Sinopse - Verão de 1942. Anne tem tudo o que uma garota de sua idade almeja: família e noivo bem-sucedidos.No entanto, ela não se sente feliz com o rumo que sua vida está tomando. Recém-formada em enfermagem e vivendo em um mundo devastado pelos horrores da Segunda Guerra Mundial, Anne, juntamente com sua melhor amiga, decide se alistar para servir seu país como enfermeira em Bora Bora. Lá ela se depara com outra realidade, uma vida simples e responsabilidades que não estava acostumada. Mas, também, conhece o verdadeiro amor nos braços de Westry, um soldado sensível e carinhoso.O esconderijo de amor de Anne e Westry é um bangalô abandonado, e eles vivem os melhores momentos de suas vidas... Até testemunharem um assassinato brutal nos arredores do bangalô que mudará o rumo desta história.A ilha, de alguma forma, transforma a vida das pessoas, e este livro certamente transformará você.

Sara Jio tem a habilidade de mesclar o passado e o presente em suas obras. Para os leitores que vem acompanhando as suas publicações, é possível observar essa característica.

Em "O Bangalô" a autora nos transporta (através da memória de uma Anne idosa) para a paradisíaca Bora Bora em plena Segunda Guerra Mundial. É necessário salientar que, mesmo com uma temática tão forte e brutal, a autora conseguiu destacar a beleza local através da descrição de situações ou objetos com simplicidade.

Conforme a sinopse explica, a protagonista é Anne, uma jovem que tem tudo o que a sociedade da época classifica como necessário: uma família de renome, dinheiro e um noivo à altura. 

Sua melhor amiga Kitty é o tipo de garota que acredita em amor e está sempre se envolvendo em aventuras. Só que sua última aventura foi alistar-se para trabalhar como enfermeira e ajudar na recuperação de soldados feridos. Anne decide então juntar-se a ela e acaba indo parar em Bora Bora.

Focada no seu trabalho, Anne não poderia imaginar que teria uma mudança na forma como enxergava a vida ao se deparar com os soldados feridos, muito menos que um soldado em especial teria um impacto tão grande em seu futuro: Westry.

"Vinte e sete de novembro. Era uma data sem importância, apenas um pontinho no calendário. Mas foi também o dia que mudou minha vida, o dia em que comecei a amar Westry".


Westry é o tipo de homem que qualquer mulher gostaria de ter: é inteligente, sincero, carinhoso. E Anne não resiste a ele. Os dois começam a se envolver, mas o mundo exterior tem o seu modo de interferir. Quando Anne testemunha algo brutal, uma nova reviravolta acontece.

O romance, a ambientação, a narração, a composição dos personagens, tudo isso e muito mais é muito bem desenvolvido nesse livro. A obra é emocionante e a escrita da Sara Jio é cativante.

O trabalho editorial foi bem feito e a capa é linda.


17 Comentários

  1. Oie! Não gosto muito de histórias que alternam entre passado e presente (ou até mesmo futuro) porque sempre me confundo, kkk.

    Nunca li nada dessa autora e nem sabia da existência desse livro, mas não gostei muito da sinopse e com seus comentários acredito este não é o tipo de livro eu leria agora :/

    Abs!

    ResponderExcluir
  2. Já tinha visto resenha desse livro em algum lugar, e fiquei super interessada.

    ResponderExcluir
  3. Sempre me confundo com livros assim, mas tentarei ler

    ResponderExcluir
  4. Meus olhos sempre detectavam O Bangalô como um simples romance de época. Mas, a minha dedução estava totalmente equivocada, fiquei surpreso com tanta originalidade e ousadia da autora em implementar na história soldados-mulheres, o que não é muito comum. Com certeza renderá uma boa história.

    ResponderExcluir
  5. Amei essa capa.
    Confesso que é a primeira vez que vejo falar desse autor, e essa sinopse me intrigou bastante, com certeza quero ler esse livro, e esse nome? Amei.

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li nem um livro da autora Sara Jio, lendo sua resenha e conhecendo um pouco sobre a história do livro O Bangalô, percebi que apesar de ser um romance ele não faz meu estilo de leituras, por esse motivo no momento não pretendo lê-lo.

    ResponderExcluir
  7. Já li algumas resenhas desse livro e posso dizer que são bem positivas em relação ao livro, não posso resistir depois de tantos elogios, preciso ler.

    ResponderExcluir
  8. O livro parece ser emocionante, mas acho que não estou animada para ler não!!
    Mesmo assim gostei bastante da resenha!!
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva
    www.leitoracompulsiva.com.br

    ResponderExcluir
  9. Parece interessante ,mas n é o tipo de livro q geralmente leio.
    Até leria ,mas sem muitas espectativas .

    ResponderExcluir
  10. O livro me pareceu ser lindo, a historia é bonita, mas acho que no momento eu não leria ele.

    ResponderExcluir
  11. Narrar a história de mulheres guerrilheiras é, certamente, uma originalidade incrível. Sarah Jio conseguiu me prender a todo momento em sua história, apenas não gostei de alguns aspectos machistas da história. A proposta de contar tudo após 60 anos também foi incrível!

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Ainda não li nada da Sara Jio, mas quando vi esse livro no lançamentos ele não me interessou muito mas lendo a resenha gostei bastante da historia e achei legal essa mescla de passado e futuro que a autora nos trás!!

    ResponderExcluir
  13. Oi, eu geralmente não gosto de livros com romance, como eu disse anteriormente, mas se forem de época (mesmo que essa época seja só a segunda guerra mundial) eu já gosto, pois não é uma coisa de todo dia, que eu poderia viver e tals hashshshs

    ResponderExcluir
  14. Oiiee,
    Eu já havia ouvido falar do livro, só vejo elogios, amei a resenha e cada vez estou mais curiosa para ler O Bangalô, fico feliz em saber que a escrita da autora é cativante e que temos personagens bem construídos, essa coisa de passado e presente é algo que me agrada muito.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  15. Esse livro tem uma carinha de emoção mesmo, e todas as resenhas que leio dele, são fofas,positivas e me deixou com água na boca para lê-lo, rsrsrsrs
    To com muita vontade conhecer essa história, e já está anotado aqui.
    bjoos

    ResponderExcluir
  16. Comprei o livro para passar o tempo em uma viagem e a história me prendeu de uma forma surpreendente que agora 4 dias depois terminei o livro maravilhada e encantada com a desenvoltura da história.

    ResponderExcluir
  17. Não me aguento de curuiosidade, preciso ser transportada imediatamente a este romance mágico, só vejo elogios a respeito deste livro!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.