Resenha Infelizes para Sempre - A Escola do Bem e do Mal # 3 - Soman Chainani

Sinopse - Sophie e Agatha estão lutando contra o passado para conseguir mudar o futuro, em busca de um final perfeito para seu conto de fadas. Elas acreditavam que sua história havia chegado ao FIM no minuto em que se separaram, quando Agatha foi levada de volta para Gavaldon com Tedros, e Sophie ficou para trás com o lindo e renascido Diretor da Escola. Mas nada no mundo dos contos de fadas é tão simples. Agora inimigas, elas tentam se acostumar com suas novas vidas, mas a história das duas pede para ser reescrita... E isso pode afetar quem elas menos imaginam. Com as garotas separadas, o Mal assume o poder e os vilões do passado ressurgem das trevas em busca de vingança, sedentos por uma segunda chance de transformar o mundo do Bem e do Mal em um reino de escuridão, com Sophie como rainha. Agora, apenas Agatha e Tedros podem apelar ao poder da amizade e do amor do Bem para impedir a dominação do Mal e evitar que todos sejam infelizes para sempre. Mas... qual é a linha tênue que separa o Bem e o Mal?
CONTÊM SPOILERS DOS LIVROS ANTERIORES 
Depois de todas as aventuras que Agatha e Sophie passaram, saindo de um pequeno vilarejo para uma escola de contos de fadas, com direito a batalhas, disputas pelo amor e auto-descobrimento, chegamos a um ponto em que essas melhores amigas estão oficialmente em lados opostos. Sophie aceitou ser a companheira do antigo diretor da escola, que agora tem a aparência de um belo adolescente. Se Sophie realmente se comprometer com o Diretor eles terão o seu "Infelizes para Sempre". Quem acompanha a série sabe que o sonho de Sophie é ser uma princesa e o diretor, que agora se chama Rafal, promete torná-la Rainha. Agora, não existe mais Escola do Bem e do Mal, apenas o Mal, que se divide em Velho e Novo. Os novos vilões, que são os estudantes das antigas escolas e os velhos e conhecidos dos fãs dos contos de fadas, mas que nas suas histórias se deram mal. Quanto mais poder o Diretor consegue, ele vai conseguindo reescrever as histórias antigas, derrotando assim os heróis e dando uma segunda chance aos vilões.
Três semanas se passaram e Agatha e Tedros estão morando em Gavaldon, escondidos na casa da mãe da protagonista. Escondidos porque os aldeões finalmente se cansaram das invasões e estão realizando uma verdadeira caça as bruxas! Como se não bastasse isso, o relacionamento entre Agatha e Tedros está bem estremecido: Tedros quer retornar e lutar, como o príncipe que foi treinado enquanto que Agatha quer uma vida chata e "normal".
Porém, ela e Tedros descobrem que precisam retornar e lidar com algo muito sério: ou conseguem trazer Sophie para o lado deles ou precisam derrotar a garota de uma vez.
“Quando você luta pelo amor, às vezes você acha que está contra o mundo. Você fica amedrontado. Você vê o que não existe. ”
Os alunos da escola do Mal estão sofrendo. Com Lady Lasso e Alaric como reitores, que obedecem diretamente ao Diretor, falhar nos testes tornou-se mortal. Não há margem para erro dessa vez.
Dividido em três partes, "Infelizes para Sempre" traz muita história e inúmeros personagens. Temos a escola, com alunos já conhecidos como Hester, Dot, Anadil e Hort, que mudaram bastante desde o primeiro livro, assim como temos outros núcleos que vão agregando personagens já conhecidos da nossa literatura, como A Liga dos Treze, onde veremos nossos heróis em uma versão mais geriátrica. Temos também finalmente uma explicação para os acontecimentos da família de Tedros e toda a confusão que aconteceu no reino do Rei Arthur.
Confesso que não sou muito fã da Sophie, mas nesse livro ela conseguiu ser ainda mais sem noção. É compreensível que ela é jovem, ainda uma adolescente tentando se descobrir, mas sinceramente, como essa garota consegue ser chata e se achar a última bolacha do pacote?!
Em "Infelizes para sempre" o autor trabalha inúmeros assuntos como perdão, aceitação, e o desejo de encontrar seu lugar no mundo. 
"A pessoa mais perigosa num conto de fadas é aquela disposta a fazer qualquer coisa por amor."

Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/2Jg0WL8


Confiram as resenhas dos livros anteriores
* A escola do bem e do mal - Livro 01
* Um mundo sem príncipes - Livro 02

10 comentários

  1. Olá Carolina,

    Acho que essa é a primeira resenha que leio desse livro, acho que eu leria sim, apesar das suas ressalvas....bjs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oiii Carolina

    Tenho visto muitas resenhas sobre a trilogia e a verdade é que me surpreende cada vez mais o que escuto sobre. Achei que fossem livros bem infantis mas pelo visto não é bem assim. Achei bem legal a ambientação da história e também o eprfil dos personagens, acho que leria a primeira parte com certeza, pelo menos pra conhecer. As capas são lindas demais!


    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  3. Bom, to curiosa para saber o que vai acontecer com essas personagens e como vai ser o final dessa história. Pulei algumas partes pra não pegar tantos spoilers e que chato saber que a Sophie não mudou mesmo depois de tudo que aconteceu. Agora com as duas sendo inimigas declaradas essa história deve ter muitas emoções pela frente.

    ResponderExcluir
  4. Tenho visto várias resenhas, mas juro que ainda não consegui me decidir sobre a leitura.
    Mas saber que agora as duas estão uma contra a outra parece me dar mais incentivo para ver o que irá acontecer.

    beijinhos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  5. Oi, Carol.
    Com a vinda do autor para a Bienal do Livro de São Paulo nesse ano, acabei ficando curiosa para saber mais sobre essa história!!
    Dei uma lida na sua resenha por alto para não pegar nenhum spoiler, mas adorei o que vi! Acho que vou dar uma chance!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  6. Olá Carolina!
    DE tanto ler resenhas lindas e bem positivas sobre o enredo qro mto conhecer essa história, adorei as capas tbm que me chamaram atenção.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Carol!
    Não li ainda nenhum dos livros da série, mas achei fantática a ideia da mudança de personalidade e como é mostrado o quanto somos formados por nossas experiÊncias e como elas vão definir quem somos de verdade.
    Desejo uma semana plena de luz e paz!
    “O homem está sempre disposto a negar tudo aquilo que não compreende.” (Blaise Pascal)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JULHO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  8. Oi Carol,
    Sendo sincera, eu só curti o primeiro livro da série, e achei que poderia ter fechado a história ali.
    Mesmo ela sendo adolescente, depois de tudo o que passou, era para ter evoluído pelo menos um pouco, não acha?
    Realmente não curti o desenvolvimento que teve, esperava mais de uma premissa tão boa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Cada vez mais a história está me deixando curiosa.. a continuação está te tô várias reviravoltas e com premissas ótimas. Gostei bastante da série e pretendo ler.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  10. Olá! Sophie parece ser uma personagem bem difícil, e as protagonistas tem que passar por tantas aventuras e decisões, e sendo tão jovens, imagino como deve ser complicado para elas.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.