Resenha Silenciadas - Fredrika Bergman & Alex Recht # 2 - Kristina Ohlsson

Sinopse - Quinze anos atrás: uma adolescente é surpreendida enquanto colhia flores para a celebração do solstício de verão e brutalmente violentada. No presente, um homem é morto em um atropelamento. Ele não tem nenhuma identificação e não é reportado como desaparecido. Ao mesmo tempo, um sacerdote e sua esposa são encontrados mortos em um aparente duplo suicídio. Fredrika Bergman, juntamente com a equipe de investigação de Alex Recht, é encarregada de casos aparentemente desconexos. A investigação leva a uma rede de contrabando de pessoas: um novo agente a operar rotas de imigração ilegal a partir de Bangkok, Tailândia. À medida que a polícia desmantela o esquema, começa a se revelar uma trilha que remonta à década de 1980, a um crime não denunciado, mas cujas consequências irão muito além do que qualquer um poderia esperar.

CONTÊM SPOILERS DO LIVRO ANTERIOR 

"Silenciadas" é o segundo livro da série Fredrika Bergman & Alex Recht e é narrado em terceira pessoa. A primeira parte do enredo é chamada de "No início", onde uma jovem está colhendo flores em uma campina, reclamando do fato de que seus pais a levaram para o interior para comemorar o solstício.

Durante o passeio da jovem, cuja identidade não é revelada, seus pensamentos divagam sobre problemas juvenis, como festas e amizades, mas também sobre o fato de que os pais abrigam pessoas em seu porão. Enquanto a narrativa continua, a jovem se depara com alguém que ela já conhece e sofre uma violência que a marcará para sempre...
"Quando o carro parou na porta da casa, ela ainda estava deitada na campina, incapaz de se levantar. As nuvens pareciam executar um balé canhestro contra o céu azul. O mundo parecia inalterado, embora o seu mundo particular tivesse se espatifado para sempre. Ela continuou lá, deitada, até perceberem sua ausência e saírem para procurá-la. No momento em que a encontraram, já tinha se tornado outra pessoa". (p. 10)
No "Hoje" o leitor é transportado para Estocolmo e acompanha Jakob Ahlbin, um homem religioso que está dando uma palestra a favor dos imigrantes, assunto polêmico no país. Pouco tempo depois ele e sua esposa são encontrados mortos no apartamento e a primeira vista, parece homicídio seguido de suicídio. Segundo as poucas pessoas próximas do casal, uma de suas filhas morreu há poucos dias de overdose e esse teria sido o gatilho do crime.

É nesse contexto que a equipe de Alex entra em cena e descobrem que o caso é muito mais complexo do que se imagina. Além disso, a equipe passa por um momento pessoal muito complicado. Frederika está com a gravidez avançada e passando mal a cada etapa da gestação, Peder divorciou-se; a esposa descobriu sobre as traições enquanto ela sofria de depressão pós-parto e Alex está com a sensação de que sua esposa está escondendo algo dele.

A equipe do Departamento de Investigação Criminal também conta com um novo integrante: Joar Sahlin, um homem de personalidade calma, mas muito observador e sua presença causa um desconforto inexplicável em Peder, que vem agindo de forma descontrolada nos últimos tempos.

Frederika está tentando equilibrar a nova etapa em sua vida. Aos 35 anos de idade, grávida e sofrendo com insônia, pesadelos e com o relacionamento não definido com Spencer Lagergren, um homem 25 anos mais velho, professor universitário e casado. O trabalho também é pesado. Crimes hediondos, vítimas e seus familiares, além de ainda não ter sido totalmente aceita no departamento de polícia por ser uma civil. Frederika está prestes a ter um colapso...

Em paralelo à história que se desenvolve em Estocolmo, temos uma trama secundária se passando em Bangkok, na Tailândia, onde "ela" está realizando uma investigação para um projeto secreto, quando se vê de repente, sendo "apagada" do mundo. Seus documentos, seus e-mails, telefone e até mesmo seus contatos em Estocolmo estão sendo sistematicamente desligados. Quem é ela e por qual motivo estão fazendo isso?

A trama desse segundo livro é bem complexa e muito bem escrita, além de abordar um assunto ainda polêmico que é a imigração e os direitos dos imigrantes. Temos a perspectiva de outros personagens que irão elucidar com mais detalhes essa discussão e fazer com que o leitor reflita sobre tema.
"Dez minutos depois, quando passou pelo controle de imigração e conseguiu entrar no país, o pensamento lhe voltou à mente. A partir daquele ponto, só havia um caminho adiante: o caminho que o levaria para longe da vida que agora, mais do que nunca, ele sabia ter deixado para trás, para sempre". (p. 21)
Para comprar o livro pela Amazon, acesse: https://amzn.to/2HEsIDk

Confiram as resenhas dos livros anteriores:

5 comentários

  1. Carol!
    Gosto dessas tramsa bem intrincadas e complexas, ligadas a uma ficção bem escrita que traz novos personagens que incomodam ao chegar.
    Fiquei bem curiosa.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  2. Olá! ♡ Nossa, que trama intrigante! Preciso urgente ler a série Fredrika Bergman & Alex Recht, ambas as premissas dos livros me intrigaram, principalmente a desse segundo.
    Achei muito importante o livro trabalhar a questão da imigração, que é algo que devia ser mais trabalhado na literatura, pois ainda é uma realidade no mundo.
    A trama parece bem complexa mesmo e nos fazer refletir bastante! Com toda certeza vou querer fazer essa leitura!
    Obrigada pela indicação! Beijos! ♡

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Uau, que livro..Ele trazendo um assunto muito comentando que é os imigrante que saem se seus pais em buscas de lugares melhor. A trama é bem envolvida, ainda mais onde há uma investigação criminal. Muita coisa no livro, fiquei um tanto curiosa por ele. Espero ler!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  4. Oiii ❤ Gostei que o livro fala sobre a imigração, já que acho esse tema muito importante e atual.
    É bem triste o que aconteceu com a garota, assim como com as outras vítimas. Quero saber se todos os casos estão conectados entre si e o que realmente aconteceu em cada um.
    Estou curiosa pra saber como Frederika irá lidar com tanta coisa acontecendo em sua vida ao mesmo tempo.
    Vou querer fazer essa leitura assim como a do livro anterior.
    Beijos ❤

    ResponderExcluir
  5. Olá! A história parece ser bem complexa mesmo, vários enredos, com personagens nem tão perfeitos assim, que além de lidar com essas investigações têm de lidar também com problemas em seus relacionamentos, não é um gênero que eu esteja acostumada a ler, mas estou tentando conferir mais histórias recheadas de suspense, que certamente me custarão algumas horas de meu sono.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.