Sinopse - A série Starling chega a seu desfecho épico neste terceiro volume. A ancestral profecia nórdica do Ragnarök está prestes a se cumprir. Mason Starling tem nas mãos o destino do mundo, enquanto Fennrys, seu amor, jaz a seus pés sangrando, com a vida por um fio. No entanto, o que quer que esteja por vir não ocorrerá por causa de uma profecia ou dos planos maquiavélicos do seu pai. Tudo depende apenas das decisões de Mason e Fenn. E o mundo deve torcer para que ambos alcancem aquilo que suas almas e suas espadas mais almejam: evitar o fim do mundo.
CONTÊM SPOILERS DOS LIVROS ANTERIORES 


A trama é narrada em terceira pessoa e se passa em Manhattan. O livro começa exatamente onde o segundo terminou: a Maldição do do Miasma foi lançada e Roth, irmão mais velho de Mason está inconsciente e Gwen está sofrendo. 
"Roth estava inconsciente; seus braços e seu peito estavam cobertos de cortes superficiais feitos pela lâmina em formato de foice que Daria empunhava. Os ferimentos deviam ter sido dolorosos, mas não traziam risco de vida. Era apenas a maldição que o fazia sofrer de verdade. Assim como fazia sofrer a garota com quem ele compartilhava aquela terrível conexão". (p. 15)

Cal feriu Fenrys, que está entre a vida e a morte. E Mason, para salvar o seu grande amor, terá que tomar uma decisão impossível.
"Todos abandonaram o terraço, deixando para trás o altar de mármore negro onde o irmão de Mason, Roth Starling, jazia amarrado e sangrando, alimentando a maldição que lançava num sono profundo toda a ilha de Manhattan.Mason não se importava.Deixem que corram, pensou. Eles são carneiros. Não importam.Tudo o que importava era o Lobo". (p. 11)
Quebrar a Maldição do Miasma não foi fácil e acabou condenando tanto Mason quanto Fennrys a cumprir seu destino no Ragnarök. Mason sente a Valquíria querendo emergir, a vontade de decidir quem morre está a flor da pele e a tentação é avassaladora; Fennrys precisa controlar a fera que agora abriga, mas é muito difícil lutar contra seus instintos. Mas tem algo que Gunnar Starling não contava e que pode parar a profecia: o amor entre Mason e Fennrys.
Roth terá que confessar seus pecados à irmã e torcer para que ela o perdoe; Heather Palmerston, personagem que se tornou uma das melhores amigas de Mason, acaba se destacando. Sendo uma mera mortal, ela tenta colocar a razão na mente dos personagens, mas vai descobrir que sua vida também é repleta de segredos. Cal está processando seus sentimentos em relação à Mason e suas habilidades adquiridas. 
Mason é forte, determinada e leal. Tudo o que importa para ela é manter aqueles que ama em segurança, principalmente Fennrys. A jovem está determinada a não deixar sua vida ser controlada por uma profecia e vai usar todas as armas que tem para lutar contra o seu suposto destino.
"Quando era criança, Mason Starling morreu. A experiência a deixara com alguns... problemas". (p. 51)

Fennrys é mais forte do que imaginávamos. Sua força de vontade e determinação é incrível. Nesse livro vamos conhecer a verdade sobre seus pais e tudo o que aconteceu com ele até se encontrar com Mason.
Falando do lado negro da família Starling, temos Gunnar e Rory. Gunnar é o patriarca da família e obcecado com o Ragnarök. Tão obcecado que está até mesmo disposto a sacrificar a própria filha no que ele acredita que é o bem maior. Rory agora tem a mão de prata e seu egocentrismo aparentemente não tem fim. Ele realmente acredita que pode governar o mundo.
"Transcendente" é o terceiro e último livro da série Starling e traz um final digno para uma história tão cheia de mitologia.  O livro tem batalhas, aventuras, Gigantes de Gelo, Trolls, Lobos, Deuses Nórdicos e um final incrível, que não deixou nem um pouco a desejar.
Em relação à revisão, diagramação e layout a Editora Jangada realizou um ótimo trabalho. A revisão está impecável e a capa combina perfeitamente com as capas dos livros anteriores.
"Você, meu estimado rapaz, é a escolha. E ela, aquela garota maluca,  adorável, loucamente apaixonada por você, é a que escolhe. É poético, na verdade. Vá em frente. Façam uma bela música juntos. Ardam com chamas resplandecentes. Brilhem. Desafiem!" (p. 157)


 Confiram as resenhas dos livros anteriores:
* Starling - Livro 01 - clique aqui
* Descendente - Livro 02 - clique aqui


5 Comentários

  1. Carolina!
    Não tive oportunidade ainda de ler nenhum dos livros dessa série, porém a cada nova resenha fico ainda mais curiosa por acompanhar todo esse enredo fantástico.
    “Não há nada que faça um homem suspeitar tanto como o fato de saber pouco.” (Francis Bacon)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de NOVEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Li só a sinopse, pois ainda não li os outros livros!
    Parece ser bem legal essa trilogia!
    Acho que lerei!
    A capa me chamou bastante atenção!

    ResponderExcluir
  3. Que capa linda ♥
    Adorei o livro por ser fantasia e envolver os povos nórdicos, mas não li a toda a resenha pois contém spoilers, mas espero ler em breve essa série de livros ^^

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia a série,mas para esse primeiro contato não chamou minha atenção ainda.

    ResponderExcluir
  5. Amo os dois primeiros livros e estou ansiosa para ler este... a história é incrível. O tipo de história que você não quer parar nunca de ler... adoro ♡

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.