Sinopse - Juliana Fiori é uma jovem ousada e impulsiva, que fala o que pensa, não faz a menor questão de ter a aprovação dos outros e, se necessário, é capaz de desferir um soco com notável precisão. Sozinha após a morte do pai, ela precisa deixar a Itália para viver com seus meios-irmãos na Inglaterra. Ao desembarcar no novo país, sua natureza escandalosa e sua beleza estonteante fazem dela o tema favorito das fofocas da aristocracia. Pelo bem de sua recém-descoberta família britânica, Juliana se esforça para domar seu temperamento e evitar qualquer deslize que comprometa o clã. Até conhecer Simon Pearson, o magnífico duque de Leighton. O poderoso nobre não admite nenhum tipo de escândalo e defende o título e a reputação da família com unhas e dentes. Sua arrogância acaba despertando em Juliana uma irresistível vontade de desafiá-lo e ela decide provar a ele que qualquer um – até mesmo um duque aparentemente imperturbável – pode ser levado a desobedecer as regras sociais em nome da paixão.
"Onze Leis a Cumprir Na Hora de Seduzir" é o terceiro livro da série Os números do amor e tem como protagonista a Srta Juliana Forti. Juliana é a meia-irmã de Nick e Gabriel (protagonistas dos livros anteriores). A mãe dos rapazes os abandonou, foi para a Itália, formou uma nova família e quando Juliana completou dez anos de idade, também foi abandonada. Com a morte do seu pai, o único parente da protagonista, ela foi enviada para os seus irmãos na Inglaterra, que a receberam e cuidam dela com carinho. Infelizmente, a sociedade britânica não tem a mesma perspectiva. A sociedade trata Juliana como algo ruim, uma escandalosa, filha de sua mãe. A jovem é constantemente humilhada por sua inadequação e tudo se torna ainda pior quando o assunto é o duque de Leighton. 
"Aqueles aristocratas se fortaleciam insultando-a, olhando-a por cima de seus narizes empinados sem nada ver além do rosto de sua mãe, do escândalo de sua mãe, da reputação de sua mãe. Eles não se importavam com quem ela era. Só se importavam com quem ela era." (p. 47)
Antes dele saber sua verdadeira identidade, Simon Pearsen, o duque, havia flertado com a jovem, encantado por sua beleza e luz. Mas ao descobrir que era uma "ninguém", a desprezou friamente. Não é a toa que ele é conhecido como o Duque do Desdém, um homem frio e arrogante, interessado apenas em manter o bom nome da família e em manter a reputação dos Leighton intacta.
Para Simon, o que sua irmã Georgiana fez é imperdoável. No livro do Nick, Simon pede para que o amigo a encontre, pois Georgiana, com apenas 17 anos, fugiu de casa. Agora, ela está na casa Minerva, aguardando o seu futuro.
Esse livro começa com Juliana sendo atacada nos jardins do próprio irmão e ao fugir, acaba se escondendo na carruagem de Simon, o que desenrola os inúmeros encontros dos protagonistas.
Juliana é vivaz, audaciosa e desafiadora. Seu espírito livre não se encaixa nas regras da sociedade e acaba se envolvendo em inúmeros acidentes que os demais consideram escandalosos, colocando a garota na mesma categoria que a sua mãe. Por trás de toda essa bravata, existe uma jovem que se sente deslocada, não amada e perdida, pois não consegue entender as atitudes que levaram a própria mãe a abandonar três filhos.
Mas a protagonista conta com alguns amigos, como seu irmão Gabriel e sua esposa Callie e sua melhor amiga Mariana, a duquesa de Rivington. Mariana é protetora em relação à Juliana e não hesita em colocar sua reputação para apoiá-la.
Simon é o completo oposto. Frio, impessoal, arrogante e desprovido de calor. De todos os protagonistas da série, Simon foi o que menos gostei. Ele tem uma maneira própria de falar com a Juliana, que a deixa constrangida e sentindo-se inferior ao mesmo tempo. Tal atitude não me agradou durante a leitura, pois fiquei compadecida pela protagonista, que já estava sofrendo o suficiente sem que ele se envolvesse. 
"-Sim - falou ele de modo meio arrastado-, posso imaginar o que seja tentar viver de acordo com uma reputação como a sua.A luz desapareceu, substituída pela ferroada das palavras dele." (p. 15)
O romance entre Juliana e Simon é interessante. Simon não se deixa levar pelas emoções e não quer se envolver com alguém como Juliana. Em contrapartida, Juliana sente algo por Simon desde o primeiro encontro entre os dois e vai tentar demonstrar que ter paixão na vida não é algo ruim. A grande questão é saber o que irá ganhar essa batalha de desejos: a razão ou a paixão?
Outros personagens reforçam o enredo no decorrer do livro, como Nick e Isabel e as mulheres da casa Minerva. Há também muita interação entre os Ralston. É divertido e apaixonante ver a dinâmica dessa família que foi conquistando o coração do leitor livro após livro.
A autora ainda criou uma reviravolta fantástica, que é um total choque e que acaba mudando tudo. O retorno de um certo personagem trouxe o elemento dramático perfeito para a história dessa família.
Em relação à revisão, diagramação e layout, a Editora Arqueiro realizou um ótimo trabalho. A capa é bonita e combina com a capa dos livros anteriores.
"Ela nunca será um deles." (p. 10)
Para comprar o livro pela amazon, acesse: http://amzn.to/2rk6JHE



Confiram as resenhas dos livros anteriores
Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar - Os Números do Amor # 1 - Sarah MacLean
Para comprar o livro na Amazon, acesse: http://amzn.to/2qZNliH

Dez Formas De Fazer Um Coração Se Derreter - Os Números Do Amor # 2 - Sarah MacLean
Para comprar o livro na amazon, acesse: http://amzn.to/2pzidGe

6 Comentários

  1. Adoro essa série, ela é tão divertida que te deixa preso na leitura do início ao fim. Ganhei os dois primeiros livros e assim que terminei decidi que o segundo foi o meu favorito, mas não posso negar que o primeiro também é muito bom ! Julianna é uma figura, sempre fora dos padrões, fala o que quer e age como bem entende, então imagino que esse livro seja um final maravilhoso pra série. Não vejo a hora de ler :)

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Quando vi a série fiquei curiosa por conhece a série. A sua resenha é incrível, gostei bastante da trama do livro. É uma pena quando a mãe abandonada os próprios filhos e que mesmo os outros consegue seguir em frente à menina fica desorientada e sozinha e isso é triste por ninguém entendê-la. Gostei bastante e quero ler!

    ResponderExcluir
  3. Acho que dos três livros esse ultimo me parece que foi o melhor, ainda não completei minha coleção mas quero poder ler em breve, como tenho só o primeiro livro não vou começar até ter todos em mãos.
    Abraços!!!

    ResponderExcluir
  4. Carolina!
    Acabei de ler o primeiro livro dessa série e ainda estou em êxtase, simplesmente amei.
    E já me encantei pela irreverência de Juliana desde o primeiro livro.
    Agora quero poder ler esse também e o anterior, é claro.
    A autora se expressa bem demais.
    Bom final de semana!
    “Saber envelhecer é a grande sabedoria da vida.” (Henri Amiel)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá! Ao terminar de ler este livro, simplesmente fiquei com um sorriso no rosto, poucos romances históricos são tão bem construídos, com personagens cativantes e uma história tão envolvente como esse, amo a escrita da Sarah MacLean.

    ResponderExcluir
  6. Oi Carol ;)
    Gostei da resenha, e fiquei mais ansiosa ainda pra ler o livro!
    Ainda não li os volumes 2 e 3, li apenas o primeiro e amei muito o casal e a trama, a autora escreve muito bem! E como a Juliana foi uma das personagens que mais gostei nesse primeiro livro, estou ansiosa pra descobrir sobre ela.
    E quero muito saber dessa reviravolta fantástica, fiquei curiosa kkk
    Bjos

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.