Sinopse - Você acredita nele... então porque está com tanto medo? Há vinte anos, Dennis Danson foi preso pelo assassinato brutal de uma jovem no condado de Red River, na Flórida. Agora ele é o assunto de um documentário sobre crimes reais que está lançando um frenesi online para descobrir a verdade e libertar um homem que foi condenado erroneamente. A mil milhas de distância na Inglaterra, Samantha está obcecado com o caso de Dennis. Ela troca cartas com ele e é rapidamente conquistada por seu aparente charme e bondade para ela. Logo ela deixou sua velha vida para se casar com ele e fazer campanha para sua libertação. Mas quando a campanha é bem sucedida e Dennis é libertado, Sam começa a descobrir novos detalhes que sugerem que ele pode não ser tão inocente...
"Rio Vermelho" é um thriller narrado em terceira pessoa, que gira em torno da premissa de um homem que passou 20 anos preso por conta de um assassinato brutal e uma mulher que se torna obcecada por ele.
Dennis Danson tinha apenas 18 anos de idade quando foi condenado pelo assassinato de Holly Michaels, na cidadezinha de Red River, na Flórida. A brutalidade do crime e o fato de que a vítima e o acusado eram tão jovens, tornou o caso um furor na mídia. O assombro foi tanto que realizaram um documentário que ficou famoso: "Construindo a verdade: o assassinato de Holly Michaels". Nesse documentário, os telespectadores descobriram que todas as provas contra Dennis eram circunstanciais e que o oficial responsável pelo caso, o oficial Eric Harries, tinha uma rinha pessoal contra o acusado. Acontece que Red River é uma cidadezinha pequena e a família de Dennis era considerada "lixo branco". Eram pobres, o pai de Dennis era um alcoólatra abusivo e a mãe, uma mulher deprimida. Dennis tinha certa popularidade na escola e acabou fazendo amizade com o filho de Eric, o Howard. Conforme Howard se metia em confusões, seu pai acreditava que era a má-influência de Dennis em sua vida e começou a arranjar motivos para perseguir Dennis. Vinte anos se passaram e Dennis está no corredor da morte, aguardando ...
Em Bristol, na Inglaterra, Sam é uma professora de 31 anos de idade que assiste ao documentário e não consegue tirar Dennis da cabeça. Para ela, Dennis é um jovem acusado injustamente e ela começa a frequentar fóruns e a discutir o caso com outras pessoas, que como ela, acreditam na inocência do Dennis. Porém, quanto mais ela mergulha nos fóruns, mais ela acredita que os outros participantes não a entendem. Sam não consegue tirar Dennis da cabeça e vai ficando cada vez mais obcecada e começa a enviar cartas para a prisão de Altoona. Sam não cogita a ideia de que Dennis vai responder as cartas, mas se surpreende quando ele o faz e os dois começam a se comunicar com frequência. Depois de um tempo, a troca de correspondência não é suficiente. Sam acredita que tem um vínculo especial com Dennis e decide sair da Inglaterra para ir até a prisão encontrá-lo pessoalmente.
Chegando aos EUA, Sam conhece Carrie Atwood, a diretora do documentário e que com o tempo, tornou-se amiga de Dennis e acredita piamente em sua inocência. Carrie está dirigindo um novo documentário, determinada a provar a corrupção das evidências que foram utilizadas para sentenciar Dennis. Sam fica feliz pelo apoio que Dennis recebe, mas ao mesmo tempo ciumenta da relação dele com outras pessoas. Porém, quando os dois decidem se casar, ela acredita que está caminhando para o seu felizes para sempre.
"-... Você é a visitante. Inglesa, me disseram. Pensei: que tipo de mulher iria querer o meu Dennis depois de tudo isso? Disseram que você parecia normal.... Normal? Bem, não é que eu possa dizer o contrário." (p. 62)
Com inúmeras campanhas e celebridades apoiando a libertação de Dennis, algumas evidências são revisadas e ele é libertado. É a partir daí que a trama realmente engrena, pois vemos Sam tentar lidar com a liberdade do futuro marido e esse relacionamento inusitado. 
Sam é uma personagem nada carismática. É uma pessoa obcecada, que não tem auto-estima e questiona o tempo todo o seu relacionamento. A impressão que passa é que se preocupa mais com o fato de fazer ou não sexo com Dennis do que com todo o resto, como a adaptação dele depois de duas décadas preso; a imprensa que os acompanha a todo lugar e a fama imediata que conseguiram. É como se ela vivesse uma realidade diferente na sua cabeça, onde imagina como as coisas devem ser, mas suas expectativas chegam a ser surreais. 
Dennis é um personagem enigmático. Em público, é carinhoso, simpático e acolhedor, mas quando as câmeras desligam, torna-se taciturno, sombrio e silencioso. Claro que tal fato tem várias justificativas, como a sua adaptação, afinal em vinte anos, o mundo mudou bastante e ele era apenas um garoto quando foi preso. 
“Havia vezes em que ela se esquecia de que ele não era uma pessoa a ser descoberta, uma narrativa a ser desvendada. Dennis era uma pessoa confusa e complicada. Igualzinho a ela.” (p. 178)
Porém, com o passar do tempo, vemos que Dennis tem uma personalidade forte e é cabeça dura, o que começa a levantar suspeitas a respeito do passado para Sam. Mas aí é que mora o ponto interessante da história: será que Sam é a pessoa indicada para acreditarmos, tendo visto toda essa personalidade problemática dela? Como que mais ninguém percebeu nada de estranho em Dennis?
O livro é dividido em partes: Prólogo, Altoona (nome da prisão onde Dennis está); Nova York (que é para onde eles vão por conta da imprensa) e Red River, o local onde tudo começou.
O que chama a atenção na trama é essa cultura onde inúmeras pessoas se prendem em fóruns, se correspondem com condenados, quase como um fã clube. Sam é um exemplo de um indivíduo solitário que para escapar da própria vida, mergulha de cabeça em uma causa sem nem ao menos raciocinar direito ou analisar a situação.
A Faro Editorial realizou um trabalho espetacular nesse livro. O cuidado com a revisão, a diagramação, as páginas que separam as partes e tudo mais enriqueceram e muito o conteúdo.
“- Ele me assusta.- Por que? - Não é possível que uma pessoa passe décadas na prisão e seja normal. Não dá.” (p. 115)
Para comprar o livro pela Amazon, acesse:  https://amzn.to/2IFKNiO

18 Comentários

  1. Oi Carol.
    Gosto muito de thrillers e tinha ficado bem interessada nesse livro.
    Mas, depois de ler a sua resenha, desanimei um pouco. Gosto mais quando a narrativa é em primeira pessoa, pois podemos saber o que o personagem realmente está pensando.
    De qualquer forma, acho que vou ler o livro se eu tiver a oportunidade. Fiquei curiosa para saber se o Dennis realmente é culpado ou nao.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pamela, dê uma chance ao livro e depois venha compartilhar sua opinião ;)
      Bjkas

      Excluir
  2. Oi, Carolina.

    De forma clara e objetiva, a autora abordou um assunto que eu diria que é mais comum do que imaginamos, só não é trazido tão à tona.

    Esse amor surreal e louco dá um toque a mais e nada sutil para a trama, nos trazendo questionamentos sobre o modo da personagem enxergar toda essa realidade, e até que ponto o amor deixa de ser algo saudável, que faz bem, a ponto de não nos cegar.

    É um livro super desejado por mim, e que estou super ansiosa para lê-lo! 😍

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daiane, realmente é um tema que ainda não tinha lido e achei diferente.
      Bjkas

      Excluir
  3. Oi CArol!
    Bem diferente a forma como os capítulos são divididos.
    Gosto de ler livros do gênero, tudo que se relaciona a mente humana me fascina e saber que a autora conseguiu trazer um enredo logo com três mentes doentes, deixa minha curiosidade muito aguçada, mesmo que seja confuso no início.
    Maravilhosa semana!
    “Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente. A maioria das pessoas nunca ouve. “(Ernest Hemingway)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MAIO BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy, eu tenho a impressão de que você irá gostar bastante do livro.
      Bjkas

      Excluir
  4. Olá! Sam parece ser uma personagem bem carente de atenção e um pouco iludida, mas será que ela também não esta escondendo algum segredo, e essa dúvida em descobrir se o Dennis é ou não culpado, todos esses mistérios me deixaram com bastante vontade de ler o livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elizete, essa é uma pergunta válida, mas não posso te responder sem contar parte da história ;)
      Bjkas

      Excluir
  5. Olá!
    Gosto muito de livros desse género, deixa o leitor bem fiscado com a trama. Já tinha visto muito esse livro na livraria e fiquei bem curiosa sobre ele. Já anotei na listinha de compras!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lily, tudo bem?
      Se puder, venha nos contar sua opinião sobre o livro.
      Bjkas

      Excluir
  6. Oi, Carol.
    Eu adorei esse livro. Confesso que gosto de umas histórias bem obscuras assim, com finais que a maioria das pessoas não se conforma!! Rs...
    Para mim foi um livro nota dez!! Rs...
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila, histórias obscuras me fascinam também rs
      Bjkas

      Excluir
  7. O trabalho da editora parece ter ficado realmente incrível, essa capa ta maravilhosa.
    Tenho visto muitas resenhas positivas sobre o livro, e estou super curiosa para ler já que é um dos meus gêneros prediletos.
    Estou super curiosa para saber se Denis é realmente inocente, e como Sam vai se resolver nessa situação toda.

    beijinhos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nicole, foi feito um ótimo trabalho mesmo. A Faro tem um cuidado especial com suas obras ;)
      Espero que realize a leitura em breve.
      Bjkas

      Excluir
  8. Suspense é um dos meus gêneros favoritos, então, desde o lançamento, fiquei querendo muito ler esse livro! Porém, após ler sua resenha, tive uma impressão um pouco diferente! Não gostei muito da Sam, por, aparentemente, ser uma personagem fútil! Mas, apesar disso, ainda fiquei curiosa para saber mais sobre ela e o Dennis, pois, pelo que deu para perceber, tudo nesse livro é diferente do que parece ser!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maisanara, tudo bem? Então, a Sam é uma personagem difícil de se decifrar rs.
      Bjkas

      Excluir
  9. Não sou fã dos thrillers mas esse é aquele livro que me deixou muito curiosa pra ler. Que loucura essa história, o autor mandou bem demais e fugiu de qualquer tema que eu já li. Sam me pareceu ter uma obsessão no Dennis, acho que vai além de querer provar que ele não é culpado. E sobre o Sam eu quero muito saber se ele é realmente inocente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luana, tenho a impressão de que você vai gostar do livro ;)
      Bjkas

      Excluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.