Sinopse - O que fazer com um duque relutante em se casar? A Duquesa de Halford – e mãe de Griffin, o duque libertino, irresponsável, que deseja apenas os prazeres da vida – tem o plano perfeito. Na verdade, ela conhece o lugar perfeito… Spindle Cove. No paraíso das jovens solteiras, a duquesa insiste para que o filho escolha uma dama. Qualquer uma. E ela a transformará na melhor duquesa de Londres. Griff, então, decide achar alguém que acabará com os planos e com a ideia maluca de forçá-lo a se casar… Ele escolhe a atendente da taverna Touro & Flor, Pauline Simms – que nunca sonhou com duques ou com casamento, mas sim com o dinheiro que possibilitaria uma mudança completa em sua vida e na vida da pobre irmã, Daniela. O duque e a Srta. Simms estabelecem um acordo: a mãe de Griff tem uma semana para transformar a criada em uma duquesa perfeita, então Pauline deverá ser um desastre durante sete dias e, se tudo der certo (ou melhor, se tudo der completamente errado), receberá mil libras e poderá realizar o sonho de construir a própria biblioteca em Spindle Cove. Em pouco tempo, porém, o duque é surpreendido ao conhecer Pauline e descobrir que a moça é muito mais do que uma simples atendente, e a atração entre os dois é inevitável. Mas em um mundo em que as classes sociais são o que realmente importa, vence a ambição ou o coração?
Griffin Eliot York é o 8º Duque de Halford, um homem de 35 anos de idade e notório libertino. Um ano antes seu comportamento mudou completamente sem nenhuma explicação plausível. Tornou-se introspectivo, triste, distante dos amigos e de sua mãe, focado apenas em administrar suas propriedades. Sua mãe, a atual Duquesa, está com 58 anos de idade e acredita que já está na hora de ser avó e de Griffin conseguir uma esposa. Então ela tenta um último ato desesperado: o droga e o sequestra em uma carruagem, levando-o à Splinde Cove.

Segundo a Duquesa, tudo o que Griffin precisa fazer é apontar para qualquer mulher e a própria Duquesa a educará e a transformará na esposa perfeita para um Duque. É claro que quando ela fez essa afirmação esperava que o filho escolhesse uma das jovens hospedadas no local e não Pauline Simms, a atendente da taverna local.

Pauline tem 23 anos e uma vida muito difícil. Seu pai sempre deixou claro que preferia ter tido um filho homem, e seus modos são rudes e violentos. Tudo o que importa para ele é o dinheiro que Pauline traz para casa. Para Pauline, tudo o que importa é sua irmã mais nova, a Daniela, que tem um atraso mental e é vista como coitadinha por todos no local, algo que irrita profundamente a protagonista, que a defende com unhas e dentes. Mesmo vivendo em uma situação dessas, Pauline tem seus sonhos, aspirações e batalha para alcançá-los. Então quando Griff propõe a ela que passe uma semana em Londres com a duquesa, falhando miseravelmente nos ensinamentos em troca de mil libras, Pauline aceita, pois sabe que é uma oportunidade única.
"E quanto à segurança da garota? E quanto à reputação dela?... Mas não o Sr. Simms. O que fez Griff perceber que ele era um pai terrível e um homem pior ainda. O fazendeiro não estava nem um pouco preocupado com a saúde ou a reputação da filha. Não, ele só queria uma compensação por seu trabalho quando a égua parisse." (p. 31)
Griffin acredita que é a única maneira de fazer com que a mãe pare de perturbá-lo, mas não espera achar Pauline tão fascinante, engraçada e inteligente. E é essa jovem incomum que começa a derrubar a muralha que o Duque criou ao seu redor. Griffin também surpreende Pauline, com sua generosidade e tristeza, fazendo com que a jovem se sinta atraída por ele, apesar de entender que suas diferenças sociais impedem um relacionamento, Pauline irá se intrigar mais e mais por Griffin.

Griffin é um homem que está sofrendo calado. Seu segredo é triste e a cada dia que passa consome mais um pedaço do seu coração. Apesar disso, mesmo negando, ele tenta manter a mãe feliz e se preocupa intensamente com ela. 

"Uma Duquesa qualquer" é um romance delicioso, bem ao estilo de Spindle Cove: uma jovem incomum que não segue as regras sociais, muitos momentos cheios de bom humor e um casal que conquista os leitores. Falando em casal, temos a participação de alguns casais conhecidos pelos fãs da série: Colin e Minerva, e Bram e Susanna. Minerva realmente se destacou nesse livro com seus comentários e atitudes arrancaram gargalhadas durante a leitura.
"Mesmo em meio a todos esses volumes velhos e mofados da biblioteca... eu acho que você é o livro mais difícil de ler desta sala. Assim que acho que consegui entendê-lo, você me deixa confusa outra vez." (p. 64)





Para comprar o livro pela Amazon, acesse: http://amzn.to/2Byz8BH

Confiram as resenhas dos livros anteriores:
Uma noite para se entregar & Uma semana para se perder - Livros 01 e 02
A dama da meia-noite - Livro 03

A bela e o ferreiro - Livro 3.5

14 Comentários

  1. Olá Carol, tudo bem?
    Ainda não tive a oportunidade de iniciar esta série, mas este gênero de romance sempre me chamou a atenção, ainda mais por nunca por ter lido uma série. Creio que apesar de já estar no quarto livro, vemos como a historia ainda é fantástica e isso é o que mais me chama a atenção, apesar de grande, com certeza irei pesquisar e me informar sobre os livros anteriores. Adorei conhecer o livro, e fiquei mega interessada! Esta capa é tão delicada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michelli, tudo bem sim e com você?
      Espero que leia a série, eu a amo. Tem personagens tão fofos rs.
      As capas são lindas mesmo e a editora se supera em cada uma delas.
      Bjkas

      Excluir
  2. Olá! Gosto muito da escrita da Tessa Dare, esse, por enquanto, é o meu favorito desta série, Pauline é uma personagem linda, com muita força de vontade, e realmente o livro tem muitas cenas divertidas, vale muito a pena ler, você escreveu que a atual duquesa está com 28 anos, mas o certo é 58, parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elizete. Já arrumei na resenha, obrigada!
      Bjkas

      Excluir
  3. Oi Carol.
    Tenho os primeiros dois livros da série, mas ainda não os li. Mas, os lerei ainda esse ano.
    Ainda não li nada da autora e espero me encantar com a sua escrita e seus personagens.
    Adoro mocinhas que fogem do convencional e de casais que tem uma boa química, proporcionando momentos românticos fofos e outros descontraídos.
    espero gostar bastante da série.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pamela, tudo bem? Como você gosta de mocinhas que fogem do convencional, acredito que irá gostar da série ;)
      Bjkas

      Excluir
  4. Carolina!
    É verdade! A autora é uma das melhores no gênero romance de época, por ser mais objetiva e trazer personagens mais delineados e de personalidade forte.
    Não li esse livro ainda dela, na verdade acredito que é uma série, né?
    E gosto demais quando os problemas e dramas do passado afloram e tudo vai sendo desvendado.
    Gostei.
    Um maravilhoso final de semana!
    “Acredite que você pode, assim você já está no meio do caminho.” (Theodore Roosevelt)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA FEVEREIRO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy, tudo bem?
      É uma série sim e esse é o quarto livro.
      Bjkas

      Excluir
  5. Oi, Carol!
    Estou doida para ler esse livro!!
    Foi com a série Spindle Cove que me apaixonei por romances de época e não posso perder mais esse volume! Rs...
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila, tudo bem?
      Você precisa ler esse livro rs
      Bjkas

      Excluir
  6. Oi Carol
    Não li nada da Tessa - ainda - mas curti todas as resenhas que li de seus livros, e com esse não foi diferente. A história do casal principal parece clichê, do tipo que já imaginamos como irá terminar, mas isso só me anima mais a ler, e parece aqueles casais que são como cão e gato, rs, tenho certeza de irei dar boas risadas. A série já estava na lista de desejados, só espero uma oportunidade para ler!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vitória, tudo bem?
      A série como um todo tem muito humor, pois os personagens são carismáticos e uma hora ou outra, aprontam algo.
      Bjkas

      Excluir
  7. Olá!
    Não tinha visto esse livro, eu já tinha lido outras resenhas. A trama é bem envolvente, uma premissa muito boa e ainda mais um romance de época super fofo.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lily, tudo bem?
      Esse livro é muito bom mesmo.
      Bjkas

      Excluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.