SinopseUm amor que tenta sobreviver em meio a intrigas, orgulho, ódio, rixas e ao temperamento explosivo dos apaixonados. Jonas sonha em reerguer a fazenda de sua família. Seu jeito destemido e impetuoso conquistou bons amigos e alguns inimigos, e o maior deles é Jack Monteiro, fazendeiro poderoso que domina a pequena cidade de Vale da Mata com mãos de ferro. O destino faz com que Jonas esbarre em Mônica, a atrevida e sensual filha do rival, que volta do Rio de Janeiro e mexe com a cabeça de muitos homens. Orgulhoso demais, o cowboy não se conforma em se ver balançado pela caçula dos Monteiros. Mas a morena, também de personalidade forte, não dá o braço a torcer até conquistar o rapaz... 
A história é narrada em terceira pessoa e se passa no Vale da Mata, uma cidade do interior de Minas Gerais.
A premissa é simples:as famílias Maia e Monteiro são inimigas há muitos anos, mas Jonas e Mônica não conseguem evitar a paixão avassaladora que sentem um pelo outro. 
Jack Monteiro, o patriarca da família não é bem visto por muitos na cidade. Segundo falam, ele consegue persuadir seus concorrentes de maneiras não muito legais ou éticas, utilizando até mesmo a força física. 
Jonas é o mais novo da família Maia, porém, após o falecimento de seu pai tornou-se o responsável em reerguer a fazenda e sustentar sua mãe, seu irmão Silvio e os funcionários. Ele é jovem, teimoso e cabeça quente e muitas vezes age de forma precipitada.
Mônica é uma jovem de 26 anos de idade, filha de Jack Monteiro. Desde os 18 anos de idade está morando no Rio de Janeiro, onde se formou como veterinária. Agora, ela retorna ao Vale da Mata para trabalhar e reencontrar a família. Mônica sabe que é sensual e utiliza isso sem pudor quando lhe é conveniente. 
Desde o primeiro encontro com Jonas, ela faz questão de provocá-lo e os dois vivem trocando farpas enquanto rolam no feno.
Apesar do enredo ser interessante e existir ainda um mistério por conta dos "acidentes" que a fazenda de Jonas vem sofrendo, o relacionamento de Mônica e Jonas torna-se um pouco repetitivo. Eles se agarram, discutem e se separam várias vezes. Talvez, se houvesse um maior desenvolvimento do aspecto afetivo do relacionamento, esse ponto da trama não seria tão cansativo. Porém, vale ressaltar que no geral, ou seja, analisando a obra como um todo, existem mais pontos positivos do que negativos.
Ainda existem outros personagens que se destacam, como os familiares de Jonas e Mônica, seus melhores amigos e ainda dois personagens capazes de causar intriga entre os protagonistas.
Em relação à revisão, diagramação e layout foi realizado um ótimo trabalho. A capa é muito bonita e combina com o enredo. 


9 Comentários

  1. Não achei o livro muito interessante, pois não sou muito fã de romances. Além disso, já vi tantas histórias do tipo, que tem famílias que brigam entre si e os filhos de cada rival se apaixonam, que com certeza não lerei esse livro!

    ResponderExcluir
  2. O livro não chamou minha atenção ,pois não consegui me interessar pelo enredo .
    Infelizmente eu não leria o livro

    ResponderExcluir
  3. Oi, Carol. O que gostei neste livro foi as diferentes características criadas na construção de cada personagem, mesmo alguns sendo extremamente fúteis, o que me desagradou. Mas, sobre a história eu preciso confessar que não gostei, o clichê de famílias rivais e o interior não me agradou.

    ResponderExcluir
  4. Oi..gostei muito da ideia da historia...meio romeu e julieta mas legal....tambem acho muito repetitivo esses tipos de romance cao e gato...mas ao toda o livro merece ser lido....tambem um ponto que gostei e a protagonista vc disse que ela e sexy e usa isso a seu favor...acho que isso vai render boas risadas....louca pra ler o livro...obg pela dica e.....beijocasss...

    ResponderExcluir
  5. Adorei a sinopse e quero muito o livro

    ResponderExcluir
  6. Carolina!
    Romance é sempre bom de ser lido, embora não goste tanto quando os protagonistas trocam farpas, prefiro o romance mais romantizado e carregado de emoção.
    Ainda assim gostaria de ler.
    ”Uma vida sem desafios não vale a pena ser vivida.”(Sócrates)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  7. Olha eu gosto de romance mas esse não me chamou atenção, ate porque não sou muito de casal que vai e volta, tendo a me cansar rápido de livros assim e desisto da leitura. Por isso eu dispenso essa leitura.

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Esse livro me pareceu tipo um Romeu e Julieta brasileiro ehehe. Não sou adepta do gênero, então nem sei muito o que falar :(. Essa eu vou passar, haha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oi Carol,
    Bacana esse destaque dos outros personagens, mas sinceramente, essa relação entre os protagonistas é muito chata, já estou cheia disso O.o, enfim, não pretendo ler esse livro.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.