Sinopse - Dez anos atrás, dois meninos de 6 anos foram sequestrados enquanto brincavam na casa de um deles, uma mansão em um bairro elegante de Nova Jersey. Mas, após o pedido de resgate, as famílias nunca mais tiveram notícias dos sequestradores nem de seus filhos. Agora, Myron Bolitar e seu amigo Win acreditam ter localizado um deles, o adolescente Patrick, e farão de tudo para resgatá-lo e obter as respostas pelas quais todos anseiam: O que aconteceu no dia em que foram raptados? Onde ele esteve durante todo esse tempo? E, o mais importante, onde está Rhys, seu amigo ainda desaparecido? Após cinco anos sem escrever nenhum livro da série Myron Bolitar, Harlan Coben brinda os leitores com Volta Para Casa, um suspense explosivo, como só o seu talento pode criar. Um thriller profundamente comovente sobre amizade, família e o verdadeiro significado de lar.
"Volta para casa" traz para os leitores o retorno de personagens icônicos do autor Harlan Coben. Em um caso um pouco mais pessoal do que os anteriores, Myron, Win, Esperanza, Big Cindy, Zorra e Mickey vão embarcar em uma investigação que trará o pior do ser humano à tona.
A história é narrada em primeira e em terceira pessoa, sendo que dessa vez, é Win quem traz o tom mais pessoal no enredo.
Tudo começa dez anos antes, quando Brooke, a prima de Win, deixa seu filho Rhys e Patrick, um amiguinho dele, ambos com seis anos de idade com a babá em casa. Algumas horas depois, a babá é encontrada amarrada e as crianças estão desaparecidas. Não há pedidos de resgate. Não há comunicação entre a família e os possíveis sequestradores.
Win não é o tipo de pessoa que demonstra afeto ou sentimentos, mas quando algo acontece com alguém que ele admira ou se importa, Win move montanhas. Brooke é uma dessas pessoas. De certa forma, ela é bem parecida com o primo, evita demonstrações de sentimentos, é determinada, tenaz e forte. Então, quando Win recebe um e-mail anônimo falando da possível localização dos garotos na Inglaterra, ele resolve investigar sem falar para ninguém.
Chegando em Londres, mais precisamente na King's Cross, Win descobre que o local indicado é um antro de prostituição e logo avista um garoto que poderia ser Patrick. Com um grupo de homens cercando o jovem, Win precisa intervir e em seguida liga para Myron, pedindo por ajuda.
Myron está levando uma vida tranquila com sua noiva Terese e mesmo sem ter tido notícias há quase um ano do melhor amigo, sabe que o Win não é de pedir ajuda e por isso, nem hesita em voar até Londres.
A dupla vai se envolver com pessoas nada amigáveis do mundo da prostituição e após 10 anos, eles irão conseguir as respostas que Brooke tanto precisa saber. Ao trazerem o suposto Patrick para os EUA, mais perguntas serão levantadas. O que aconteceu com ele nesses últimos 10 anos? Onde ele estava? E principalmente: onde está Rhys?
"Uma imagem foi surgindo na tela: uma cela com paredes de cimento e, no centro dela, Patrick. Hematomas nos olhos. Lábios inchados e sujos de sangue." (p. 53)
Eu não me canso de tecer elogios aos livros de Harlan Coben, pois suas obras são simplesmente fantásticas. A série do Myron Bolitar tem um lugar especial no meu coração.Os personagens são tudo menos comuns. É só ler as descrições sobre Zorra ou Big Cindy que vocês irão me entender. Os protagonistas são sarcásticos inclusive nos piores momentos possíveis. A dinâmica de Win e Myron é de um companheirismo ímpar, uma amizade que não é forjada em grandes atos ou em conversas melodramáticas. Aí incluímos nessa amizade a Esperanza, uma mulher forte e que também não se encaixa nos padrões "normais" da sociedade e temos um grupo maravilhoso reunido.
Os capítulos são curtos, a linguagem é simples e direta. O autor não faz descrições longas que se arrastam por páginas e páginas. Quando necessário, temos dois ou três parágrafos descrevendo algo ou alguém. E o melhor de tudo são os casos investigados. São histórias que no final sempre trazem uma reviravolta e surpreende o leitor.
Além do caso em si, vamos sendo atualizados sobre a vida pessoal desses personagens tão queridos. O que eu achei interessante é que o autor também trouxe Mickey, o sobrinho de Myron (que teve alguns livros próprios), assim como os pais de Myron. Esse ambiente familiar faz com que a conexão emocional que sentimos com Myron torne-se ainda maior. Ele fala das suas preocupações com o envelhecimento dos pais, o orgulho que tem do sobrinho e em alguns momentos é nostálgico, contando sobre sua infância e adolescência.
"Vestindo um pijama de flanela, Patrick abraçava os joelhos enquanto balançava o corpo para a frente e para trás. Com os olhos espremidos, ele tapava os ouvidos com as mãos, os headphones abandonados no chão diante de si." (p. 133)

Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/2LRJv6a 

12 Comentários

  1. Oi, Carolina.

    Esse quebra-cabeça em torno do paradeiro do garoto não encontrado, de fato, mantém o leitor vidrado no livro.

    Afinal, é possível criar muitas teorias, trazendo possibilidades muito mais cruéis do que imaginamos sobre o que pode ter acontecido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daiane, tudo bem? Definitivamente esse é o foco central do enredo.
      Bjkas

      Excluir
  2. Nossa que resenha intrigante viu ? Não gosto muito de thrillers mas essa premissa é maravilhosa demais. Me peguei apontando possíveis tragédias que poderiam ter acontecidos com essas duas crianças mesmo sem ter lido o livro ainda. Com certeza vou dar uma chance aos thrillers em breve e quero começar por esse

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luana, tudo bem? Essa série é realmente muito boa e eu simplesmente amo os personagens dela.
      Bjkas

      Excluir
  3. Ola!
    Já li resenha dos livros desse autor, sempre está me despertando aquela vontade de ler. A trama é bem interessante e mistério envolto que prende o leito até o final. Com certeza já quero ler!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lily, tudo bem? A trama é muito bem escrita e espero que você leia o livro em breve ;)
      Bjkas

      Excluir
  4. Oi, Carol.
    Um dos meus sonhos literários é conseguir ler essa série.
    Já tenho vários livros na estante, mas o que falta mesmo é tempo!!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila, tudo bem?
      Quem sabe você consegue fazer uma maratona em um feriado prolongado?
      Bjkas

      Excluir
  5. Oi Carol.
    Li apenas um livro do autor e não curti.
    Fiquei curiosa para saber mais sobre essa série, porque você falou muito bem dela. Parece que é preciso ler os livros anteriores para saber quem são os personagens e saber um pouco mais sobre o passado deles.
    Adoro narrativas curtas, sem muita enrolação.
    Espero gostar dessa série.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pamela, que pena que não gostou do livro que leu. Eu recomendo ler a série na ordem, pois a vida pessoal dos personagens é discutida constantemente.
      Bjkas

      Excluir
  6. Olá! Também gosto muito da escrita do Harlan Coben, acho que vai ser ótimo matar a saudade dos personagens, a história, sem dúvida, parece ser bem intrigante e cheia de mistérios, além, é claro, das reviravoltas, características dos livros do autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elizete, essa série é ótima, não acha? Adoro o Myron e o Win e suas personalidades sarcásticas rs
      Bjkas

      Excluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.