Resenha O Chefão - Vi Keeland


Sinopse - Um romance sexy de um dos grandes nomes da literatura erótica mundial. Na primeira vez que vi Chase Parker não causei exatamente uma boa impressão. Eu estava escondida no banheiro de um restaurante, mandando mensagem de áudio para minha melhor amiga me salvar de um encontro horrível. Ele ouviu, disse que eu era uma canalha e começou a me oferecer conselhos não solicitados de namoro. Eu disse a ele que cuidasse de sua própria vida e voltei para meu encontro miserável. Ao passar pela minha mesa ele sorriu e eu assisti seu traseiro sexy e arrogante voltar para seu jantar. Não pude evitar trocar olhares com o idiota condescendente do outro lado do restaurante. Quando o deslumbrante desconhecido e sua acompanhante apareceram de repente em nossa mesa, pensei que ele iria me denunciar. Mas, ao invés disso, ele fingiu que nos conhecíamos e se juntou a nós – contando histórias elaboradas e embaraçosas sobre nossa suposta infância. E, sem que eu me desse conta, meu encontro tedioso se tornou extremamente excitante. Depois que nos separamos, não consegui parar de pensar naquele estranho que jamais veria novamente. Afinal, quais eram as chances de encontrá-lo de novo em uma cidade com oito milhões de pessoas?
Reese é uma mulher de 28 anos de idade que está tendo o pior encontro de sua vida! Martin Ward só fala de sua mãe e esse encontro fez com que a protagonista tomasse medidas desesperadas: ela ligou para sua amiga Jules e pediu que essa inventasse uma desculpa para poder sair do restaurante. Só que enquanto Reese falava ao telefone, um estranho ouviu a conversa e a chamou de esnobe.
Enquanto aguarda a ligação de Jules, a mesa de Reese é invadida por um casal deslumbrante e ela percebe que é o homem que a chamou de esnobe. Esse homem é Chase Parker, e ele foi capaz de transformar um desastre completo na melhor noite que Reese teve em muito tempo graças a sua imaginação fértil e histórias mirabolantes.
Apesar da noite inesquecível, Reese tem outras preocupações na cabeça, como encontrar um novo emprego no setor de Marketing. Apesar de Nova York ter inúmeras empresas, as opções são escassas, até que surge uma entrevista nas indústrias Park.
O único probleminha é que o dono da empresa é o inesquecível Chase Parker. Chase deixa claro que sente-se atraído por Reese, mas Reese sabe que se envolver com o chefe é uma péssima ideia. Afinal, se o relacionamento não der certo, ela volta a estar desempregada e sem perspectiva de carreira.
Apesar de ser um grande clichê um romance entre chefe e funcionária, o livro de Vi Keeland é uma ótima pedida para os fãs da literatura erótica. Diferentemente dos livros do gênero, Chase não é um canalha sem coração ou que fica fazendo joguinhos mentais com a mocinha para deixá-la confusa. Ele é direto e honesto em relação ao que sente e ao que deseja. 
É um romance onde os personagens são emocionalmente adultos. Sim, eles tem suas dúvidas e hesitações como qualquer outra pessoa, mas também são maduros o suficiente para serem sinceros sobre o que querem da vida.
O enredo tem ótimas cenas e é muito bem desenvolvido. Além disso, tem personagens secundários que se destacam, como a Samantha. Sam é a recrutadora das indústrias Park e também uma amiga de longa data de Chase. Ela o conhece muito bem, sabe sobre o seu passado e não se deixa intimidar ou recua quando precisa dizer algo. É uma ótima amiga, uma pessoa sincera e está sempre disposta a ajudar.
Chase é um cara incrível, e o seu passado traumático adiciona uma camada extra de complexidade em sua personalidade. É inteligente, criativo, engraçado, bonito e o sonho de qualquer garota, com um sorriso que deixa qualquer um sem fala. Reese é inteligente, bonita, divertida e muitas vezes, tenta pensar ao invés de seguir o que sente. É claro que por a narrativa ser em primeira pessoa, o leitor pode se deliciar com seus pensamentos cheios de luxúria em relação ao seu chefe.
Para aqueles leitores que estão em busca de um romance com personagens carismáticos, altas cenas sensuais e diálogos bem-humorados, "O Chefão" é uma ótima indicação.
"- Outra coisa, Josh não está dando em cima de você. Ele tem uma contração muscular nos olhos. Durante a primeira semana dele aqui, pensei que ele estava dando em cima de mim." (p. 47)
Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um ótimo trabalho. A capa é sexy, chama a atenção e combina bem com o personagem. Existem alguns errinhos de digitação, mas nada que interfira na compreensão do texto.



Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/2Hq0VbA

10 comentários

  1. Oi, Carolina.

    Bom, ele é um livro que eu gostei, mas não tanto, e foi o primeiro livro da Vi que eu li... Achei ele meio chatinho, sabe?

    O enredo foi um pouco bem construído em relação em como eles se conheceram em circunstâncias não inimagináveis, e depois com a convivência deles no trabalho...

    Mas, não conseguiu me prender tanto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daiane, entendi. É um livro que nem agradou, nem desagradou, ficou no meio termo mesmo rs.
      Bjkas

      Excluir
  2. Olá! Também gostei da capa do livro, a história é bem gostosa de ler, consegui terminar em um dia, e tem bastantes cenas divertidas e leves, mesmo com todo o problema que afeta o Chase, e apesar de todos os clichês adorei a leitura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elizete, tudo bem?
      É o tipo de leitura rápida, não é?
      Bjkas

      Excluir
  3. Oi Carol.
    A premissa do livro é algo bem comum, mas pelo menos nessa história as intenções de Chase são bem claras e ele não fica fazendo joguinhos com Reese e por si só isso já é um bom diferencial.
    Não gosto muito de eróticos, mas esse livro parece ser ótimo para os fãs do gênero.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pamela, sim, a premissa é comum, mas como você disse, não há joguinhos da parte do Chase.
      Bjkas

      Excluir
  4. Oi Carol,
    Confesso que quando vi a capa imaginei que seria bem no estilo CEO, não achei que ficou tão explícito isso, mas o lado sensual parece ser grande.
    Achei bem hilário a situação do restaurante, a forme como eles se conheceram... Outro ponto legal é que vi que a protagonista tem um destaque bem grande na força que ela tem e é bem decidida.
    Claro que tô doida para ler!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vitória, tudo bem?
      Espero que realize a leitura e venha nos contar sua opinião.
      Bjkas

      Excluir
  5. Oi, Carol.
    Esse parece ser o tipo de livro que eu gosto!
    Vou anotar a dica!!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila, tudo bem com você?
      Espero que leia esse livro e venha nos contar o que achou ;)
      Bjkas

      Excluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.