No Divã do Acordei II Autor Alexandre Apolca


Bom dia, Leitores do Acordei com Vontade de Ler! Em agosto saiu a resenha do livro "O Rastro da Alma" do nosso autor parceiro Alexandre Apolca e hoje vamos deixar a entrevista que fizemos com o autor aqui no blog.

Oi Alexandre, tudo bem?

1. Alexandre é um prazer contarmos com a sua participação no blog. Conte-nos, o que o motivou a escrever “O rastro da alma”?

Alexandre - É que sempre tive vontade de escrever um suspense e uma história que se passasse no futuro, então juntei os dois. 


2. Apresente-nos a obra.
Alexandre - É um suspense que fala sobre violência, assassinatos e paixão. Conta a história de “Clarice” acordando, sem saber o próprio nome, numa São Paulo futurista.

3. Como foi o processo de criação da obra?
Alexandre - Primeiro eu crio o enredo, depois faço os roteiros dos capítulos, aí começo a escrever. Mas dou liberdade para a história seguir sozinha, reescrevendo assim alguns roteiros.

4. Como foi a escolha do título?
Alexandre - É um título que eu já havia pensado para um livro anterior, e que achei que combinaria com essa história.

5. Quais os principais desafios para escrita desta obra literária?
Alexandre - Para mim o maior desafio sempre é o tempo, pois eu ainda não vivo de escrita e tenho outros empregos.

6. Qual a mensagem que deseja transmitir ao leitor por meio da leitura desta obra literária?
Alexandre - Que as nossas escolhas, por mais simples que sejam, transformam as nossas vidas e mudam o mundo em que vivemos.

7. A quem indica leitura?
Alexandre - Para todos que gostam de suspense e de histórias fortes.

8. Onde podemos comprar seu livro?
Alexandre - Na loja Bok2, Mercado Livre, Estante Virtual, e Amazon. Também podem comprar pela página do livro no Facebook ou diretamente comigo pelo e-mail alexojieuq@bol.com.br

9. Quais são os próximos projetos de Alexandre Apolca? 
Alexandre - Estou me preparando para escrever um romance policial que se passa no interior de São Paulo.

10. Que mensagem você deixa para nossos leitores?

Alexandre - Que continuem lendo bons livros e que leiam também autores nacionais.

Confiram as resenhas de outros livros do autor no blog, assim como sua entrevista de 2012:
Legna
Sobre o autor: ALEXANDRE APOLCA nasceu em 1985, em Porangaba, interior de São Paulo. Após morar em Campinas, radicou-se em Tatuí. Formou-se em Química Industrial pela Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP). Trabalhou por doze anos em indústrias, com passagens por Cosan, Santista e Coca-Cola. Também foi consultor imobiliário, promotor de vendas e supervisor censuário. É autor de três livros, incluindo Rockfeller, que já figurou na lista dos e-books mais baixados da Amazon e já foi traduzido para o espanhol. Também participou de antologias poéticas no Brasil e em Portugal.
Para maiores informações/compra:
* Entrevista realizada com autor parceiro

5 comentários

  1. Olá, Carol
    Muito obrigada por trazer essa entrevista de um autor nacional.
    Ainda não conhecia mas vou pesquisar mais sobre o autor procurar ler seus livros, adorei a entrevista.
    Sucesso Alexandre!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. CArol!
    O autor é bem direto e suscinto ao responder as perguntas, né? Mas deu para entender direitinho tudo que ele quis passar.
    Desejo sucesso para ele.
    Desejo um mês repleto de alegrias e uma semana abençoada.
    “Só são verdadeiramente felizes aqueles que procuram ser úteis aos outros.” (Albert Schweitzer)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA SETEMBRO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Carol.
    Ótima entrevista!!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Adorei a entrevista, e bom conhecer autor novos! Parabéns!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  5. Olá! É sempre muito bacana saber um pouco mais sobre o processo de criação de um livro, ainda por cima de um autor nacional, boa sorte na elaboração desse novo projeto e sucesso ao Alexandre.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.