Sinopse - Dan achava que tinha uma vida feliz com Clara, mas, de uma hora para outra, ela desaparece inesperadamente de sua vida, deixando para trás apenas uma carta de despedida e um cachorro. A pequena criatura é incomum e sequer tem um nome definitivo, ele é simplesmente chamado de Doggo. Agora, Dan tem a missão de devolver Doggo, e, ao mesmo tempo, encontrar um novo emprego. A primeira missão parece ser fácil, a segunda, nem tanto. Com o passar dos dias, Dan começa a desfrutar da companhia de Doggo e não tem coragem de abandoná-lo. De forma singela, mas significativa, a presença do pequeno cão ajuda àqueles que estão ao seu redor. Doggo acaba tornando-se muito mais que um amigo de quatro patas, transforma-se em uma verdadeira fonte de inspiração para o trabalho e para a vida de Dan.  Esperando Doggo não é só um livro sobre um cachorro. É um livro sobre o poder de uma verdadeira e sincera amizade.


Daniel (ou Dan como é chamado no livro) namora há quatro anos com Clara. Os dois moram juntos e tem uma vida feliz.Pelo menos é isso que ele acredita. Clara até mesmo adotou um cãozinho, chamado Doggo, algumas semanas antes. Então, imaginem a surpresa do protagonista quando ele chega em casa e encontra um bilhete de despedida e o cachorro. 
Dan fica extremamente magoado e bravo, pois não há explicações para o que aconteceu. Se o relacionamento estava ruim, por que Clara não falou alguma coisa?
Agora, ele precisa lidar com um animal de estimação com o qual não tem a mínima ideia de como lidar. E Dan tem a impressão de que Doggo não gosta muito dele. Talvez o culpe por Clara ter ido embora...
Enquanto o protagonista tenta entender os últimos acontecimentos da vida dele, diversas mudanças sutis vão ocorrendo. Primeiro, Dan e Doggo começam a se tolerar. Depois, a tolerância vai se tornando em algo muito maior, como uma amizade inabalável.
A leitura é leve e rápida. Doggo é um sopro de vida na realidade do protagonista, que não apenas está abalado por conta do final do relacionamento, mas também está procurando recomeçar na área profissional também.

"...Doggo muda de posição e sinto a pressão do corpinho quente dele contra a minha perna. Geralmente ele não faz isso - ele não gosta muito de contato físico - e, enquanto fico pensando nisso, o momento passa, e a minha raiva começa a passar também de maneira misteriosa."

Sem dúvida é uma leitura recomendada! A trama é simples, narra em primeira pessoa o cotidiano do protagonista, mas traz diversas lições, como a de aproveitarmos as pequenas coias da vida ou a como procurarmos valorizar as amizades e as bençãos que recebemos.

Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um bom trabalho. A capa é simples, mas tem o seu charme.

"- Uma palavra. Amor.
- Amor?
- Ela sempre procura o amor no lugar errado.
- E onde é o lugar certo?
- Onde quer que seja que você não está procurando."


6 Comentários

  1. Adoro livros com animais que ajudam o protagonista e que nos conquistam. Adorei Marley & Eu, então acho que vou amar ler esse. Adoro histórias simples e leves, pra passar o tempo, e essa parece ser uma dessas. Abraços, a resenha está muito gostosa de ler.
    bookdan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá, em um primeiro momento não consegui me interessar por esse livro, mas depois que li várias resenhas ele me despertou a curiosidade!

    ResponderExcluir
  3. eu amo histórias que contenham a relação animal x homem, sou totalmente parcial com cães <3
    porém, apesar de ter achado a ideia do livro interessante eu acho mais legal as que são baseados em fatos reais. porque mostra de verdade as mudanças que eles podem fazer na nossa vida.
    ah, eu adorei o nome do cachorro, fica de sugestão p meu próximo =)

    ResponderExcluir
  4. Sinceramente, não me interessei pela leitura, mas pra quem gosta desse estilo de livro é bom.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    O livros pareceu legal e com uma boa historia mais não me chamou atenção, não é muito o tipo de historia que gosto !!

    ResponderExcluir
  6. Não é um livro que me interessei pra ler, apesar de ver resenhas boas dele e de novo outra aqui. As lições parecem bonitas e é um livro pequeno e rápido de ler, ma não me chamou muita atenção.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.