Resenha Como se livrar de um escândalo - Splinde Cove # 5 & Castles Ever After # 4 - Tessa Dare

Sinopse - Na noite do baile na Mansão Parkhurst, houve um encontro escandaloso na biblioteca. Foi Lady Canby, com o empregado, no divã? Ou a senhorita Fairchild, com um amante, contra a parede? Talvez um criado tenha feito isso… Tudo o que Charlotte Highwood sabe é que não foi ela. Mas os rumores apontam o contrário. A menos que descubra a verdadeira identidade dos amantes, a jovem será forçada a se casar com o marquês Piers Brandon, Lorde Granville – o cavalheiro mais frio, arrogante e lindo que ela já teve a infelicidade de conhecer. Quando começam a investigação dos verdadeiros amantes envolvidos no escândalo, Piers revela esconder muitos segredos. Mas ainda assim ele guarda ferozmente a verdade sobre seu passado sombrio. Parecia ser um mistério simples de resolver, mas logo perigos perturbadores surgem na vida de Piers e Charlotte. A paixão é intensa. O perigo é real. Charlotte arriscará tudo para provar sua inocência nesse caso escandaloso ou irá se entregar a um homem que jurou nunca amar?
Charlotte Highwood é uma jovem que está tentando evitar que sua mãe atue de casamenteira em pleno baile na Mansão Parkhurst. Com sua irmã Minerva casada com Colin , o lorde Payne (história contada em Splinde Cove #2) e sua irmã mais velha, Diana casada com o ferreiro de Splinde Cove, o Aaron (história contada em Splinde Cove #3.5), Charlotte sabe que a mãe é capaz de tudo para que sua última filha solteira mude de status rapidamente.
Piers Brandon é o Lorde de Granville (e tem o início de sua história contada no livro Castles Ever After # 2) e sua presença no baile da Mansão Parkhurst é necessária para a segurança da Coroa. Enquanto procura por provas na biblioteca, Piers é interrompido por Charlotte, que tenta ter uma conversa sensata com o Lorde. Porém, os dois são surpreendidos quando um casal entra no local para um interlúdio romântico. Obrigados a se esconderem, uma confusão é armada e para salvar a reputação da jovem, Piers aceita casar-se com ela.
Charlotte por sua vez, tem outras ideias. Ela sabe que existem casamentos por amor e prova disso são os relacionamentos de suas duas irmãs e ela não quer nada menos do que isso. Um casamento por conveniência é altamente inconveniente e Charlotte irá usar todo o tempo disponível para descobrir a identidade dos verdadeiros amantes e desfazer esse acordo, mesmo que Piers seja um homem que a atraia imensamente.
" - Não posso concordar com um casamento de conveniência, meu lorde. Sua dedicação ao dever talvez seja admirável, mas o ditado que diz "deite-se aí e pense na Inglaterra" não serve para mim." (p. 28)
Piers por sua vez fica intrigado com essa jovem inteligente e bonita, que tem uma vivacidade única e uma leveza de espírito cativante. Com uma vida cheia de segredos, ter como esposa alguém tão bondosa seria uma ótima alternativa, desde que fique claro para Charlotte que não há amor em jogo, apenas um tempo prazeroso e afável.
"Além do mais, Charlotte queria ser amada. Não ansiava apenas por ternura nem afeto, mas por um casa de amor público que convencesse até o fofoqueiro mais cético. Isso era algo que Piers não podia lhe oferecer..." (p. 96)
Acontece que nem tudo sai como planejado para ambos. Conforme as investigações de Charlotte avançam, fica claro que alguém está disposto a impedi-la de revelar as identidades dos amantes, mesmo que isso signifique tomar medidas drásticas. E Piers, fica mais e mais envolvido por sua futura esposa, sendo capaz de qualquer coisa para mantê-la a salvo.
Charlotte e Piers são dois protagonistas carismáticos, fortes e inteligentes. Charlotte é uma jovem que admira bastante as conquistas das irmãs, mas não acredita que tem algo de excepcional em si. É uma jovem perspicaz, generosa e amável, o tipo de pessoa que imaginamos ter como melhor amigo. Piers é um típico inglês da alta sociedade na superfície: um pouco cabeça dura, determinado e convicto de que está sempre correto e que sabe o que é melhor, mas tem uma complexidade ímpar em sua personalidade. 
O casal tem química e é delicioso de se observar a interação entre os dois. Vale ressaltar que temos a presença de personagens de ambas as séries (Splinde Cove & Castles Ever After) fazendo aparições nessa história, o que enriquece ainda mais a trama.
"Havia amor em algum lugar dele, bem engarrafado, apenas esperando ser servido, como um vinho raro. Podia demorar meses ou mesmo anos, mas Charlotte estava decidida a vasculhar até os porões mais escuros e profundos da alma daquele homem - e tirar a rolha." (p.157)
Avaliação: 5/5
Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/2orQ30V


Confiram as resenhas dos livros anteriores:

* LIVRO RECEBIDO EM PARCERIA COM A EDITORA

Um comentário

  1. Olá!
    Que premissa incrível. Eu já li várias resenhas dessa autora e me chama muito atenção para ler. A trama é bem envolvente e adorei bastante.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.