Autor: Confúcio
Tradutor: André Bueno
Gênero: Estratégia Pessoal
Acabamento: Brochura
Formato: 13,5 x 21 cm
Págs: 96
Peso: 134g
ISBN: 978-85-63420-33-6
Preço: R$ 21,90

E-book
ISBN: 9788563420343
Preço: R$ 9,90

Sinopse: Esta é uma seleção de ensinamentos de Confúcio (551-479 a.C.), um dos maiores vultos da filosofia e da religião. Confúcio ensinava que a sobrevivência da civilização depende do exercício correto de uma cultura racional, da prática de uma moral eficaz em inibir o mal e ensejar o altruísmo e a bondade. Os preceitos confucionistas defendem uma base humanística na educação, cujo cerne é o aspecto humano e moral. Para o Mestre, o tipo ideal de indivíduo é o Junzi, o “educado”, uma pessoa de bons modos, instrução e qualidades morais elevadas. Traduzidos direto do chinês, estes pensamentos compõem um guia indispensável para nos aconselhar em tempos confusos e de relativismo moral como os de hoje.



O Confucionismo é hoje uma religião praticada por cinco milhões de pessoas, a maioria delas na Ásia.

Confúcio nasceu em 551 a.C. e morreu em 479 a.C. Ele é tido como um dos principais filósofos chineses. Os Analectos de Confúcio, obra que reúne seus pensamentos, é tão importante para os orientais quanto a Bíblia é para os ocidentais. O livro é um dos poucos registros confiáveis sobre os ensinamentos de Confúcio e é composto por diversos aforismos que o pensador chinês deixou como legados aos seus discípulos e admiradores.

A vida do pensador começou na região Nordeste da China. Aos três anos de idade, Confúcio perde o pai, que sustentava a família, e começa a passar dificuldades. Seus ensinamentos eram mais centrados em melhorar a relação entre as pessoas. “Quem não sabe o que é a vida, como poderá saber o que é a morte?” — dizia em um de seus aforismos. A carreira de Confúcio tomou uma nova direção quando ele se tornou filósofo da corte. Com este título, tentava fazer com que os governantes chineses dessem bons exemplos a serem seguidos pela sociedade. Confúcio desaprovava qualquer tipo de tirania e mantinha a ideologia de que o Estado existia para beneficiar a população.

Esta é uma seleção de ensinamentos de Confúcio (551-479 a.C.), uma das personalidades mais formidáveis tanto da filosofia quanto da religião. Texto básico da doutrina confucionista, os pensamentos de Confúcio fornecem uma profunda experiência de vida e um guia indispensável para nos aconselhar em tempos confusos e de relativismo moral como os de hoje. Confúcio defendia que a sobrevivência da civilização dependia do exercício correto de uma cultura racional, da prática de uma moral eficaz em inibir o mal e ensejar o altruísmo e a bondade. Para ele, o tipo ideal de indivíduo é o Junzi, o “educado”, uma pessoa de bons modos, senso crítico e qualidades morais elevadas.

A estrutura dos ensinamentos confucionistas visava à construção de uma base amplamente humanística na educação. O centro de seu método era o aspecto humano e moral, sem o qual o entendimento da cultura se veria sempre prejudicado pela superficialidade. Apesar de ser considerado um brilhante conselheiro e o professor máximo de sua época, Confúcio encontrou pouco apoio institucional para consolidar suas políticas educativas e governamentais, pois governos corruptos gostam de falar em educação, mas desprezam qualquer forma de ensino que privilegie a formação crítica do indivíduo.

A tradução foi feita diretamente do chinês pelo sinólogo André Bueno, mestre em História e doutor em Filosofia, que também traduziu outro clássico chinês, A arte da Guerra, para a Jardim dos Livros.


A Guerra dos Fae – Nova ordem mundial – vol.04
Autora: Elle Casey
Tradução: Sandra Martha Dolinsky
Gênero: Romance
Acabamento: Brochura
Categoria: Ficção
Formato: 15,6x23cm
Págs: 384
ISBN: 978-85-8130-313-0
Preço: R$ 39,90

E-book
ISBN: 9788581303147
Preço: R$ 19,90

SinopseJayne e seus amigos estão numa encruzilhada, tendo que enfrentar a batalha final que decidirá a formação da nova ordem exigida pelo mundo sempre em guerra entre os Fae da Luz e da Escuridão. Jayne se encontra numa encruzilhada não somente no terreno da estratégia e da magia, mas também do coração, que está dividido entre seu anjo da guarda e seu amigo elemental, Chase e Spike. Acontecimentos inesperados darão um toque surpreendente de romantismo e lágrimas neste último volume da “Guerra dos Fae”.
Surpresas após surpresas são mantidas até o final, que será ainda mais surpreendente para os fãs da insolente e destemida Jayne. E estão de volta o bom humor com o duende Tim e suas palhaçadas, bem como todos os perigos de um mundo onde de cada personagem ou situação pode brotar uma revelação inesperada, exigindo novas lutas e difíceis adaptações.
O mundo de aventuras de Elle Casey em “A Guerra dos Fae” tem aqui um encerramento apoteótico e brilhante.



AVENTURAS AMPLIADAS E CONCLUÍDAS NO ENCERRAMENTO DA SÉRIE

Em trinta e sete capítulos e 384 páginas, A GUERRA DOS FAE chega ao seu encerramento com A NOVA ORDEM MUNDIAL, conclusão de uma série da escritora norte-americana Elle Casey que penetra no mundo da magia dos grupos de elementais, duendes, magos, bruxos e changelings e que fez grande sucesso entre os jovens dos EUA e do Brasil, tendo sido publicada aqui pela Geração Editorial.

A série é protagonizada por Jayne, adolescente norte-americana que se muda do mundo real para o mundo mágico com amigos, transformando-se numa nova pessoa e tendo que se adaptar às regras (nem sempre claras nem bem-intencionadas) do mundo dos Fae. Desenvolta, insolente, travessa, Jayne tem um temperamento esquentado e imprevisível, o que faz com que suas aventuras sejam apimentadas por uma linguagem a que não faltam palavrões e muita irreverência. Foi precisamente esta irreverência que conquistou a adesão dos adolescentes para a série, visto que se trata de uma heroína nada comprometida com etiquetas e comportamento rígido. Ela é desafiadora e não há aventura ou encrenca em que não se meta levando em conta as necessidades de seus amigos. Porque, mesmo sendo muito irreverente e não perdendo uma piada, ela é muito leal aos amigos e segue um padrão ético bastante firme.

Os admiradores e leitores da série vão se deparar, neste quarto e último volume, com muitas transformações. A trama ganha uma boa dose de romantismo, tendo Jayne, sempre dividida em seus afetos, o coração agora balançando entre Chase e Spike. Chase, aliás, será marcado por acontecimentos decisivos. Até mesmo um pouco de melodrama, com lágrimas, acontecerá neste final surpreendente, em que as aventuras encontrarão um desdobramento imprevisível, tendo o mundo dos Fae e a guerra entre Luz e Escuridão assumido contornos ainda mais dramáticos em termos de desfechos e clímax. Porque agora é de uma raça e de uma coletividade que a sobrevivência precisará ser garantida e, naturalmente, Jayne e seus amigos precisarão de novas formas de astúcia, assumindo novos passos dentro do mundo mágico que já julgam conhecido.

Para onde irá o coração de Jayne, dividido entre Chase e Spike? O suspense será mantido até o fim. Também os inimigos, nesta aventura final, terão faces novas e imprevistas, visto que uma entidade oculta oferecerá um perigo mais complexo a ser enfrentado e mudará os conceitos de Luz e Escuridão. As decisões que Jayne tomará exigirão que ela amadureça e assim, transformada em adulta com mais responsabilidades diante da gravidade das situações, ela terá que se mostrar à altura de desafios bem menos adolescentes. Qual será a Nova Ordem Mundial na concepção mágica do mundo dos Fae? O que terá que ser feito para que ela se instaure?

Com humor, mas também com lágrimas, e com a dose de responsabilidade adulta exigida por tamanhos desafios, Jayne terá que tomar decisões diferentes em relação aos seus amigos. Desta feita, o enigmático Ben revelará facetas encantadoras para a instável e volúvel (em termos de coração) Jayne que até então parecia mais preocupada em defender seus amigos do que em adotar algum dos jovens que admira como namorado fixo.

A escritora Elle Casey, especializada em fantasia juvenil, não deixa de imprimir aos seus personagens, com suas faces divertidas, algumas que pedem um pouco mais de reflexão, mas sobretudo desenvolve uma trama que coroa toda a série de modo inteiramente satisfatório para os fãs.

Sobre a autora: Elle Casey é uma jovem americana que tem publicado livros em diversos gêneros, começando pela fantasia urbana, a ficção científica distópica e chegando à ação-aventura, onde se destacou com a série “A Guerra dos Fae”. Ela tem um público cativo na linha YA (Young Adults) nos EUA, mas desde 2010 mora na França com o marido e três filhos.

18 Comentários

  1. Ótimos livros (ao que parece) e com ótimo preço. Combinação perfeita em?

    exploradoradelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oieee

    Solicitei A Guerra do Fae pois, tenho os demais livros já lançados, não vejo a hora de dar continuidade na leitura.

    Beijo, Vanessa Meiser - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa, tudo bem?
      Também solicitei o último livro, pois estou curiosa para saber o desfecho da série.
      Bjkas

      Excluir
  3. Não tinha visto nenhum desses livros,e fiquei interessada nele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São livros bem diferentes, não é Theresa?
      Bjkas

      Excluir
  4. Adorei essa capa de Confúcio, parece ser um bom livro.

    ResponderExcluir
  5. Quero começar a ler a saga dos FAE, pois adoro livros desse gênero. Confúcio parece muito interessante também. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dan, tudo bem?
      estou no último livro da saga e não consigo parar de ler!
      Bjkas

      Excluir
  6. Achei interessante os lançamentos, mas mais esse primeiro. O outro não conferi os outros livros e nem tenho muita vontade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristiane, tudo bem?
      Tenho gostado bastante dessa saga dos Fae e estou amando o último livro.
      Bjkas

      Excluir
  7. Oi!
    Gostei dos lançamentos principalmente o novo livro da serie A Guerra dos Fae que só li o primeiro livro da serie mas gostei muito !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzana, tudo bem?
      A saga dos Fae é ótima, não é?
      Bjkas

      Excluir
  8. eu quero muito ler a série da Guerra dos Faes, parece ser um livro bem no estilo que eu gosto.
    o sobre o confúcio vou dar uma lida no primeiro cap antes de decidir qq coisa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana, tudo bem?
      Se você gosta desse estilo literário, leia a saga dos Fae. Estou amando.
      Bjkas

      Excluir
  9. Apesar dos livros terem capas lindas, não consegui me interessar pela sinopse, não faz meu tipo de livros"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Samira, quem sabe os próximos posts de lançamentos tenham livros que te agradem mais?
      Bjkas

      Excluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.