Resenha O fogo invisível - Javier Sierra

Sinopse - Qual é a verdadeira origem da arte? O jovem e promissor linguista David Salas não esperava tirar férias de um dia para o outro e ir à Madri – menos ainda encontrar-se lá com Lady Victoria Goodman, uma velha amiga de seus avós que não via havia mais de vinte anos. De repente, os planos para suas férias mudam de maneira drástica e ele se vê em uma corrida surpreendente para desvendar o que aconteceu com um aluno de Lady Goodman, que ela diz ter sido assassinado. Para sua surpresa, a resposta parece estar escondida no mito do Graal e sua ligação com a Espanha. Entre igrejas romanas remotas nos Pirineus, coleções de arte em Barcelona, livros antigos e códigos estranhos, David e seus companheiros nos levam a um enredo cheio de intrigas e mistérios, que nos fazem questionar sobre a origem da inspiração, da literatura e da verdadeira arte.


"Fogo Invisível" é narrado em primeira pessoa por David Salas, um estudioso de 30 anos de idade. Ele é o mais jovem professor de linguística da Trinity College, em Dublin. Academicamente reconhecido, David desde cedo esteve em contato com as palavras e os livros, graças ao seu avô José, um famoso escritor.
Desde pequeno David escondia-se no escritório do avô para conhecer os segredos de suas inspirações e estava sempre cercado por artistas que compareciam à casa da família para conversar sobre literatura, arte e história. Entre esses artistas encontrava-se Lady Goodman, afilhada de seu avô e na época da infância de David, uma promissora escritora.
Os anos passaram e as boas memórias permanecem, mas David passou os últimos anos tão dedicado a sua tese e sua ascensão acadêmica que quase não viveu. E é aí que a chefe do seu Departamento sugere que David tire umas "férias" e viaje para Madrid, onde um livro raro possivelmente será colocado à venda. Como David cresceu lá, a viagem seria um retorno as suas raízes, mas a história muda completamente de rumo quando ele recebe o pedido pessoal da antiga amiga da família, Victoria Goodman.
"O mais decepcionante de tudo isso é que, sentado naquela poltrona de meu avô, com o fatigado romance de Victoria Goodman em mãos e a mente perdida no passado, fui incapaz de interpretar os avisos do que estava prestes a cair sobre minha cabeça". (p. 33)
Victoria é uma autora mundialmente conhecida, é talentosa, inteligente e adora cultivar e estimular as mentes. Para isso, ela criou uma Academia seleta e secreta, com poucos alunos, que ela chama de Montanha Artificial. É onde ela reúne o professor Luis Bello, um respeitado regente de orquestra e estudioso da história da música; Juan Salazar, o Johnny, um jovem que está terminando o curso de engenharia de computação e tem um QI altíssimo; e Ches, uma jovem que terminou a graduação em farmácia, estuda medicina e está se formando em línguas clássicas simultaneamente e Paula Steve, a jovem assistente de lady Victoria.
Os encontros são extremamente filosóficos e o grupo discute a origem das palavras, a criação de diversas histórias e até mesmo de símbolos importantes como o graal. O foco do livro está principalmente nesses debates, que vão trazendo ao leitor uma rica e interessante vertente de estudos, livros e autores.
Conforme a sinopse explica, David se vê em meio a um grande mistério quando lady Victoria confidencia a ele que um dos alunos da Academia foi assassinado enquanto realizava uma pesquisa essencial para desmitificar algo que mudaria a história.
""Você ouve vozes que sussurram coisas. Vê o que outros não veem, e fica difícil não enlouquecer. Além do mais, existem essas sombras... que tentam por todos os meios nos afundar no nada e roubar o fogo invisível da criatividade"". (p. 22)
Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/31wqr5v

*LIVRO RECEBIDO EM PARCERIA COM A EDITORA

* Meu elenco dos sonhos:

Alejandro Gonzales como David Salas

Sara Montiel como Lady Victoria

Ursula Corbero como Paula

Um comentário

  1. Olá!
    O livro tem uma premissa ótima e com uma boa historia. Fiquei bastante interessada pelo livro e de como será o final dessa trama.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.