Sinopse - Primeiro livro de uma trilogia, “Desejo proibido” é uma história de amor e redenção, de universos distantes que se aproximam e se fundem numa paixão avassaladora. Seu amor é proibido, mas não pode ser ignorado. Katherine Lane nasceu em berço de ouro. Filha e neta de senadores, a bela ruiva de olhos verdes e curvas perfeitas se formou em Literatura e surpreendeu a todos ao decidir dar aulas em uma penitenciária. Mas quando Carter, um detento inteligente e perigosamente sexy, desperta ao mesmo tempo a raiva e o desejo de Kat, ela é forçada a admitir para si mesma que a decisão de lhe dar aulas particulares pode ter sido motivada não pela generosidade, mas sim pela crescente atração entre os dois. Embora a família e os amigos de Kat temam que a paixão destrua sua carreira e sua vida, tudo o que ela quer é ficar com esse homem que a faz sentir-se completa. Porém Carter guarda um segredo que tanto pode unir seus destinos para sempre quanto afastá-los de uma vez por todas.
"Desejo Proibido" é narrado em terceira pessoa e conta a história de Wesley James Carter de 27 anos de idade e Kate Lane, de 24 anos. Carter é um homem que desde cedo sentiu a rejeição e acabou escolhendo a sua própria família: seu melhor amigo Max O'Hare. Atualmente ele se encontra preso na Penitenciária de Arthur Kill.
Carter faz o estilo bad boy, esquentadinho que não leva desaforo para casa. Por conta da sua aparência, ele sabe que consegue a mulher que quiser e deixa claro o quanto aproveitava suas noitadas quando estava em liberdade. Carter também é provocador e adora implicar com os guardas e Ward, o diretor da penitenciária. O único que enxerga através da persona de Carter é Jack Parker, o seu conselheiro. Jack incentiva Carter a participar das aulas fornecidas pelo Estado para diminuir o tempo preso, auxiliando no pedido de condicional.
Kat Lane é uma jovem de família abastada que presenciou em primeira mão o falecimento do pai em um ato criminoso. Nesse momento ela fez uma promessa ao pai que fará de tudo para cumprir. Kat torna-se professora e se empenha em ensinar literatura em locais perigosos, como a Penitenciária de Arthur Kill. A mãe de Kat, a Eva, é o tipo de personagem controladora e usa como justificativa a segurança da filha para minar sua auto-estima e bombardeá-la com insultos sutis. 
Os dois melhores amigos de Kat são Ben, casado com Addy e Beth, noiva do Adam. Ben é o amigo incondicional, que a apoia não importa o motivo enquanto que Beth é a amiga da onça, que faz tudo menos apoiar a protagonista.
Para Kat, ensinar literatura para os presidiários é uma forma de vencer seus próprios medos e lidar com os acontecimentos do passado. É uma personagem que preza a sua independência e que não se gaba das ligações ou do dinheiro familiar. Kat vive uma vida simples, dedicada e sem extravagâncias.
Quando Kat começa a ensinar em Arthur Kill, ela conhece Carter e imediatamente percebe sua arrogância e beleza. Mesmo Carter sendo irritante, ele é carismático e também se sente atraído por sua sexy professora. A química entre os dois é inegável, mas o caminho é cheio de obstáculos. Primeiro, não pode existir confraternização entre Kat e seus alunos e depois, a vida de Carter é rodeada de amigos problemáticos que podem colocá-lo em confusão. 
"Carter abriu os olhos e viu que o olhar de Kat se fixava nele, inocente e desejoso. Ela era um paradoxo. A agitação no fundo do estômago foi se transformando em algo maior." (p. 133)
O romance é muito bem desenvolvido e tem aquele ar de redenção que todo bad boy possui e que agrada aos leitores. Porém existem alguns desenvolvimentos secundários, assim como personagens que deixam a desejar, como por exemplo, Beth, a suposta melhor amiga. É o tipo de personagem dispensável, cujo papel não influencia em nada a história. Sim, ela é a conexão com dois outros personagens, mas poderiam ser apresentados de outra maneira. Além disso, a forma como Kat lida com os comentários da mãe é muito brando e em outros momentos infantis, pois ela realmente faz birra quando sente-se ofendida.
Levando isso em consideração, o enredo central é interessante e prende a atenção do início ao final da leitura. Temos romance, segredos, reviravoltas e recomeços.
Em relação à revisão, diagramação e layout a Editora Arqueiro realizou um ótimo trabalho.
"Era mais que atração. Era desejo. Ele estava faminto por ela - em todos os sentidos que se permitia pensar." (p. 133)


Para comprar o livro pela Amazon, acesse:  http://amzn.to/2zj2uAq

6 Comentários

  1. Carolina!
    A primeira coisa que me agradou foi ter um enredo diferenciado, em um presídio, ambiente bem degradante.
    E outra coisa que chamou minha atenção é a força do amor dos dois.
    Bem interessada em ler esse livro maravilhoso!
    Um final de semana alegre e feliz!
    “Não há nada que faça um homem suspeitar tanto como o fato de saber pouco.” (Francis Bacon)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  2. Já li alguns comentários referentes aos livros da Trilogia Desejo Proibido, lendo sua resenha acabei me interessando em ler este livro, pois gosto de livros de romance, uma pena a autora não ter desenvolvido melhor os personagens secundários; Espero conseguir ler esta trilogia em breve.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Carol.
    Li esse livro há algum tempo e gostei bastante!
    Já li também o segundo e agora estou com o terceiro na lista de próximas leituras!
    Gostei de saber que o livro te agradou no geral!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  4. Já havia visto este livro , mas não sabia do que se tratava.
    Não sou muito fã deste tipo de leitura, mas essa trama se passando num ambiente de um presídio me chamou bastante a atenção.
    Creio que irei dar uma chance a leitura.

    beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Eu já tinha visto esse livro ou a resenha dele em alguma lugar . A trama é bem diferente, não tinha visto livros que conta um romance que se passa em uma penitênciaria, achei bem diferente. Eu gostei da história e estou bem curiosa por conhecer.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  6. Olá! Então... li o livro, faz um tempo, e gostei, apesar de todos os clichês, os dois são personagens com bastante química, é impossível não gostar do Carter, e a Kat é forte e um pouco frágil, ainda assim muito determinada.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.