Sinopse - Duda aprendeu que a vida não era fácil, mas nunca se deixou abater pelos obstáculos. Conhecida por sua personalidade ousada, ela valorizava sua própria liberdade acima de quaisquer sentimentos. A vida estava sempre sob seu controle... até seu sobrinho, o jovem tenista Igor, garantir-lhe que André, seu treinador, seria o “homem ideal” para ela. Duda não acha que precisa de qualquer relacionamento sério, aliás, aprendeu que o amor não existe para todos, especialmente não para ela. Por isso, tudo soava muito divertido quando Duda soube que finalmente conheceria o “tão mencionado” André; o problema é que o tal “homem ideal” era um babaca que parecia muito disposto a irritá-la. Agora, Duda precisará lidar com as expectativas românticas de seu sobrinho, a monitoria estressante de sua irmã mais velha, o confronto com seu próprio passado doloroso e a verdade de que nunca é tarde para aprender a amar.
O livro é narrado em primeira pessoa pela Maria Eduarda, a Duda. Duda tem 28 anos é fotógrafa e ama a vida. Vive viajando a trabalho e por conta disso, tem pouco tempo livro para passar com a irmã mais velha Mariana e seu sobrinho Igor, de 14 anos de idade. Porém, quando o Igor pede que ela compareça ao Campeonato Internacional de Tênis para fotografá-lo em ação, a tia larga tudo e vai para Florianópolis atender o pedido do sobrinho.
Mariana é a mais velha e age como mãe da Duda, sempre preocupada e querendo que a Duda sossegue em algum lugar com alguém. Porém, Duda ama sua liberdade e não tem interesse em se relacionar seriamente no momento.
Ao chegar em Florianópolis, em meio do carnaval, ela decide sair do táxi para tirar algumas fotos e não faz ideia de que essa pequena ação pode mudar o curso da sua vida... Ela encontra um carinha muito bonito, mas um pouco arrogante, que está acompanhado de outras garotas, mas que insiste em atormentá-la. Apesar do desconhecido ter mexido um pouco com ela é apenas isso que ele é: um desconhecido.
Imaginem a surpresa da Duda ao encontrar a família e conhecer o treinador do Igor e deparar-se com o desconhecido.
A partir daí, o livro é uma série de encontros e desencontros, onde os Duda e André irão se conhecer um pouco mais e descobrir que a possibilidade da felicidade pode estar mais perto do que se imagina.
O enredo é bem construído e é delicioso de se ler, mas existem alguns pontos que na minha opinião pessoal poderiam ser mais desenvolvidos. A leitura é rápida e fiquei com a impressão de que a construção dos relacionamentos entre os personagens poderia ter sido um pouco mais aprofundada e até mesmo o romance o si poderia ter uma base mais sólida. Mesmo assim, a leitura é agradável e deixa o leitor curioso com o que vai acontecer a seguir.
Destaco aqui o Igor, o adolescente que tenta juntar sua tia e seu treinador. Ele é fofo, carinhoso e muito perspicaz.
André e Duda são dois personagens promissores, que tem dificuldades em assumir seus sentimentos e até mesmo em abrir mão de sua liberdade. Ambos são desinibidos, inteligentes e cheios de charme.
Em relação à revisão, diagramação e layout foi realizado um ótimo trabalho. Encontrei apenas dois errinhos de digitação, mas nada que interfira na compreensão do texto.
A capa é muito bonita, mas senti falta de elementos da trama, como a fotografia e o tênis.


Para comprar o ebook pela Amazon, acesse: http://amzn.to/2rJQYdg

8 Comentários

  1. Obrigada pelas sinceras palavras!
    Pretendo a cada dia, aperfeiçoar meu potencial, para próximos livros, e vocês resenhistas, auxiliam
    muito nessa evolução.....

    ResponderExcluir
  2. Carolina!
    Uma pena que o relacionamento poderia ser mais aprofundado, ainda assim, achei maravilhoso ver que Igor quer juntar a tia com o treinador dele, gosto quando 'criança ou adolescente' consegue interferir a favor da felicidade.
    Boas festas juninas!!!!
    “O que importa afinal, viver ou saber que se está vivendo?” (Clarice Lispector)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Pela capa já posso dizer que é o estilo de romance que eu adoro ler. A sinopse também vem pra confirmar que é aquele clichê, mas não por isso deixa de ser muito bom !
    A resenha é boa e deixa agente com vontade de ler e acompanhar esses encontros e desencontros dos personagens. Acompanhar o surgimento da paixão e todas as suas consequências é bem divertido !
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Esse livro está sendo tão bem falado que já foi para minha lista de desejados ainda quero ler só não sei quando mas algo me diz que vou adorar.
    Abraços!!!

    ResponderExcluir
  5. Olá! Ainda não conhecia o livro e adoro conhecer novos autores nacionais, fiquei curiosa com o desenvolvimento da história, acho que vou gostar bastante, pois adoro um bom clichê, outro ponto positivo é ele ser um livro curto, já que não gosto quando os autores enrolam em seus enredos.

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    Já tinha visto esse livro é gostei bastante da história dele, tem uma trama bem envolvente e clichê. Já tenho planos de compra esse livro para ler e conhecer o trabalho da autora.

    ResponderExcluir
  7. Oi Carol ;)
    Gostei da premissa do livro, parece um ótimo romance, mas também não gosto de livros com amor instantâneo, como esse parece ter. Que pena que esse relacionamento entre os personagens não foi aprofundada, esse é um ponto negativo para mim.
    Mas como gostei da trama, vou add a lista de leitura.
    Bjos

    ResponderExcluir
  8. Oi, Carol.
    Sou jogadora de tênis e quando li a sinopse me animei achando que a autora tinha explorado bastante o universo do esporte, como os treinos e as competições. Mas pelo visto tudo fica mesmo é no romance, né?!
    Ainda não decidi se pretendo ler, mas vou pensar com carinho! Rs...
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.