Resenha Estrelas da Sorte - Os Guardiões # 1 - Nora Roberts


Sinopse - Sasha Riggs é uma artista assombrada por sonhos que transforma em pinturas maravilhosas, cenas que preveem o futuro. Ela nunca conseguiu assumir seu dom, mas desta vez não consegue ignorar as visões que a atormentam e viaja para a ilha grega de Corfu. É lá que encontra as pessoas com quem sonha: um mágico, um arqueólogo, um viajante, um lutador, um solitário. Elas também foram atraídas por uma força inexplicável. Dotadas de habilidades extraordinárias, cada uma terá um papel fundamental na aventura que as espera: encontrar as míticas Estrelas da Sorte, que caíram do céu, pondo em risco o destino de todos os mundos. Sasha é quem os mantém unidos e vê no mágico, Bran Killian, um homem de imensa compaixão. Ela tem dificuldade para lidar com sua vidência, mas Bran está lá para apoiá-la. Porém, os dois não devem desviar sua atenção da missão, pois uma ameaça sombria procura corromper tudo que está no caminho para alcançar as estrelas.
"Os Guardiões" é a trilogia da autora Nora Roberts que está sendo publicada pela Editora Arqueiro e tem como tema principal a batalha do bem contra o mal.
No prólogo, narrado em terceira pessoa, observamos três deusas: Celena, Luna e Arianrhod abençoando a nova rainha, a rainha Argle, a brilhante com presentes: três estrelas que representam cada uma delas características de suas respectivas deusas. Porém, uma quarta deusa, a Nerezza, considerada um ser da escuridão, se interpõe e tenta roubas as estrelas para si, com o objetivo de dominar o mundo. Então, para salvar todos, as deusas lançam as estrelas no tempo e no espaço, esperando que os futuros guardiões consigam recuperá-las e levá-las para o seu local de origem. Esse prólogo explica perfeitamente a premissa da trilogia.
"Elas juntaram mãos e mentes, e cada qual seguiu o caminho até onde sua estrela cairia do céu. Cada qual escondeu seu dom, lançou o poder de proteção sobre sua estrela." (p. 12)
O primeiro livro começa com Sasha Riggs, uma artista plástica que mora em uma casinha isolada na Carolina do Norte. Sasha tem o dom da visão, mas tenta reprimi-lo por conta de experiências ruins do passado, por isso preza por seu isolamento. Porém, sua vida está para mudar quando ela começa a ter sonhos e visões sobre batalhas, mortes e um homem em especial. Um homem que ela sente-se atraída e que sabe que precisa estar ao seu lado. 
Percebendo que essas visões não vão sossegar até que ela faça algo, Sasha decide que precisa ir para Corfu. Chegando a esse local maravilhoso, Sasha reconhece uma das mulheres de seus desenhos: Riley Gwin. Riley é uma arqueóloga, aventureira e cheia de conhecidos que a ajudam sempre que possível. Ela é basicamente uma Indiana Jones feminina, com habilidades incríveis, coragem e determinação ímpar, além de saber lutar e se defender como ninguém. 
"Riley, perspicaz, firme e inteligente. Uma viajante,..., e uma mulher que sabia cuidar de si mesma. Estudiosa, mas longe de ser conservadora." (p. 77)
Em "Estrelas da Sorte" o leitor vai sendo apresentado pouco a pouco aos outros personagens que farão parte do grupo: Sawyer King, um caroneiro de 29 anos de idade; Annika Waters, uma jovem misteriosa, mas cheia de luz e bondade; Doyle McCleary, um guerreiro com um passado improvável e Bran Killian, um irlandês que é um famoso mágico de palco. Cada um desses personagens possui um dom excepcional que irá auxiliá-los na busca das estrelas.
"Bran? Inteligente, encantador quando queria ser e muito misterioso. Protetor." (p. 77)
Conforme a sinopse explica, o foco romântico do primeiro livro está em Sasha e Bran. Os dois sentem-se atraídos um pelos outros, mas sabem que quanto mais se aproximam da localização da primeira estrela, mais perigo correm.
Sasha é a personagem com maior crescimento pessoal. Ela é tímida e insegura, principalmente em relação ao seu dom. Conforme a situação avança, Sasha percebe que precisa se enxergar de outra forma e começa a correr atrás do prejuízo, aprendendo de tudo um pouco para se defender e defender os novos amigos.
" - As pessoas a subestimam porque você se subestima - disse para o próprio reflexo. - isso acabou." (p.114)
Além da perspectiva desse grupo, temos também a perspectiva de Nerezza e sua insanidade. O desejo de poder é tão grande da parte dela, que chega a ser assustador.
O livro tem uma boa premissa e personagens interessantes, além de um romance bem construído, mas preciso fazer algumas ressalvas: os protagonistas são excepcionais, mas cada um traz algo diferente o que torna tudo uma grande mistura um pouco confusa. Além disso, a estrutura básica da trilogia é muito semelhante com a trilogia anterior (A Sina dos Sete).
Um dos destaques do livro são as paisagens paradisíacas da Grécia. Desde a descrição da villa onde o grupo fica hospedado, até o lindo azul do mar e o clima quente fazem com que o leitor se sinta de férias.
"E Sasha. Talentosa e em conflito. Sem saber direito onde estava pisando, mas ainda assim seguindo seu caminho." (p. 77)

Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/2K5Ha5u

6 comentários

  1. Carol!
    Que delícia ver que nessa série a Nora mistura um componente de fantasia e cria o romance que por sinal, parece genial, como todos que ela escreve.
    Pena ela ter feito uma trilogia parecida com outra dela.
    Sou fã de carteirinha, não nego e que poder ler.
    Estou com ele aqui e espero ler agora em agosto.
    Que a semana seja abençoada!
    “O prazer dos grandes homens consiste em poder tornar os outros felizes..” (Blaise Pascal)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  2. A Nora arrasa demais, essa mistura de gêneros combina demais e pelo visto ela soube explorar isso muito bem criando uma história muito boa! Não conhecia a trilogia e já vou colocar na minha lista.

    ResponderExcluir
  3. Oi Carol,
    Nora Roberts é incrível não é? Não tem como não se prender em seus personagens...
    Não tem como não ficar curiosa em relação ao que vai acontecer para pegar esse vilão, e esse dom da Sasha, que incrível... Claro que irei ler, sei que a autora é bem meticulosa nos detalhes de sua narrativa e sempre me deixam querendo mais!
    Ah, espero que as próximas capas mantenham o estilo dessa, tem cara de "Nora Roberts" rsrs e eu amei.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Já li resenha desse livro e tem uma ótima premissa. A autora e ótima e quero muito ler os livros dela. Esse tem uma personagem incrível e apaixonante. Já está na listinha!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  5. Eu amo a escrita da Nora, mas nunca consigo acompanhar o tanto de livro que ela lança haha Uma pena que este ficou parecido com o outro!
    Gosto quando tem fantasia e um pouco de romance, já estou super curiosa para ler!

    beijinhos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  6. Olá! Gosto muito da escrita da Nora Roberts, ainda não conhecia essa série, mas adoro essa mistura de romance, magia e mistério que o enredo promete.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.