e a serie dos Bridgertons !!!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.