Sinopse: Oliver é um adolescente que tenta economizar dinheiro para ingressar na faculdade e deixar para trás a loja de antiguidades de sua família. Mas para garantir seu sonho ele começa a trabalhar para uma organização sinistra, que se denomina “Artistas de Ossos”. Bem, mas dinheiro é dinheiro. Abrindo sepulturas e roubando ossos, ele aceita a missão pensando que isso seria uma fase momentânea, mas descobre que abandonar essa empreitada pode ter um custo muito alto, pois existem algumas dívidas que não podem ser pagas. Assim Artistas dos Ossos é um puzzle importante que faltava para os fãs da série Asylum.







Artista dos Ossos é mais um episódio da série Asylum que nos traz algumas novas perspectivas a cerca de todo o cenário criado por Madeleine Roux.

Oliver vive na intenção de logo que possível se mandar de sua cidade (New Orleans) para uma vida diferente da que tem ajudando nos negócios da família. Em breve ele estará dando o primeiro passo já que entrou para faculdade em outro estado, porém precisa reunir grana e com intuito de agilizar "seu futuro" ele e Micah aceitam um "emprego" um pouco bizarro, mas que poderá render o suficiente para realizarem seus desejos. O trabalho por si já é bem estranho, abrindo túmulos e retirando objetos de valor das mesmas; até que Briony a mulher integrante da organização misteriosa na qual foram contratados, faz novos pedidos ainda mais sinistros que incluem não apenas levar os pertences de valor, mas ossos. Os jovens quase são pegos e isso faz com que Oliver, que em dado momento já não estava à vontade com a situação.. colocasse a mão na consciência e pensasse em se retirar desse "trabalho" e ao demonstrar isso para Micah, seu amigo não parece compartilhar da mesma opinião, afinal.. Tem bastante dinheiro em jogo!

Depois que entra em uma situação incomum como essa e contra as leis existentes e quase é pego pela polícia seria possível se livrar de tal fardo? E mais ainda.. Se livrar de Briony, a mulher que está cada vez mais insistente em lhes dar tarefas macabras?

Bom.. Eu mais uma vez me vi completamente presa às páginas da história criada por Madeleine Roux e quando penso que não há nada mais que ela possa criar para tornar a história mais interessante, vem ela e me surpreende!

Assim como em Scarlets - Artistas dos Ossos é um grupo que para muitos só de mencionar o nome o mal poderá ser atraído e são considerados satanistas que praticam rituais sinistros com ossos humanos adorando as trevas. Um caminho sem volta e bastante assustador!

Como disse em todas as minhas resenhas - Asylum (série) não chega a ser assustador, mas é bastante intrigante e deixa o leitor ávido por mais!  O suspense está presente em todas as páginas e nos faz ficar com aquele gostinho de quero mais! 

A capa de Artistas dos Ossos está ainda mais linda que as outras e a edição  muito bem feita! Obrigada V&R!!

Adoro a série e super recomendo!


5 Comentários

  1. Oi,
    Ainda bem que a série não é tão assustadora, o título e a capa do livro me deram um medinho, pensei que fosse de terror! Bem intrigante o livro. Ainda não conhecia a série mas vou dar uma pesquisada sobre ela!

    ResponderExcluir
  2. Eu já vi esse livro à venda em vários locais e nunca me interessei em olhar a sinopse. Agora estou arrependida. Parece ser ótimo! Adorei a história, foge totalmente do clichê, e isso me prende demais, justamente por ser imprevisível. Amei ♥

    ResponderExcluir
  3. Não sabia que havia outros livros que não seguem a série principal ,vou dr uma olhada ,preciso ler imediatamente ,u.u...

    ResponderExcluir
  4. Oi.
    Fiquei bem curiosa para ler essa série, conistro essa coisa dos ossos, mas dinheiro é dinheiro kkk.
    Irei ler com toda certeza, essa capa é muito intrigante.
    Boa Noite.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Quando vi esse livro a capa logo me chamou atenção e pensei que serie um livro mais voltado para o terror, mas lendo a resenha achei um livro mais de suspense, achei a historia interessante e fiquei curiosa para saber mais !!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.