Sinopse:Samantha Rousseau é uma garota que está acostumada a sujar as mãos. Ela faz mestrado em biologia da vida selvagem enquanto ajuda a cuidar de seu pai doente. Logo, não tem tempo para fofocas de celebridades, roupas da moda ou férias em algum paraíso do Caribe.

Quando a duquesa do pequeno país da Lilaria a convida para jantar, Samantha pensa que é para discutir uma doação para sua pesquisa universitária. Mas a verdade mudará o curso de sua vida de uma maneira que ela nunca sonhou.

Alex D’Lynsal, príncipe da Lilaria, já rendeu muitas manchetes escandalosas à imprensa. Mas as últimas fotos divulgadas o levaram a fugir para a América e desistir de vez das mulheres. Isto é, até ele conhecer Samantha! Ela é teimosa, determinada e incrivelmente sexy. Sem mencionar que é herdeira de um Estado inteiro, o que a coloca constantemente na primeira página de qualquer jornal.

Enquanto Sam aprende a viver em um mundo de política e riqueza, ela também precisa se esquivar de seus sentimentos crescentes por Alex. Afinal, se entregar a eles significaria mais do que apenas se apaixonar; significaria aceitar o peso de uma nação sobre seus ombros.


De repente é uma história que mescla humor, romance e muitas pitadas de romance!
Esse não é o meu estilo normal de leitura, porém fiquei atraída pela sinopse; envolve príncipes e reinos “tô caindo dentro”!


“...Eu não era cega. Claro que eu havia notado que ele era sexy. Mas por que aquilo era uma coisa boa pra mim? Eu nunca mais o veria novamente. Ele era um príncipe!”


Samantha Rousseau é uma jovem comum aparentemente; bióloga especializada em aves de rapina e fazendo sua pós-graduação. Trabalha duro para conquistar seus objetivos, tem um pai doente a quem auxilia nos custeios com medicações e etc. Seu dia começou estranho, pois ela tinha em mente um curso a seguir, mas tudo ficou atrapalhado quando viu que a faculdade estava um caos com a chegada de um príncipe. E sequer permitiram que ela entrasse na biblioteca, com isso, mesmo a contra gosto, seguiu seu curso e foi trabalhar normalmente.

“Dizer que meu dia não estava indo bem era o mesmo que dizer que a Revolução Francesa havia sido um pouco turbulenta para Maria Antonieta.”

Até que na saída do trabalho se depara com um homem estranho, bem vestido e procurando por ela.. Tudo parece um engano, pois é informada que a duquesa quer jantar com ela. Samantha deduz que seja alguma doação para o instituto e resolve ir até o local. Chegando lá, quase é posta para fora, pois o seu nome não está na lista para encontrar-se com a duquesa. Mas Samantha não tem papas na língua e diz que fará um escândalo se o cara não avisar sua presença para a duquesa. E aí as coisas começam a mudar em sua vida!

“Sugiro que vá perguntar a duquesa se ela está esperando por mim, ou então vá em frente e chame a segurança e pode esperar que vou armar um escândalo. E então, quando ela vir você me levando para fora do restaurante, poderá explicar a ela por que me mandou embora.”

A história é gostosinha, dessas para ler sem aquela expectativa enorme, já que é bem previsível. É um conto de fada moderno que me fez suspirar como “mulherzinha” rsrs.

6 Comentários

  1. Queria ter conferido, mas acho que é muito "bonzinho" pro meu gosto. De ler por ler e não tem muito ali. A história parece legal, mas sei lá, não é pra mim =/

    ResponderExcluir
  2. Pelo que percebi esse livro é parecido com ''A Seleção '' ? amei a sinopse, que capa linda, amo histórias que tem humor, mas não são livros infantis ou bobinhos, apaixonada por esse livro

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Li esse livro e gostei muito e uma leitura leve e descontraída e bem engraçada, gostei muito de todos os personagens e principalmente do casal que é apaixonante !!

    ResponderExcluir
  4. Adoro histórias tipo conto de fadas, realmente não tem como não ser previsível, né? O famoso ''Felizes para sempre'' acaba acontecendo. Gostei muito da capa, mas o enredo não me chamou atenção ):

    ResponderExcluir
  5. Já conheço o livro é ele é bem interessante, lendo a sinopse me lembrei do livro Simplesmente Ana. Apesar de adorar contos de fadas não me interessei pelo livro.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.