Resenha A Namorada Ideal - Michelle Frances


Sinopse - Uma garota. Um garoto. A mãe dele. E a mentira que ela desejará nunca ter contado. O quão longe você iria para proteger seu filho? Laura tem uma vida perfeita: carreira de sucesso e um casamento feliz e duradouro com um marido rico. Além disso, Daniel, seu filho de vinte e três anos, é um jovem gentil e muito bonito. Um dia, Daniel conhece Cherry, uma garota inteligente que, infelizmente, não teve a vida que gostaria ter tido. Ela quer a vida de Laura. Quando uma tragédia acontece, uma decisão é tomada em um ato de desespero e uma mentira terrível é contada, tão terrível que mudará a vida de todos para sempre.
"A namorada ideal" tornou-se uma das minhas leituras favoritas de 2018 ao trazer um enredo complexo com personagens arrebatadores. A história gira em torno principalmente de duas protagonistas: Cherry e Laura que irão disputar de forma atroz Daniel, que é filho de Laura e namorado de Cherry.
A trama é narrada em terceira pessoa e se passa em um período de meses, onde os dias vão sendo apresentados no início dos capítulos. A história se passa em Londres, onde Laura é a matriarca da pequena família formada por ela, o marido Howard e o filho Daniel. Laura é uma produtora de TV que aparenta ter uma vida completa e feliz, mas que na verdade é solitária e de certa forma, obcecada pelo filho. Howard está sempre ausente e mesmo quando está em casa, não interage com a esposa. O casamento dos dois é uma fachada e não há carinho, ou companheirismo nessa dinâmica. Laura fez de Daniel o seu mundo e desde pequeno ela o protege de tudo chegando até mesmo a se exceder em suas ações. Porém, Daniel agora é um adulto, está iniciando sua residência médica e precisa do espaço próprio e, para isso, vai até uma imobiliária a procura de um apartamento.
Cherry é uma jovem de 24 anos de idade que está disposta a fazer de tudo para esquecer suas origens humildes e laçar um marido rico que dê a ela a vida que acredita que merece. Cherry é muito inteligente e persistente, estudou por conta própria, fez cursos online e todo o necessário para conseguir o emprego na imobiliária de alto padrão, local perfeito para conseguir alcançar seu objetivo. Porém, é também uma jovem paranoica, vingativa e ansiosa. Sua beleza é um grande atrativo e ela sabe encenar muito bem o papel necessário para atrair os homens.
Quando Daniel conhece Cherry, ele fica totalmente encantado por essa garota sorridente e linda, mas mal sabe ele que isso irá alterar de forma irremediável a sua família.
Desde o início, quando o filho decide ficar mais tempo ausente de casa, Laura começa a questionar e ficar ansiosa. Afinal, o que seu filho teria para fazer do que passar o tempo com ela? Ela começa a indagar Daniel, tentar tirar as informações. Vemos que é uma mulher controladora e que não deixará para lá nada que envolva o filho. Laura alega que quer conhecer melhor a namorada do filho, mas percebemos pela narrativa que na verdade ela fica chateada por não ter a atenção de Daniel.
"Ele estava completamente apaixonado por Cherry, Laura pensou. tentando manter o sorriso no lugar, enquanto seu coração afundava em desânimo." (p. 154)
A dinâmica entre a Cherry e a Laura é competitiva desde o princípio. Laura não gosta de compartilhar Daniel e muito menos de não ser mais a sua prioridade enquanto que Cherry quer espaço e tempo a sós com o namorado para firmar seus planos. Então as duas começam a observar de perto o comportamento uma da outra e a questionar tudo o que fazem.
"Cherry lembrou-se de que não estava com tanta fome assim. Só dissera que estava porque preferia comer sozinha com Daniel a ter a mãe dele junto. Teria sido mais educado, mais amigável esperar, mas era só uma noite, pelo amor de Deus. Já tinha aguentado toda a coisa com família e amigos na noite anterior. Laura não podia esperar que eles não quisessem ficar sozinhos em algum momento. Na verdade, ela pensou com um toque de irritação, se Laura parasse de tentar estar por perto o tempo todo, talvez não tivesse ficado sozinha para jantar." (p. 112)
O embate chega a um ponto tão exacerbado que não há mais volta. Algo ruim vai acontecer e só podemos sentar e assistir. O interessante é que não existe uma personagem boa e outra má, as duas são problemáticas. A única vítima nesse intriga toda é o Daniel, que cresce nessa família problemática e se torna alvo de duas mulheres implacáveis.
A leitura é dinâmica e honestamente, arrebatadora. Não é possível largar o livro até chegar ao final, que é chocante!
A Astral Cultural está de parabéns pela escolha da obra, que trouxe uma narrativa instigante, personagens assustadores e um final de tirar o fôlego!
"Amo meu filho. Era tudo que devia ser levado em consideração. Não importava que estivesse prestes a fazer algo hediondo." (p. 09)

Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/2PIqKUJ


*LIVRO RECEBIDO EM PARCERIA COM A EDITORA

7 comentários

  1. Carol!
    Não conhecia o livro e se é uma leitura tão arrebatadora, com personagens que não são apenas boas, mas tem seu lao mal, deve ser muito bom e instigante.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  2. Olá Carolina, tudo bem?

    Esse é mais um livro que fico conhecendo aqui, a história parece bem intrigante, gostei....bjs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Carol.
    Que premissa incrível.
    Tem muitas mães que são obcecadas pelos filhos e muitas mulheres que querem ascender socialmente e são manipuladoras e implacáveis até alcançar o seu objetivo.
    Fiquei com dó de Daniel e já quero descobrir o desfecho dessa história.
    Mais um livro que vai para a lista de desejados.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá! Essa resenha me deixou bem empolgada para realizar a leitura desse livro que parece ser viciante, estou curiosíssima para saber o que irá acontecer, e o que essas mulheres farão para disputar a atenção do Daniel. Realmente estou com muita pena dele, o pobre sofrerá poucas e boas nas mãos dessas duas.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Carol.
    Ainda não conhecia esse livro, mas a sua resenha me deixou super animada!
    Adoro esse tipo de trama e tenho certeza que vou curtir o livro!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Não conhecia esse livro e tem uma premissa ótima. A trama é bem interessante e envolvente, fiquei bem curiosa pela história é como se desenvolveria.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  7. Nossa, fiquei até com dó do Daniel, por um lado uma mãe controladora e possessiva, do outro uma namorada paranoica e vingativa!
    Só estou tentando imaginar o final dessa história... Valeu pela dica, anotada!

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.