Resenha Fica Comigo - With Me in Seattle # 1 - Kristen Proby

Sinopse - Ser confrontada na praia por um estranho atraente não fazia parte dos planos de Natalie Conner, que só queria passar uma manhã tranquila tirando fotos. Mas, afinal, porque ele pensou que ela estava tirando fotos dele? Quem é ele? Ela só tem certeza de uma coisa: ele é um gato, extremamente romântico e alimenta a sua alma ferida. Luke Williams só deseja que o mundo lhe dê um tempo, então, ver outra câmera apontada para seu rosto quase faz com que ele ataque a bela mulher atrás da lente. Quando ele descobre que ela não faz ideia de quem ele seja, fica intrigado e até um pouco atraído. O corpo de Natalie parece ter sido feito para o sexo, sua boca é atrevida e Luke não consegue enjoar dela, embora ainda não esteja pronto para lhe contar quem verdadeiramente é. Natalie é uma garota incomum que não lida muito bem com mentiras e segredos. O que acontecerá com esse novo relacionamento quando ela descobrir o que Luke vem tentando esconder?
"Fica Comigo" é o primeiro livro da série With me in Seattle da autor Kristen Proby. A história é narrada em primeira pessoa por Natalie Conner, uma fotógrafa de 25 anos de idade que sofre de insônia e tem problemas de auto estima. Natalie é uma fotógrafa de paisagens e está na praia de Alki em Seattle acompanhada de sua fiel câmera quando é abordada por estranho que tenta pegar a sua câmera. O "assaltante" é Luke Willians, um homem de 28 anos de idade que está fugindo dos holofotes e ao perceber uma câmera em sua direção, acredita que foi seguido e meio que surta. Porém, é completamente surpreendido ao perceber que Natalie não faz ideia de quem ele é e sente-se renovado por poder conversar com alguém sendo apenas Luke.
Natalie tem uma vida muito solitária contando principalmente com a melhor amiga Jules, com quem divide a casa. Ela perdeu ambos os pais há quase três anos e teve experiências ruins em relacionamentos anteriores, o que a deixou receosa quanto a omissões e mentiras.
Luke é um cara muito familiar. Sua irmã mais velha é a Samantha, editora da Seattle Maganize. É bem protetora em relação ao Luke e chega a ser ofensiva. Luke tem um irmão mais novo, o Mark, que é um pescador no Alasca e seus pais, Lucy e Neil, moram em Redmond. Seu pai trabalha para a Microsoft e a mãe é uma artesã. Luke trabalha muito, é gentil e perspicaz. Sofreu com um incidente no passado e seu corpo é repleto de tatuagens com frases em vários idiomas, uma forma de expressar os seus sentimentos.
"Natalie, desde que eu te conheci, meu mundo mudou. Encontrei algo em você que não sabia que estava faltando, mas já queria muito."
O livro é um romance gostoso de se ler, com muitas cenas hots e uma dinâmica interessante entre os protagonistas. Apesar da atração ser imediata, Luke e Natalie vão se cortejando, passando tempo juntos e aprendendo sobre os gostos um dos outros. Um dos pontos que não me agradou durante a leitura foram as declarações de amor prematuras.Isso, mesclado com o número excessivo de cenas de sexo ofuscaram um pouco o que seria um romance leve, clichê, mas super gostoso de se ler.
“Não há nenhum resquício de humor em seus olhos, somente fome. Como se estivesse faminto por mim.”
Os personagens secundários enriquecem bastante o enredo, pois trazem um ar familiar e de amizade à história, como Jules e sua personalidade espontânea. A autora também deixou detalhes que levam o leitor a conhecer os protagonistas do próximo livro.
"Eu também sei que meu coração nunca se sentiu tão pleno, e nunca conheci um homem tão gentil, inteligente e doce como ele. Sinto-me segura com ele, me sinto bonita e protegida."

Para comprar o livro pela Amazon, https://amzn.to/2QfHR0c

7 comentários

  1. Já gostei de cara do título e capa do livro!
    Sou uma romântica assumida e gosto deste tipo de amor, construído ao pouco, negado quase que constantemente!rs
    Esse joguinho de gosto, não gosto, me agrada muito.
    Sem contar a parte hot, que também sou fã!
    Com certeza, vai para a lista de desejados!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi, Carol
    Apesar de não curtir muito capas de livro com modelos, adorei essa capa.
    Gostei da premissa do livro, nossa pela descrição da Natalie ela ainda tem problemas com a estima. Esse livro deve ter cenas bem picantes.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi...
    Ah, um grande problema dos romances hot é isso, cenas excessivas, e um romance prematuro, infelizmente. Apesar disso, gostei do enredo montado, gosto de casais assim, diferentes, que vivem em mundos opostos e acabam se atraindo!
    Eu tenho o livro na prateleira faz um booom tempo, comprei por conta da capa, espero ler ainda esse ano, rs.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá! Embora o livro pareça ser super clichê fiquei com vontade de conferir essa história hein, mocinho que está omitindo informações e mocinha que não gosta que mintam para ela! Também gosto muito quando os personagens secundários são tão bacanas quanto os principais.

    ResponderExcluir
  5. Oi Carolina,
    Confesso que quando vi a capa, confundi com Sempre foi você, ai nem vi o nome do livro e quando comecei a ler sua resenha eu fiquei: que estranho, não lembro de nada disso no livro KKKKK
    Depois que me toquei que eram livros diferentes! Não fiquei muito animada para ler Fica comigo :/

    ResponderExcluir
  6. Carol!
    Uma pena ter tido trechos em excesso de sexo e declarações de amor prematuras para quem apenas estava se conhecendo, mas em sendo romance, mesmo não sendo tão inovador, sempre quero poder ler.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Oi, Carol.
    O livro parece interessante, mas esse excesso às vezes cansa mesmo!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.