Sinopse - Romeu e Julieta em versão pré-histórica... Foi assim que, em 2013, a imprensa saudou a grande descoberta da pesquisadora Silvana Condemi: a identificação do primeiro osso pertencente a um mestiço de pai sapiens e mãe neandertal. A genética tinha anunciado, e a paleoantropologia confirmou: Homo neanderthalensis e Homo sapiens misturaram suas culturas, mas também seus genes, no mesmo território europeu – e isso por mais de 5.000 anos. Mas, então, quem é o homem de Neandertal? Um macaco ou um ruivo de pele clara? Um carniceiro ou um caçador genial que dominava a linguagem e reverenciava seus mortos? É possível que ele ainda esteja entre nós? Transformada radicalmente pela irrupção de métodos inéditos, nossa pré-história se reescreve muito rápido, trazendo enormes surpresas. Nesta investigação apaixonante, os autores traçam o retrato mais atual de nosso estranho ancestral, passando em revista as diversas hipóteses sobre seu suposto desaparecimento. Com isso, reabrem a questão de nosso “êxito” evolutivo, tendo em vista a terrível marca que deixamos sobre tudo aquilo que nos rodeia.
Antigamente, acreditava-se que o Homo neanderthalensis não tinha nenhuma ligação com o Homo sapiens, quando na verdade eles foram precursores da linha evolutiva da nossa espécie. "Neandertal, nosso irmão" é um livro de paleoantropologia, que discute de forma didática a evolução.


O livro é composto por Introdução, 10 capítulos, dois anexos e notas. Seguindo uma lógica clara, os autores discutem sobre a origem europeia dos neandertais, suas características físicas e sua capacidade de adaptar-se ao frio, seus hábitos alimentares, sua cultura e o seu fim. 
Todos esses assuntos são discutidos de forma clara e concisa, com embasamento em inúmeros estudos (para aqueles que quiserem se aprofundar ainda mais é só conferir as referências bibliográficas nas notas) e consegue prender a atenção do leitor do início ao fim.
Vale a pena ressaltar o magnífico trabalho que a editora realizou na edição, com imagens, desenhos, tabelas e explicações.
“Neandertal é nosso irmão, descendente de uma mesma “espécie mãe”, e não nosso ancestral primitivo.”

Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/2JgRLKv 

4 Comentários

  1. Que livro bacana, bem legal pra quem tem curiosidade sobre esse assunto. A editora realmente fez um lindo trabalho com as imagens, torna tudo mais fácil de compreender.
    Gostei bastante!!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá Carolina,

    Esse é mais um livro que fico conhecendo aqui, achei bem interessante e fiquei curioso....bjs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Carolina!
    Confesso que qdo li o titulo pensei que não iria me chamar atenção, mas, adorei, o livro parece bem interessante, vou add na listinha, seria uma experiência bacana essa leitura.
    Bjs!


    https://aguardiadasresenhas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Carol!
    Quando estava na pré-adolescência queria ser paleontologista, fiquei deslumbrada com esse mundo de descobertas de nossos ancentrais e lia tudo relacionado a isso.
    Gostaria demais de poder fazer a leitura desse livro e ler sobre as descobertas feitas.
    Bom final de semana!
    “A consciência é o melhor livro de moral e o que menos se consulta.” (Blaise Pascal)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JULHO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.